Tecnologias de sanitização e biodesinfecção

worldfashion • 22/07/20, 15:30

SANOX

photo-2020-07-21-14-19-29O grupo SANOX é uma empresa brasileira, que surgiu por conta dos efeitos da pandemia mundial, gerando uma necessidade na mudança dos comportamentos e hábitos de higienização das pessoas, com o compromisso de erradicar qualquer tipo de contaminação em ambientes, roupas e objetos. Inspirados em uma tecnologia que já vem sendo usada em comércios na Europa, desenvolveram o primeiro Box de Higienização com Ozônio, como forma mais eficiente de sanitizar roupas, acessórios e objetos em geral, uma cabine de higienização pioneira no Brasil.

Os idealizadores desse novo projeto são José Marcelo Bezerra e Júlio César Moraes com larga experiência e expertis, no mercado têxtil, atuando há mais de 20 anos na área de jeans e vestuário e acumularam conhecimentos suficientes para o desenvolvimento e criação do projeto.

Sabedores do poder do ozônio e sentindo a necessidade de reabertura do comércio, desenvolveram o OZONE BOX de forma viável para o mercado brasileiro, com tecnologia e fabricação 100% nacional.

O Ozone Box Higienização tem 1,50m de altura e 80cm de largura, com espaço interno para até 50 peças no cabide, além das barras de inox removíveis, onde podem ser

colocado calçados, acessórios e objetos em geral.

A funcionalidade da cabine é simples e de fácil aplicação:

. Basta ligar na tomada, dar um clique no display de iniciar e programar o tempo de uso.

. Em seguida o Box muda a cor de branco para azul e o ozônio está sendo aplicado por todo o interior do Ozone Box.

photo-2020-07-21-14-19-301. O tempo de espera de desinfecção é de 10 minutos para o processo completo de higienização e sanitização de tudo o que está dentro do Box.

A certificação do gerador de Ozônio foi feita pela Unicamp, atestando 99,99% de inibição e eliminação dos vírus ( Coronavírus, SARS, MERS e H1N1), e tem o selo da ANVISA

visite www.sanox.com.br para mais informações

da redação com informações da Sanox   imagens: fotos/divulgação

DeVant Care

É uma empresa provedora de soluções de limpeza e desinfecção, com portfólio de consumíveis, containers, equipamentos, mobiliário, transporte de produtos para saúde, projetos, coletores de perfuro cortantes e biodesinfecção de ambientes e superfícies, fundada em 2017 pelo executivo Ivam Cavalcante. Noventa por cento do seu portfólio é importado de parceiros da Alemanha, França, Turquia e China e, em breve, dos EUA. Conta ainda com fornecedores nacionais e a maior parte dos seus produtos são exclusivos. Sua rede de distribuição está espalhada em todo o território nacional e tem hoje cerca de 600 clientes ativos, entre eles o Hospital Santa Catarina, Hospital Santa Joana e o Hospital do Coração (Hcor), em São Paulo. A DeVant Care é parceira exclusiva no Brasil da Oxy’pharm, empresa que desenvolveu a tecnologia Nocotech de biodesinfecção de ambientes e superfícies, já presente em mais de 85 países e que agora chega ao país.

imagem2Uma das soluções que vêm sendo utilizadas com sucesso na Europa é a Nocotech, um sistema de geração de vapor seco que libera nanopartículas e distribui de modo uniforme as soluções biodesinfetantes em cada centímetro quadrado sem deixar residual úmido, capaz de matar microorganismos, vírus, bastérias, com ação antimicrobiana e antifúngica, além de atuar no combate ao novo coronavírus. Sua formulação econ-friendly é biodegradável, não tóxica, não alérgica e não corrosiva.

O conceito Nocotech é constituído do equipamento de aplicação automatizada aliado às soluções de biodesinfecção, desinsetização e desodorização. O processo de desinfecção de ambientes com tecnologia avançada dos produtos é intuitivo: é fácil de operar e pode ser programado por qualquer pessoa. O equipamento, móvel, libera um vapor seco com produto a base de peróxido de hidrogênio e prata, uma combinação balanceada, segura, cientificamente testada, analisada e comprovada ação desinfetante, com garantia e efetividade contra o coronavírus e outros vírus, bactérias, fungos e suas variações esporuladas. A biodesinfecção garante ambiente seguro e livre de vírus.

As soluções Nocotech da DeVant Care são projetadas para tratamento em ambientes que vão de 10 m³ a 20.000 m³ e o custo dos equipamentos variam entre R$ 50 mil e R$ 200 mil. “Temos clientes com interesse em compra dos equipamentos para operação dos mesmos com sua própria equipe, e também clientes que estão adquirindo o produto para depois prestar serviço a terceiros, pois o leque de possibilidades para a solução Nocotech é extenso”, afirma Ivam. Pode-se fazer a biodesinfecção desde em residência e escritórios, até o varejo, hotéis, hostels, pousadas, ônibus, metrô, escolas, universidades, asilos, academias, clínicas, aeroportos, aeronaves e transatlânticos, restaurantes, shoppings, hospitais e indústrias, como a hospitalar, alimentícia e farmacêutica, entre tantas outras. “Vale para todas as áreas, hoje é uma necessidade até para constar como diferencial competitivo. O modelo de negócio, que inclui comodato do equipamento varia de acordo com o porte e objetivo do cliente”, finaliza o executivo.

nocotechO sistema já disponível no Brasil e foi reconhecido pela ANVISA. E segundo Ivam Cavalcante Pereira Jr, diretor executivo da DeVant Care, “Cuidar apenas de limpeza de superfície não foi suficiente para limitar o crescimento do número de infectados. A contaminação de ambientes e superfícies deve ser tratada com prioridade. É de extrema importância reforçar o combate à Covid-19, mas a solução não é algo somente para o momento pandêmico, é algo para sempre”, diz Ivam, ressaltando que os produtos já eram requisitados antes da pandemia e devem atender às necessidades do futuro também. “Somos efetivos desinfetadores. A maioria das empresas proporciona a sanitização, que combate. A desinfecção mata”, explica.

da redação com Informações da COMMUNICA BRASIL  imagens:foto/divulgação

NOMES ASCENDENTES NO MERCADO

worldfashion • 22/07/20, 13:37

ALAPHIA

f23089fa-3176-423c-b133-75e8c4645eb8-427x640A paulistana Renata Potomati, formada em Administração de empresas com ênfase em marketing pela ESPM e Master em marketing de moda e estratégias de marca pela INSEESC – Paris, não conseguiu encontrar um emprego que fizesse sentido e nem uma empresa na qual se encaixasse inteiramente, ao retornar ao Brasil em setembro de 2016, após ter trabalhado área de criação da marca Emanuelle Khanh Paris, onde era responsável por organizar e desenvolver o relançamento da linha de Prêt-à-Porter da marca que foi uma das pioneiras do Pret-a-Porter na década de 60.

Esteta desde sempre e motivada pela paixão por moda notou o gap de mercado onde muitas marcas vendiam peças com preços muito altos e sem uma qualidade e acabamento de acordo, foi assim que decidiu criar a ALAPHIA, com olhar cosmopolita, criativa trouxe ao mercado uma marca de roupas que preza pela praticidade, design, conforto e estilo.

Foto: André Ligeiro

520d3d7f-0484-4bad-b8c3-108d9612011f-640x6402dfee892-5862-471a-818a-9a6692be22ec-640x640Percebeu também a falta de peças que fossem adaptáveis a qualquer situação do dia e todo tipo de compromisso, do trabalho ao happy hour. A mulher moderna que Renata queria vestir preza por praticidade sem perder o estilo. Como uma boa paulistana, a coleção imprime o city couture, influenciada pela cultura de uma cidade grande e da arte. Portanto uma marca essencialmente urbana que valoriza a forma, a praticidade e a versatilidade.

Quando começou, Renata Potomati, o mercado de moda nacional ainda copiava o que as marcas internacionais estavam fazendo e sentia falta de marcas autorais. Hoje a fundadora da ALAPHIA se alegra com o cenário diferente do mercado onde se sustentam as marcas com propósito e identidade definidas: “Mais do que nunca as pessoas comprarão propósito, e estilo de vida. É preciso conquistar a confiança do consumidor e se reinventar”, compartilha a empresária de 27 anos.

Atenta e preocupada com o processos, Renata, inspira suas coleções na alta costura e no dia-a-dia de grandes cidades traduzindo isso para peças que não são só bonitas, mas também usuais. Acompanha de perto todas as etapas de produção para assegurar a qualidade dos produtos e a condição de trabalho dos colaboradores. É uma premissa fundamental da marca contar com fornecedores nacionais. Com direção 360º, Renata Potomati está sempre se informando sobre as tendências de mercado e além de levar em conta os fatores macro que afetam o negócio se reinventando e inovando a todo momento com a mesma versatilidade do seu city couture.

da redação com informações da Bossa Comunicação   imagens/divulgação do fotógrafo Rafael Sartori

UMA X

umax-c-0712-427x640Liderada por Vanessa Davidowicz, primogênita de Raquel Davidowicz (fundadora e designer da UMA), marca consolidada no mercado de moda nacional há mais de 20 anos, chega ao mercado a UMA X: uma linha sustentável com o compromisso de criar colaborações que, além de design apurado, tragam significado, transparência, responsabilidade e relevância para a roupa. a coleção traz peças genderless feitas a partir de processos eco-friendly e informação estética para o público mais jovem.

Há um ano do desenvolvimento, entre concepção e produção das peças, e prevista para ser lançada inicialmente em abril, a primeira coleção-cápsula chegou agora em julho, por conta da pandemia, e segue carregando as mesmas características que a distinguem desde o princípio - ética, inovação e, sobretudo, um modelo de negócio sintonizado com as necessidades atuais e futuras dos clientes e da sociedade.

umax-c-0633-640x427umax-c-0424-640x427Com essência colaborativa, a letra X em UMA X vem justamente com o propósito de experimentar e falar com os anseios deste consumidor: remete a um espaço incógnito que será ocupado por parcerias a cada novo drop. Os lançamentos não terão calendário fixo e vêm com preços mais acessíveis (entre R$ 155 e R$ 795).

O primeiro drop conta com 26 modelos, em uma paleta que destaca preto, branco, azul oceano e amarelo dijon, em  tecidos inovadores que refletem o compromisso da marca com o meio ambiente e a produção responsável. Dentre eles está o ECONYL®, um nylon regenerado produzido através do processo de reciclagem e purificação de resíduos plásticos e têxteis coletados em oceanos. A UMA, por meio da UMA X, será a primeira marca brasileira a aplicar essa tecnologia em seus produtos – após um processo minucioso que garantiu certificação para o uso.

“Faço parte de uma geração que já começou a trabalhar com moda sabendo dos desafios ambientais a serem enfrentados nessa indústria. Além disso, percebi uma demanda crescente por produtos conscientes com um design contemporâneo para o dia-a-dia, com uma pegada urbana e cool, algo que a UMA sempre teve no seu DNA”, afirma Vanessa Davidowicz. “Junto ao time de design, começamos a pesquisar inovações têxteis com matérias-primas certificadas e sustentáveis, o que resultou no lançamento da UMA X”, completa.

umax-c-0741-640x427Elaboradas com tecidos mais responsáveis e fornecedores certificados, todas as peças carregam algum tipo de informação ou inovação sustentável, como economia de água no processo de acabamentos, procedimentos biodegradáveis e diminuição de matéria-prima virgem e substâncias químicas. Essas informações estarão nas etiquetas de cada peça, indicando sua origem, fornecedor, certificação e demais elementos sobre os materiais, de modo a criar uma relação de transparência com o cliente.

Com a UMA X, a UMA dá mais um passo em direção à excelência no design e na responsabilidade com o meio ambiente, com pleno entendimento de que o caminho ainda é longo e demanda dedicação contínua para seguir trazendo inovações sustentáveis ao mercado de moda - como a loja Carbon Free que abriu no Shopping Morumbi, em 2007, um dos primeiros movimentos do setor nesse sentido, assim como o uso de tecidos ecológicos nas últimas coleções da marca, com certificados internacionais como o Oeko-Tex Standard 100, BCI (Better Cotton Initiative) e Lenzing.

umax-c-0575-427x6401A coleção UMA X está disponível no e-commerce da UMA https://www.uma.com.br/x e nas lojas físicas UMA (São Paulo, Rio de Janeiro e Nova York), seguindo os protocolos e as determinações de seus respectivos municípios, por conta da pandemia, e adotam as devidas medidas de biossegurança e distanciamento, pensando sempre na saúde e bem-estar de clientes e colaboradores.

Entre estas medidas está a parceria com a Visto.Bio, empresa 100% brasileira de biotecnologia aplicada à sustentabilidade, que lançou um novo spray antisséptico neutralizador de partículas virais em diferentes intervalos de tempo, com capacidade antiviral comprovada frente ao SARS-CoV-2. O produto, que está sendo aplicado em todas as peças das lojas e e-commerce da marca, garante 24h de proteção aos itens e também é um aliado no combate à proliferação de microorganismos, garantindo assim a preservação e conservação de tecidos.

da redação com Informacões da Suporte Comunicação   Imagens:fotos/divulgação

A síndrome de Peter Pan na disfunção tributária

worldfashion • 21/07/20, 13:57

Por Fernando Valente Pimentel*

A economia brasileira está sofrendo muito mais do que as de numerosas nações com a pandemia da Covid-19 porque apresenta problemas crônicos, jamais enfrentados e sanados. Um deles, que afeta diretamente a competitividade, produtividade, investimentos, expansão dos negócios e geração de empregos, é o sistema tributário do País, sabidamente o pior do mundo. Trata-se de um conjunto disfuncional de impostos e taxas exagerados e superpostos, normas confusas e fator de intermináveis demandas jurídicas entre contribuintes e o fisco.

Tal modelo é um dos principais responsáveis pelo “custo Brasil”, que agrega R$ 1,5 trilhão ao ano, o equivalente a 22% de nosso PIB, ao gasto das empresas nacionais para produzir, na comparação com a média das nações integrantes da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE). Esta imensa desvantagem no contexto global, demonstrada em estudo do Boston Consulting Group (BCG), a pedido do Ministério da Economia, corrobora a premência de um sistema tributário simples, de fácil entendimento, menos oneroso à sociedade e não propenso a ambiguidades e interpretações subjetivas.

fernando-pimentelOu seja, não é mais plausível adiar a reforma tributária, reivindicada há mais de 30 anos. No presente modelo, muitas empresas acabam optando por permanecer em regimes fiscais como o Simples, unicamente para evitar a tortura burocrática do labirinto indecifrável de impostos e taxas. Não é rara a abertura de novos negócios apenas para incorporar outras atividades que poderiam ser feitas na própria empresa com ganhos de escala e de escopo.

Obviamente, a fragmentação dos negócios dispersa esforços, pressiona custos e reduz produtividade e competitividade. É inadmissível que o País incuta em seus empreendedores a síndrome de Peter Pan, o menino que não queria crescer, da obra clássica do escritor e dramaturgo britânico James Matthew Barrie. As pequenas e microempresas, de gigantesca importância para a economia brasileira, não podem continuar sendo estimuladas a manter seu porte por mero temor a um sistema tributário hostil, que também fomenta a informalidade e um nocivo antagonismo entre o fisco e os setores produtivos.

Ao contrário do que se observa, o modelo de impostos deveria ser indutor do crescimento empresarial. Estudo apresentado em junho último, durante reunião na sede do Conselho Regional de Economia de São Paulo (Corecon-SP), reitera o significado dos negócios de menor porte, mas também demonstra a relevância de sua desejada expansão para a multiplicação de postos de trabalho: as micro representam 19% das nossas empresas e geram 2,5 milhões de empregos; as pequenas são 71% e empregam 13,5 milhões de pessoas; 10% são médias, nas quais trabalham 14,5 milhões de brasileiros; as grandes são 0,1% do total e mantêm sete milhões de trabalhadores.

Um sistema tributário que incentivasse investimentos e um círculo virtuoso de criação e expansão dos negócios certamente contribuiria para turbinar o crescimento econômico do Brasil, que foi de apenas 2,3% ao ano nas últimas três décadas, ante 2,9% da média global e 5% dos emergentes (Banco Mundial). A defasagem em relação ao mundo é mais acentuada no âmbito da indústria, cuja participação no Produto Interno Bruto nacional caiu, entre 1970 e 2017, de 21,4% para 12,6%. No mesmo período, o setor subiu de 15,7% para 17,3% na composição do PIB planetário (estudo “Desenvolvimento industrial em perspectiva internacional comparada” / IEDI).

A perda de competitividade sistêmica do Brasil tem um preço muito alto para a população, exacerbado na presente pandemia, pois causa desemprego, desigualdade social e precariedade dos serviços públicos de saúde, educação e segurança, prioridades fundamentais à qualidade da vida e ao desenvolvimento. Se, há mais de 30 anos, já precisávamos muito de uma reforma tributária eficaz e alinhada aos melhores modelos globais, agora a medida, inclusive incorporando a tendência digital da economia, é de extrema urgência. Afinal, sua realização será fator decisivo para enfrentarmos com êxito os desafios dos difíceis anos vindouros, nos quais teremos de recuperar o tempo perdido e os danos gravíssimos causados pela Covid-19.

logo1

*Fernando Valente Pimentel é o presidente da Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção (Abit).

da redação com informações da Ricardo Viveiros & Associados Oficina de Comunicação   imagem: foto/divulgação

PRODUTOS UTEIS PARA O MOMENTO DE FLEXIBILIZAÇÃO

worldfashion • 21/07/20, 10:59

VidaBR

A empresa nasceu a partir de uma campanha social para ajudar sertanejos nordestinos e se esforça para ser reconhecida e destacada em ações sociais e ambientais. Em 2012, o estado do Ceará passava pela maior seca dos últimos 50 anos, trazendo dor, sofrimento e fome para a população mais pobre do sertão da pequena Milhã, a 300 quilômetros de Fortaleza, capital do Estado.E foi nesse cenário, pensando em amenizar o sofrimento de seus moradores, que o publicitário Rafael Studart criou a campanha Vida na Seca, que consistia em uma camiseta temática, cujo lucro foi destinado para ajudar os sertanejos. Em um mês foram vendidas 500 camisetas, que resultaram em 16 mil litros de água potável e três toneladas de alimentos distribuídos para 220 pessoas. As camisetas VidaBR são produzidas com 50% de tecido PET reciclado, duas vezes mais resistente e não precisa passar ferro; e 50% em algodão orgânico. Além de proporcionar maior resistência e maciez, possuem o efeito fotossíntese, ou seja, as cores das estampas (árvore, lâmpada, cacto etc.) aparecem na luz solar.

download“Mostrar o resultado final deu credibilidade à ação”, lembra Studart. “Mostramos todo o passo a passo, desde a confecção do primeiro lote de camisetas até a entrega dos alimentos. Foi importante porque as pessoas que colaboraram viram os frutos da ajuda delas”.

O resultado da campanha foi tão inspirador que mudou completamente os rumos da carreira profissional de Studart, que deixou seu emprego em uma agência de publicidade para investir em seu novo negócio.

Assim nasceu a VidaBR, marca de vestuário sustentável, que traz em seu DNA a garra e força do sertanejo nordestino, cuja missão é a de ser reconhecida como a empresa que mais se destaca em ações sociais e ambientais, como o projeto Jornada Sustentável que, junto ao Beach Park, retirou mais de 10 toneladas de lixo da praia.

“Muito mais que vender camisetas ou outros produtos, propomos às pessoas que vistam uma causa”, comenta Studart.

Trabalhando no conceito Slow Fashion – que preza pela diversidade e sustentabilidade em todo o processo de produção e criação, a inspiração para criar as peças vem dos elementos regionais como galhos secos, sol, terra, vida etc. Dentro deste conceito, moda é apenas um detalhe, “nossa proposta é criar estampas atemporais e lançar aos poucos”, diz.

pulseira-325x640Para este ano, além da produção de camisetas, a VidaBR também está apostando em novos projetos como a produção de máscaras, mais sustentáveis, produzidas com uma camada 50% PET, outra 50% de algodão orgânico e mais uma de TNT, garantindo assim, mais segurança; e totens de PVC para álcool gel, com acionamento via pedal.

A VidaBR conquistou o certificado de Site Sustentável porque contribui para neutralizar a emissão de gases nocivos ao meio ambiente como CO2, fazendo replantio de árvores na Mata Atlântica.

Com conceito slow fashion, que une tecnologia, sustentabilidade e causas sociais, acaba de desenvolver uma pulseira porta álcool gel. Feita de silicone, o produto é extra macio e flexível. Além disso, é de fácil utilização. Basta encaixar os pinos dentro dos orifícios, de modo que fique confortável. Depois com uma seringa é preciso apenas injetar o álcool em gel dentro da abertura e pronto. Está pronta para ser usada.

A novidade chegou com a função de tornar a vida das pessoas mais práticas e segura, principalmente, neste momento de pandemia.  Ela é capaz de armazenar até 8ml de álcool em gel, mas também pode ser utilizada para outras finalidades como porta-protetor solar, repelentes, loções hidratantes e luvas químicas. O importante é sempre deixar as mãos e peles limpas e protegidas ao longo do dia. “Nosso intuito é trazer maior facilidade, simplicidade e segurança para a vida das pessoas, sem esquecer de envolver nesse processo o desenvolvimento sustentável”, conclui Rafael Studart, CEO da VidaBR.

Com valor aproximado de R$ 39,80 voce encontra no site https://www.vidabr.com.br/

da redação com informações da  Oficina da Comunicação Integrada  imagem: foto/divulgação

Castanhal

Empresa sediada na cidade de Castanhal (PA), é a maior produtora de fios, telas e sacarias de fibra de juta do país.  A juta é uma cultura totalmente integrada ao bioma amazônico, plantada na calha dos rios, sem provocar danos à floresta. Todo o processo de adubação é feito naturalmente pelo húmus deixado pelas cheias dos rios amazônicos, sem necessidade de adubos químicos. Sustentabilidade é essencial para oferecer ao mercado produtos de qualidade e com versatilidade de aplicação. Por ser 100% sustentável no seu plantio e no seu processamento, a juta quando descartada, não deixa resíduos no meio ambiente. Economia Circular e Social em todo o processo, apoiando milhares de famílias ribeirinhas tornando a juta sua principal fonte de renda e oferecendo uma atividade econômica com menor impacto ambiental.

photo-2020-07-17-13-45-11A Covid-19 colocou o mundo de cabeça para baixo, e há necessidade de novos hábitos, sendo o uso das máscaras, um dos principais aliados na prevenção da Covid-19, e para seguir as recomendações sanitárias, o acessório se transformou em moda.  E com a flexibilização e o retorno gradativo à rotina surge um novo desafio: as máscaras precisam ser trocadas a cada três horas, no máximo, ou seja, é preciso carregar quantidade suficiente pelo período em que estaremos fora de casa, acondicionando-as de forma a se manterem esterilizadas. E também é preciso guardar as máscaras usadas, caso não sejam descartáveis, para que possam ser posteriormente higienizadas. O cuidado nesse momento é fundamental para que não contaminem o ambiente onde serão guardadas.

Pensando nesta necessidade, a Castanhal, junto com a artesã Del Carmem Vilar, parceira há cinco anos, desenvolveu dois modelos de necessaire, que podem ser usados para armazenamento das photo-2020-07-17-13-45-10máscaras limpas e para aquelas que já foram utilizadas.  Ela elaborou dois tipos de necessaires em juta para o acondicionamento das máscaras, sendo uma de 31×20cm, feita com o recorte da sacaria ‘Cafés do Brasil’ 30 quilos, e outra com a tela de juta F9, medindo 21×13cm.  Mais dados entre em contato com a Castanhal no site www.castanhal.com.br

“Uso a juta em meus trabalhos porque valorizo a fibra sustentável. A estampa de café nas necessaires combina com a matéria-prima e confere um ar mais fashion ao produto. Estamos vivendo um momento que exige muito o autocuidado e seguir as orientações com estilo transforma o dia a dia para melhor”, afirma a artesã Del Carmen Vilar.

da redação com informações da Persona Consultoria de Comunicação  imagens: fotos/divulgação

AS NOVIDADES NA MODA URBANA E FITNESS

worldfashion • 17/07/20, 18:26

Umbro Brasil

umbro_street_0186-1-427x640Amplia sua atuação no mercado brasileiro e decide ir além do futebol em sua nova linha de street style, a coleção Casual. Com peças contemporâneas, a nova campanha visa ampliar horizontes, buscando destacar a atuação no visual urbano com peças que refletem muito do histórico de referencial estético da marca.

Os novos calçados, camisetas, bermudas, calças e agasalhos, com designs que fazem parte do DNA da marca, misturando tradição com o que há de mais moderno em traços urbanos e em tecnologia na moda, o que faz da coleção uma forma de expressão a ser exposta em várias situações do cotidiano.

“A própria associação da Umbro ao futebol é sempre muito ligado à percepção visual que trazemos às peças, que sempre leva a estética do futebol para além do campo. Nossa tradição já está ligada a romper barreiras e inovar, entender tendências e alinhá-las com nossos próprios referenciais. Vamos seguir investindo nessa linha de produtos, abrindo caminho para novas coleções”, diz Eduardo Dal Pogetto, brand manager da Umbro Brasil.

umbro_street_0354-427x640A campanha dialoga também com novos públicos, buscando uma aproximação por meio de uma nova abordagem de estilo e vestuário. A coleção será dividida em três “famílias”: Block Colors, Diamond e Line. A primeira é inspirada nas cores da marca e é representada por blocos de core, com recortes contrastantes, ornando o logo junto à estética das peças. A segunda, Diamond, é inspirada no logo da marca. com a utilização do diamante aparecendo em aviamentos como fitas e outros detalhes. A família Line foi criada a partir das linhas que formam o logo da marca, representadas nas peças por duas faixas em contraste em conjunto com o diamante em destaque – esta família traz o esportivo e moderno na medida ideal.

Todas as peças estarão disponíveis para visualização e compra no site da Umbro Brasil: http://www.umbro.com.br.

Sobre a Umbro

Fundada em 1924, a Umbro é a autêntica marca do futebol, pois se dedica a este esporte há mais de 90 anos. Nascida em Manchester, Inglaterra, a Umbro tem seus produtos usados dentro e fora de campo em mais de 100 países por todo o mundo. Hoje, a companhia soma sua herança na alfaiataria esportiva com uma moderna visão do futebol para criar roupas, calçados e acessórios que combinam desempenho e estilo.

da redação com informações da Máindi – Engajamento e Performance

VANS

9838d7b12e4d8bf16a3e55950668d6d9-640x475Recheada de nostalgia do ano 2000, a coleção Vans2K é composta por uma grande amplitude de vestuário e acessórios. A peça central da coleção é a Anorak Vans2K, uma jaqueta composta 100% de nylon ripstop com bolso de remendo duplo, zíper invisível no bolso do lado esquerdo peito, etiqueta exclusiva da coleção bordada no bolso frontal, além de contar com a icônica heeltab de borracha costurada no capuz da peça. O Vans2K Crew é construído com tecido aveludado, tingido em duas cores, além de receber as etiquetas exclusivas da coleção a625ef2d2ad57b02902755d9004a751b-558x640bordadas no peito e na parte traseira do moletom sem capuz.

Complementando o vestuário, o lançamento de vestuário elevado apresenta a calça cargo de modelagem larga, composta 100% de algodão com reforço nas costuras e detalhes da coleção Vans2K, juntamente com a calça de moletom Vans2K Fleece Pant, composta por um mistura de algodão e poliéster, recebendo bolsos laterais com zíperes e finalizada com a assinatura exclusiva da coleção: heeltab de borracha bordada.

Da mesma maneira que um arquiteto desenha e um skatista reinventa, um DJ pega um som criado por outra pessoa e encontra maneiras únicas de torná-lo seu. Para celebrar a o espírito “Do-It-Yourself” (Faça Você Mesmo) e os criadores de músicas na cultura criativa global, nesta temporada a b938eab08313c4a4f0f2afda6449848c-433x640Vans une os universos analógico e digital para apresentar a coleção Vans2K, composta por fabricações premium, silhuetas modernas e progressistas, além de prestar toda a atenção aos detalhes minuciosos. Tingimento, costuras em zigue zague, estampas Checkerboard e tecidos aveludados são as principais características dessa elevada e moderna coleção de vestuário.

A coleção Vans2K estará disponível em revendedores autorizados e em vans.com.br.

Sobre a Vans

A Vans®, parte da VF Corporation (NYSE: VFC), é a marca original tênis, vestuário e acessórios para action sports. As coleções autênticas da Vans® são vendidas em 84 países através de uma rede de subsidiárias, distribuidoras e lojas parcerias. A Vans®? possui mais de 2.000 lojas ao redor do planeta, incluindo lojas próprias, franquias e portas parceiras. A marca Vans® promove a expressão criativa na cultura jovem com os action sports, arte, música e cultura de rua além de entregar plataformas progressistas como o Vans Park Series, Vans Triple Crown of Surfing®, Vans Pool Party, Vans Custom Culture e o hub cultural e espaço para a música internacional House of Vans.

da redação com informações da MktMix Assessoria de Comunicação   imagens: fotos/divulgação

img_3161-copia-640x427DKL MODAS

Um dos maiores e-commerces de moda no Brasil, lançou a coleção Happiness, que investe em inclusão, para ressignificar conceito de moda fitness e valorizar corpo real.

As estrelas do lançamento são Fabiana Karla, Lucy Ramos, Giovanna Lancellotti e Carol Castro, que propõem ressignificar o conceito de moda fitness, valorizar a diversidade da img_3460-copia-427x640beleza feminina e estabelecer uma relação de confiança entre a mulher e esse estilo de roupa. A novidade conta com tops, leggings, shorts e acessórios cheios de brilhos e cores, trazendo felicidade e reforçando a roupa de ginástica como uma ferramenta de bem-estar. A campanha foi clicada por Sérgio Baia, com styling de Marcell Maia e beleza assinada por Krisna Carvalho, além da direção geral de Arianny Vianna, fundadora da marca.

Depoimento Fabiana Karla: “Ver as pessoas aceitando quem elas são e amando todas as suas diferenças me deixa com um sorrisão estampado! E é exatamente essa a proposta dessa campanha, quebrar padrões e incluir a felicidade e o amor próprio na nossa rotina, e propõe: Que tal se vestir de felicidade?”

Depoimento Giovanna Lancellotti: “Felicidade é sinônimo de enxergar amor em todos os detalhes. É compartilhar momentos bons com pessoas especiais, mas saber curtir a própria companhia. É agradecer pelas diferenças que nos tornam únicos! Esse conceito é imenso, mas muito singular.”

img_2544-427x640Depoimento Carol Castro: “Compartilhar sentimentos bons num momento tão delicado como o que estamos vivendo é lindo e muito necessário. E se você me perguntar o que me deixa com o coração cheio de felicidade, eu vou dizer que é enxergar a alma das pessoas. Independente da sua resposta, tenho certeza que o amor é sempre um dos motivos.”

campanha-dlk-modas-happiness-427x640A marca surpreendeu trazendo um time de artistas engajadas e que representam a diversidade da beleza feminina, Fabiana Karla, Lucy Ramos, Giovanna Lancellotti e Carol Castro, para a campanha da coleção Happiness, que conta com novos modelos de tops, leggings, shorts, bermudas e acessórios em seu portfólio de produtos.

Com estilos e belezas complementares, as estrelas simbolizam para a marca a inclusão da diversidade e a felicidade que qualquer mulher pode sentir ao vestir uma roupa de ginástica. “Vamos na contramão de um conceito retrógrado e colocamos cor, brilho e qualidade nos tecidos, tornando uma legging e um top uma ferramenta de bem-estar para qualquer mulher”, comenta Arianny Vianna, fundadora e CEO da DLK Modas.

A campanha da DLK contou com um time de profissionais renomados no cenário nacional, como o stylist Marcell Maia, o fotógrafo Sérgio Baia, o beauty artist Krisna Carvalho, o vídeo maker Fabrício Barreto, além da direção geral de Arianny Vianna e Leonardo Monteiro. A coleção foi lançada no úçtimo dia 15 e está disponível no site da marca www.dlkmodas.com.br.

da redação com informações da Melina Tavares Comunicação  imagens: fotos/divulgação

A LENDA: Onde nasce o céu

worldfashion • 13/07/20, 15:36

A Coleção de verão 2021, por Victor Dzenk teve como  inspiração a mitologia das terras sagradas da Riviera Maia, Victor Dzenk resgata a lenda do beija-flor como tema para sua coleção de verão 2021. Conta-se que após todo o processo de criação do mundo, os deuses sentiram a necessidade de um mensageiro que transportasse com rapidez e agilidade seus desejos e victordzenk_0119-01-512x640pensamentos de um lugar para o outro. A partir de um sopro sobre uma flecha esculpida em jade, nasceu um belo beija-flor multicolorido. Leve, frágil e dotado de extrema rapidez, o pássaro sagrado voava por todo o mundo colhendo sentimentos e transportando amor e alegria, sem que o homem o percebesse.

E em sintonia com as passarelas internacionais, uma brisa dos anos 70 embala a coleção da marca. A cartela de cores combina tons neutros dos tecidos de fibra natural, ao amarelo saffron, laranja dália, rosa papaya, verde tropical e vermelho hibisco dos linhos e viscoses.  As estampas de Victor Dzenk para a próxima estação são leves, diversas e nada monótonas: o degrade estampado em linho, vai dividir espaço no closet das clientes com estampas de estilo boho chic, poás coloridos e folhagens tropicais nativas do México. As golas disco em vestidos de comprimentos midi, e o efeito lenço de algumas saias plissadas e blusas dão o toque ousado e moderno para as produções. A vibe praiana característica da marca fica a cargo das kaftãs de viscose, saídas de praia em malhas crochê, e nas pecas de voil estampado. Maiôs e tops de crochê dão um toque handmade em vários looks do catálogo. O monograma VD criado pela marca retorna mais despojado e em nova coloração, estampando looks de moletom que prometem ser a melhor escolha para momentos mais casuais.

Coleção Victor Dzenk  Verão 21 | A lenda: onde nasce o céu

Data: 14 de julho, às 20h

Nas plataformas digitais da marca.

@victordzenk @victordzenkoficial

Victor Dzenk OFICIAL no YouTube

da redação com informações de Gabriel Reis  e imagens: foto/divulgação

CALÇADOS

worldfashion • 10/07/20, 19:23

HS - HOMEM DO SAPATO

jonas-esticado-612x640O estilista cearense Jhonatan Rêgo vem conquistando os pés de grandes artistas brasileiros, ele é o diretor da empresa Homem do Sapato, uma marca que se tornou referência nacional em calçados masculinos, ele tem no seu catálogo de clientes grandes artistas como os cantores Gusttavo Lima, Xand Avião, Wesley Safadão, a dupla Jorge e Mateus, Jonas Esticado, os integrantes da Banda Melim, os apresentadores Rodrigo Faro e Geraldo Luís, os atores e influenciadores Whindersson Nunes, Silvero Pereira, Igor Saringer e João Quirino, os atletas Willian Arão e José Aldo, dentre muitos outros. O estilista também foi um dos destaques do DFB Festival maior evento de moda autoral da América Latina.

Com criatividade , simpatia e carisma, o jovem estilista conquistou um público fiel de artistas e influenciadores e se tornou referência na hora do calçar. Elegância, estilo e sofisticação são as palavras chaves para definir os calçados da empresa que criou, Homem do Sapato leva o conceito de que um sapato é muito mais do que o calçar. “A HS preza por muito estilo e identidade, com sapatos exclusivos e de design  diferenciados. Estamos lançando atualmente a linha Flag, uma coleção de modelos premium que carrega o conceito da campanha atual ‘Your Next Step’, uma experiência completa de bell-marques-480x640jorge-e-mateus-480x640calçar por meio de um sapato de alto padrão, um box super moderno e atendimento de excelência”, destaca Jhonatan Rêgo.

Para Jhonatan, a Homem do Sapato é resultado de um esforço contínuo. “É fruto de um sonho e de muito trabalho meu e de todos que acreditaram na minha ideia. O intuito é a expandir ainda mais a nossa marca para todo o Brasil”, completa o estilista.

banda-melim-540x6401A HS nasceu em 2014, a partir da visão e do desejo do estilista Jhonatan Rêgo em inovar. A brand é conhecida por apresentar aos seus clientes experiências únicas, desde o atendimento, em lojas conhecidas mundialmente pelo termo Flagship Store que traz as tendências de lojas-conceito, até a tecnologia para o desenvolvimento de calçados como solados exclusivos. Todos os produtos são desenvolvidos com couro e materiais de alta qualidade. A matriz é em Fortaleza, e a brand tem franquias em João Pessoa, Salvador, Teresina, Manaus, e novas lojas previstas para serem abertas ainda em 2020.

da redação com informações da Capuchino Press   imagens: fotos/divulgação

ASICS

O período Edo é um dos mais importantes da história Japonesa e também o antigo nome da região onde se estabeleceu a capital Tóquio que conhecemos atualmente. Foi durante esse período que a reutilização e a reciclagem foram parte integrante da vida no Japão - as pessoas viam tudo como um recurso valioso, desde roupas velhas e papel usado até panelas gastas, itens de cerâmica quebrados e pingos de cera de vela. Valorizando as práticas ecológicas do Período Edo no Japão, dos séculos XVII a XIX, foi lançado a coleção Edo Era Tribute Pack, seguindo o acordo e o compromisso da ASICS com a sustentabilidade em vários aspectos de seus negócios.

21Todos os modelos da coleção, empregam na parte superior, fibras de poliéster recicladas feitas de um total de cerca de 300.000 garrafas PET. Essa novidade representa o primeiro passo da ASICS em direção ao uso de 100% de fibras de poliéster recicladas em todas as suas partes superiores dos calçados até 2030, para ajudar a combater as mudanças climáticas. Além do menor uso de materiais, também houve a troca de tintas à base de óleo para tintas à base de água que acabam rendendo muito mais.

Para o cabedal dos tênis, a ASICS imprimiu símbolos gráficos que incorporam uma combinação de dois estilos de letras da Era Edo, em memória à inspiração desse período. Um estilo de letras é yose moji, normalmente usada para pôsteres e folhetos. O outro é o kakuji, um estilo de caractere quadrado e grosso, que geralmente aparece em pedaços de papel que os adoradores costumavam postar nos portões de santuários e templos.

Ainda com foco em sustentabilidade, as caixas de tênis sustentáveis serão utilizadas gradualmente a partir de julho de 2020, sendo totalmente substituídas em 2021, reduzindo assim as emissões anuais de CO2 da ASICS em aproximadamente 1.200 toneladas.

Toda a coleção fica disponível no e-commerce da ASICS, com numeração do 34 ao 43. Corre para garantir o seu

da redação com informações da Agência Lema

INSECTA SHOES

insecta-ca-9568encer-intl-14275-427x640insecta-ca-9568encer-intl-14061-640x512Marca de sapatos veganos e ecológicos, cujos modelos são feitos com a reutilização de roupas vintages, garimpadas em diversos locais, e tecido ecológico feito com a reciclagem de garrafas PET. O solado também é de borracha reaproveitada e o restante dos materiais usados são excedentes da indústria. Todos os sapatos da Insecta são inteiramente produzidos no Brasil, no Rio Grande do Sul, região em que a empresa foi fundada.

A empresa em parceria com a Wildness Studio criou para o mês de Julho para homenagear os nascidos sobre o signo de câncer  e considerando as características dos nascidos sobre este signo, que é regidos por Vênus e Júpiter, e são pura emoção, com sensibilidade e intuição suas melhores qualidades. Assim o Scarabeus de cancer traz estampas de flores como rosas brancas, lírios e jasmim que mais representam esse signo e expressam romantismo e tranquilidade. A  edição é limitadíssima, disponível até dia 20 de julho com frete grátis para todo Brasil. Dá uma olhada em www.insectashoes.com. Todo mês teremos uma nova estampa que ilustrará as principais características do signo vigente.

da redação com informações da CPO Comunicação  imagens: fotos/divulgação

BIRKENSTOCK

birkenstock-1001135-84990-1-640x340dc0366-7913-22004-f-489x640Tendência já estabelecida no Hemisfério Norte há anos, o combo sandálias + meia começa a ganhar adeptos no Brasil a cada temporada, protegendo do frio e garantindo muita personalidade aos looks.

As sandálias Birkenstock, marca de calçados alemã, é uma referência mundial no quesito conforto e estilo, confirma a tendência, com seus modelos combinados com as meias divertidas da italiana Calzedonia que dá o styling ideal para esta estação, com a prioridade de ficar sempre aquecido e confortável, mas sem perder o estilo.

da redação com informações da Suporte Comunicação    imagens: fotos/divulgação

AREZZO

4da24ec9f15f3c0a6b7ebf3b67cbe0ae-427x640755ef078a672867abfc34c556172a6d7-427x640Em modelos modernos - e confortáveis! - como as mules e flats, a coleção Arezzo Pop Metal, traz a energia dos tons de azul e rosa, além do clássico dourado, para o mundo fashionista. As peças são a certeza de glamour instantâneo ao look, e garantem um ponto de luz para qualquer visual. Tanto para o dia, quanto para a noite, as peças dão um ar sofisticado e fun para as composições. E claro, para as amantes de salto, a marca também traz opções irresistíveis, como as mules de salto, e as sandálias com salto taça - trend alert!

As peças da linha POP METAL são um convite para o Preview do Verão 21, em as criações metalizadas destacam essa tendência que já virou um must have no mundo e no Brasil disponíveis nos canais e-commece e lojas da marca.

da redação com informações da MktMix Assessoria de Comunicação

Everclean

worldfashion • 10/07/20, 11:11

A tecnologia Everclean da Canatiba Denim Industry, foi desenvolvida com foco nas demandas mais urgentes de um mundo em transformação. São tecidos capazes de prevenir a proliferação de vírus, bactérias e fungos, com acabamentos inovadores e sustentáveis.

2A primeira base é o Sarkozy, um denim de 9 Oz, com 98% algodão e 2% elastano, Best Seller Canatiba. No seu acabamento, esse tecido recebe uma resina que repele líquidos além de um tratamento especial desenvolvido pela companhia suíça Sanitized, utilizada até então em produtos para uso esportivo.

4Trata-se de um óleo de hortelã, absolutamente natural e sustentável (risco zero de agressão ao meio ambiente) que garante proteção contra bactérias, fungos e mofos. O resultado é um produto que, além de impermeável, é livre de odores e não perde as características de conforto e toque de um bom índigo Canatiba.

O tratamento permanece no tecido por mais de 30 lavagens caseiras. A única exigência é que as peças confeccionadas com esse denim passem por um processo de amaciamento (e não lavagem) na lavanderia industrial, conservando suas características.

Os tecidos com tecnologia Everclean fazem parte da plataforma Smart Denim da tecelagem, criada para agrupar tecidos que se destacam por suas propriedades funcionais, na vanguarda tecnológica do segmento.

3Como o Molly, uma base 100% Tencel para camisaria (5 Oz), desenvolvido em duas cores – o índigo original e o azul brilhante. A proteção diminui consideravelmente a demanda de lavagens caseiras e, por isso, prolonga a vida do tecido.

E o Terapia com 56% de algodão e 44% de viscose, esse tecido recebe acabamento HeiQ Viroblock, com sais de prata e vesícula lipossomal, um princípio usado na produção de remédios contra o câncer. A prata se conecta ao vírus e os polissomas destroem os microrganismos que aderem à roupa, com eficiência de 99%.

Desenvolvido em 6 cores (preto, marinho, azul, verde, vermelho e branco), o Terapia é ideal para a confecção de roupas utilizadas por profissionais de saúde, constantemente expostos ao contato com pessoas infectadas.

Sem perder de vista seu compromisso sustentável, a Canatiba prossegue procurando agregar valor à cadeia têxtil e contribuir com desenvolvimento humano em todas as frentes que atua.

da redação com informações da Duo Press  imagens: fotos/divulgação

V.PROTECTIVE

worldfashion • 08/07/20, 11:39

vicunha-_tecidos-funcionais-452x640Chega ao mercado com o intuito de oferecer segurança e cuidado às pessoas no atual contexto de enfrentamento à Covid-19 e também no cenário pós-pandemia, uma coleção de tecidos com acabamento que dá além do efeito obtido de neutralizar: a inovação nestes tecidos que é capaz de inativar e imobilizar vírus envelopados. Os tecidos que utilizam a tecnologia Suiça HeiQ Viroblock by CHT contam com uma combinação inovadora de duas tecnologias: a atividade antimicrobiana dos sais de prata e a tecnologia de vesículas de gordura, que são capazes de destruir mecanicamente a parede dos vírus envelopados (incluindo o SARS-CoV-2). Além de efeito antiviral comprovado, a tecnologia tem efeito também contra bactérias e fungos.

A tecnologia foi testada contra vários tipos de vírus respiratórios (envelopados) incluindo H1N1, HCoV-229E Coronavírus e recentemente a tecnologia foi testada contra o SARS-CoV-2 - vírus responsável pela COVID-19. Testes conduzidos em laboratório pela inovadora empresa suíça HeiQ, juntamente com Instituto Peter Doherty de Infecção e Imunidade em Melbourne, Austrália (Doherty Institute) mostraram que os tecidos testados apresentaram uma rápida ação antiviral. Os resultados indicaram uma redução de 99,99% de vírus SARS-CoV-2 relativo ao inóculo controle.

De olho em um consumidor cada vez mais sensível às transformações do mundo e mais atento às suas escolhas, preocupado com aspectos como segurança, praticidade e conforto, a solução anunciada pela Vicunha visa auxiliar o mercado de moda na criação de roupas que possam facilitar o dia a dia das pessoas neste momento, além de proteger contra o vírus.

A durabilidade deste acabamento é de 30 lavagens domésticas suaves a uma temperatura máxima de 40oC.

german_imgl7709-ok-427x640“O consumidor precisa da ajuda da indústria e do varejo para acessar soluções adequadas à sua nova forma de viver. Por isso, desenvolvemos tecidos funcionais em nossa coleção de denim e denim colour, que receberam tratamentos têxteis especiais para atender aos novos anseios da sociedade neste momento desafiador”, explica German Alejandro (na foto à esquerda)  diretor de Marketing e Vendas da Vicunha.

A novidade é uma das primeiras tecnologias têxteis no mundo a serem testadas com eficácia comprovada em laboratório contra o coronavírus. A coleção também contará com tecidos tecnológicos que repelem líquidos e gotículas de saliva, além de opções que eliminam bactérias, evitando sua proliferação.

“Sabemos que o consumidor está revisando suas prioridades e não é de hoje que ele está em busca de produtos que facilitem sua rotina e suas atividades em geral. Com a pandemia, essa necessidade se acelerou e temos um mercado pedindo por elementos que se adequem ao novo lifestyle das pessoas”, conclui German.

Desde o avanço da epidemia pelo Brasil, a Vicunha esteve à frente de importantes ações com foco na garantia da saúde, bem-estar e segurança das pessoas, como a criação de um banco de tecidos para apoia a projetos voltados à produção de máscaras e itens médico hospitalares, a doação de 27 mil EPIs às secretarias do Ceará e Rio Grande do Norte e a reabertura de sua Sala de Costura para produção de 36 mil máscaras para funcionários, suas famílias e comunidade. A empresa também criou o site “Juntos no combate ao coronavírus”, canal oficial para orientações, serviços, notícias do setor e informações úteis sobre a pandemia para todos o seus públicos.

da redação com informações da Press Pass    imagens: fotos/divulgação

Balmain 75 anos

worldfashion • 07/07/20, 16:33

07 de julho de 2020, Paris.

Por Olivier Rousteing em 07 de julho de 2020, Paris.

photo-jul-05-8-35-16-pm-427x640photo-jul-05-8-37-33-pm-427x640Acho que iremos nos lembrar para sempre da sombria primavera passada, marcada por estranhos novos medos e isolamento obrigatório. Mesmo para aqueles que tiveram a sorte de ter apenas que lidar com as frustrações do Zoom e angústia, o recente confinamento deixou muito claro o que tínhamos como certo até aquele momento. Forçados a nos separar, de repente percebemos que dependíamos de estar juntos. Trancados por dentro, desejamos a beleza dos espaços públicos photo-jul-05-7-37-44-pm-427x640photo-jul-05-8-26-41-pm-427x640de Paris, nossa cidade natal. E, diante dos intermináveis relatos de inacreditáveis perdas, conseguimos entender de verdade o poder transformador da solidariedade.

Hoje, reunidos de amigos e continuando a praticar o distanciamento social, celebramos nosso retorno a Paris, bem como nossa redescoberta da força de eternos valores.

Embora possamos estar felizes em brindar o desconfinamento, photo-jul-05-7-40-05-pm-427x640photo-jul-05-8-03-41-pm-1-427x640sabemos muito bem que o perigo ainda é presente e continuamos a pensar em todos aqueles que estão passando pelos momentos mais difíceis da pandemia. O evento de hoje aguarda com esperança e confiança nas mudanças e no progresso que teremos pela frente.

Como sabemos, outras lutas também continuam. Novos pedidos de justiça e igualdade - ouvidos nas ruas de todo o mundo - estão reagindo a trágicas perdas, mas sua força nos permite sonhar com photo-jul-05-7-31-00-pm-1-512x640photo-jul-05-8-26-38-pm-427x640possibilidades de mudanças, impulsionadas por uma nova energia e a um conjunto de diversas e determinadas jovens vozes. A dança de hoje é inspirada neste momento e no desejo de progresso.

De onde vem todo o otimismo de hoje? Talvez seja um reflexo da minha própria história pessoal - afinal, não faz muito tempo que alguém como eu não conseguiu ocupar a posição que estou hoje. photo-jul-05-8-49-55-pm-427x640photo-jul-05-12-37-16-pm-427x640Mudanças acontecem e o progresso é possível.

Amo trabalhar em uma grife que me apóia tanto e que se uniu a minha busca pela inclusão e mudanças desde o meu primeiro dia de trabalho. Sempre achei interessante que meu próprio pensamento otimista de um futuro melhor seja algo que reflita ao legado incomum de Pierre Balmain. Há 75 anos, nosso fundador decidiu arriscar-se durante um período incerto e inaugurar sua marca de alta costura. O que a Maison Balmain e seus diretores criativos produziram, década após década, foi um ingrediente-chave ao renascimento do pós guerra da moda parisiense. Estamos felizes em apresentar alguns de seus incríveis e atemporais designs.

photo-jul-05-7-29-21-pm-640x427photo-jul-05-8-23-20-pm-640x427Tive a sorte de ser escolhido para desenvolver essas fundações. Também mostraremos um pouco da evolução da Balmain na última década, concentrada na alfaiataria de alguns dos meus principais designs de vestidos e jaquetas, cada um demonstrando como a silhueta da Balmain do século XXI canaliza o espírito de mestres do passado.

É claro que o passeio de barco de hoje deixará clara toda a incrível beleza de nossa Cidade das Luzes. Mas Paris é muito mais do que suas famosas avenidas, elegantes pontes e arquitetura icônica. É a mistura de refinamento, liberdade, diversidade e criatividade da Ville Lumière de hoje que inspira a mim e minha equipe enquanto trabalhamos em nossas coleções. Assim como Pierre Balmain, sabemos que nunca poderíamos separar esta casa desta cidade, que realmente é a capital mundial da moda.

O momento de hoje depende de muitos talentos. Em particular, gostaria de agradecer a Andrew Makadsi, photo-jul-05-7-38-17-pm-1-427x640que trabalhou em estreita colaboração conosco para desenvolvermos este conceito criativo. E, depois do incrível trabalho que ele fez para o meu desfile masculino em janeiro, é claro que pedimos a Jean-Charles Jousni que criasse uma nova coreografia. Também estamos felizes por termos os mesmos dançarinos de janeiro. Não consigo imaginar uma dupla melhor do que a voz sublime de Yseult e as belas vistas parisienses de hoje. E com muita honra e orgulho, fizemos a primeira transmissão ao vivo de um evento de uma marca de luxo no Tik Tok, ressaltando o espírito jovem e sempre inovador da Balmaim.

Espero que tenham gostado da surpresa que preparamos e comemorado comigo a querida cidade natal, Paris, Yseult, Jean-Charles, Andrew e todos os dançarinos - e, acima de tudo, nossa esperança otimista de um futuro melhor para todos.