EVENTOS

worldfashion • 23/09/21, 17:36

befw_brand_dona-rufina-640x402Os eventos estão voltando, alguns ainda ONLINE e outros já presenciais com os devidos ajustes, conforme os protocolos em relação à Covid-19, entre elas um destaque: pela primeira vez o evento BEFW com algumas marcas, participam da Semana de Moda da América Latina, durante o Milan Fashion Week, em São Paulo acontece no formato Fashion Filmes do BEFW mostra das coleções de marcas. Em Maceió/Alagoas acontece o evento Renda-se – I Mostra de Moda Alagoana, etapa 2021, que revelará 10 jovens revelações. Em Colatina/Espirito Santo o V Denim Meeting com o tema “Transformação e conexão: inovar é um ato de sobrevivência”.

BRASIL ECO FASHION WEEK

befw_kfbranding-woolmay-mayden_foto-feliperomaofotografiaevideo-242-427x640A primeira Semana de Moda da América Latina dedicada exclusivamente à indústria da moda sustentável - a Brasil Eco Fashion Week - BEFW - rompe fronteiras e realiza sua quinta edição, hoje 24 e amanhã 25 de setembro de 2021 no Jardim Botânico de Brera, em Milão, na Itália. O evento acontece durante a Milan Fashion Week em parceria com a Fashion Vibes.

juliaPara Yulia Palchykova, diretora do Fashion Vibes, realizadora da mostra BEFW em Milão, a criatividade da moda brasileira deve chamar a atenção do mercado internacional. “O Brasil é rico em matérias-primas, mas também em criatividade baseada na diversidade cultural. É um país com visão única de mundo e nosso objetivo é evidenciar o desenvolvimento nesta direção, promovendo designers que valorizam em suas coleções as suas raízes, a sua cultura e incrível energia”, disse.

rafael-moraes-credito-agenciafotositeA BEFW chega à Milan Fashion Week com o objetivo de expor produtos, conteúdo conceitual e narrativas de uma moda limpa, justa e inclusiva, onde todas as marcas apresentadas têm compromisso de gerar desenvolvimento social e econômico em suas comunidades. “Moda sustentável vai além de minimizar impacto ambiental. Impõe postura ética na cadeia de suprimentos. O conceito é projetar e fabricar produtos cuidando das pessoas envolvidas. Sem compromisso social, não faz sentido esta denominação”, ressalta Rafael Moraes, diretor executivo do BEFW.

Fundada em 2017, a BEFW tornou-se referência como semana de moda e oportunidade de apresentar uma notável diversidade de matérias-primas e promover diálogos corporativos sobre processos produtivos com uso de novas tecnologias. “Além de dar visibilidade para as marcas de moda socialmente responsáveis do Brasil, a ideia do nosso evento a cada ano é fazer um debate aprofundado, distribuir informação, propor novos modelos de negócio com adoção de práticas éticas e responsáveis na indústria têxtil e nos mercados da moda”, completa Rafael Moraes.

Entre 2017 e 2020 o BEFW desempenhou um papel importante ao reunir 150 marcas de roupas, calçados, acessórios, além de fornecedores de insumos e soluções circulares (reduzir, reutilizar e reciclar) e têxteis inovadores para desenvolvimento de novos produtos. Entre palestras e workshops, envolveu falantes nacionais e internacionais da indústria da moda sustentável, um setor que deve crescer US $ 9,81 bilhões em 2025. Em 2030, esse número deve chegar a US$ 15,17 bilhões, de acordo com relatório da The Business Research Company. (https://www.thebusinessresearchcompany.com/report/ethical-fashion-market).

Coleção IPÊS DO BRASIL: DO CERRADO AO SERTÃO

befw_brand_natural-cotton-color_01-427x640Marca NATURAL COTTON COLOR

Conhecida por promover o arranjo produtivo local que tem início no cultivo do algodão colorido da Paraíba, no Nordeste, passando pela inovação no setor têxtil até a criação de roupas slow fashion. O algodão colorido, com certificado internacional de produto orgânico, já nasce nas cores bege, marrom e verde sem irrigação e sem tingimento, gerando uma economia de 87,5% de água na cadeia produtiva. Para elaborar as peças, a marca entrelaça o artesanato e o design cuidar da cadeia de produção, além de agricultores, mulheres artesãs reunidas em associações. A coleção dá destaque para o Ipê, árvore símbolo do Brasil, e apresenta novos tecidos como o Denim, o jacquard de algodão com seda e tecido de fios que fundem o algodão com resíduos de seda e de linho.

Coleção LITORÂNEA

befw_brand_ole-rendeiras-catarina-mina_amelia_uchoa_corrego-640x427Projeto Olê Rendeiras - Marca CATARINA MINA

A marca lança o olhar sobre a renda de bilro, tipologia têxtil artesanal em extinção. O projeto ‘Olê Rendeiras’, que embasa a coleção, reúne mais de 100 mulheres do Trairi, no litoral oeste de Fortaleza, no estado do Ceará, região Nordeste do Brasil. Desta forma, a proposta é fazer da moda a geradora de renda para essas mulheres guardiãs do patrimônio cultural.

A coleção se inspira na praia da região e exprime a nostalgia do mar e o ritmo sutil e inexorável das ondas. A marca destaca que a renda de bilro é memória, mas principalmente futuro, para tecer sempre, ensinar o ofício a quem está chegando agora. É um caminho possível para uma nova geração de mulheres artesãs.

befw_brand_helena-pontes_2Coleção HELENA PONTES

Marca HELENA PONTES

A marca Helena Pontes apresenta peças em tecidos de fibras naturais, como linho, seda e algodão orgânico e design inspirado na própria brasilidade, desta vez, inspirando-se na cultura indígena. Helena Pontes tem sede no Rio de Janeiro, no Sudeste brasileiro. Os acessórios foram desenvolvidos em parceria com cooperativas da região amazónica, no Norte, e artesãs de Brasília, capital do Brasil, na região Centro-Oeste. Os tecidos foram estampados em colaboração com artistas e designers brasileiros utilizando técnicas de impressão digital, com tintas biodegradáveis certificadas e à base de água.

befw_brand_eneas-netoColeção CYANOCORAX 2022

Marca Enéas Neto

A marca Enéas Neto trabalha em Paranavaí, Estado do Paraná, sul do Brasil, com modelagem Zero Waste. A coleção foi criada a partir do estudo morfológico de algumas aves. Tecidos como seda, linho, algodão reciclado e fibras celulósicas foram escolhidos para que as peças clássicas, utilitárias e estruturadas pudessem remeter ao desejo de voar alto e espalhar boas sementes como a lenda da Gralha Azul (Cyanocorax caeruleus). A ave é símbolo do Estado do Paraná, origem da marca.

befw_brand_donarufina01-427x640Coleção VERISSIMAS - Apenas showroom (não desfila)

Marca DONA RUFINA

Dona Rufina resgata a lã da região Sul do país para reinserir a matéria-prima no mercado de moda e design com a participação de mulheres locais para a preservação a tradição cultural dos pampas. A marca atua nos pampas gaúchos, no estado do Rio Grande do Sul, desde o beneficiamento da lã, passando por todas as etapas de transformação e formatos de comercialização: mechas, fios e feltragem, além da criação de produtos.

A coleção de bolsas e acessórios é uma homenagem às mulheres fortes do Brasil descritas pelo escritor brasileiro Érico Veríssimo.

Coleção “BRILHANTISMO NA SALA DE ESTAR”

befw_kfbranding-woolmay-mayden_foto-feliperomaofotografiaevideo-377-427x640Marcas KF Branding collab Woolmay Mayden

A marca localizada em Porto Seguro, Estado da Bahia, na região Nordeste do país, faz da moda uma ferramenta de empoderamento. Nesta coleção, recheada de estampas de cores intensas, une-se a Woolmay Mayden, a famosa modelo haitiana, para desenvolver uma proposta única e atemporal. Como tema da coleção, negros que inspiram e transformam, pessoas que trazem consigo histórias de força e enfrentamento que as levaram ao protagonismo e ao sucesso. O brilhantismo, por sua vez, indica que aquele que é visto transforma por amor e ama porque transforma.

As receitas obtidas com a venda das peças da coleção apresentadas no desfile em Milão serão leiloadas e o valor arrecadado será destinado para o Centro de Apoio à Criança Carente com Câncer - CACCC.

Coleção The West Blessmann Line

Marca RICO BRACCO

Situada em Caxias do Sul, no Estado do Rio Grande do Sul, região Sul do Brasil, a marca tem como base o linho e valoriza a mão de obra local resgatando técnicas artesanais tidas como patrimônio imaterial - comunicando um fragmento da história do período da imigração italiana na região. A coleção faz um chamado ao estilo de vida desacelerado, fomentando as artes e suas formas de expressão, disseminando o amor pela simplicidade.

Coleção O CAFÉ E SUAS CORES

befw_kfbrandingwoolmaymayden_sala_de_estar_rikko-5-441x640Marca LIBERTEES

O Brasil hoje ocupa o 4º lugar no ranking de países com mais mulheres em situação de cárcere no mundo. É a partir da moda que a Libertees cria oportunidades e um novo sentido à vida das mulheres privadas de liberdade em Minas Gerais, região Sudeste. Desde 2013 a Libertees atua em parceria com o sistema prisional local e já ofertou mais de 134 mil horas de profissionalização e remuneração, com o objetivo de reinserí-las no mercado de trabalho após o cumprimento da pena.

A coleção Libertees é inspirada na flor do café, que, com sua delicadeza e força evoca a gentileza da figura feminina, mas também a resiliência de vida.

De 26 a 29 de setembro no formato Fashion Filmes, pelo canal Brasil Eco Fashion Week as marcas apresentam suas coleções online

PROGRAMAÇÃO BRASIL

26/09 – Domingo - 18:30 - Coletivo Trama Afetiva com uma série de roupas com guarda-chuvas recuperados do aterro sanitário para falar de regeneração da vida e diversidade de corpos e corpas LGBTQ+. Dando seguimento às pesquisas iniciadas em 2020 sobre a cocriação de vestíveis a partir de náilon de guarda-chuvas recuperados do aterro arara-xestal-01-360x640sanitário por catadores e catadoras da Unidade de Triagem do Campo da Tuca (Porto Alegre), a Trama Afetiva se fortalece como coletivo de cocriação dirigido por Jackson Araujo em parceria com Thais Losso, Jorge Feitosa e Itiana Pasetti, trio de designers-tutores que se empenha em encontrar soluções que garantam à matéria-prima uma vida útil fora do aterro sanitário por meio de peças modeladas com resíduo zero e sem utilização de insumos extras que não seja o próprio náilon utilizado para a construção das roupas.

“Sabemos que todo lixo é um erro de design, portanto, estamos evitando uso de elásticos e zíperes, por exemplo, para garantir às peças uma característica lixo zero e que no final da vida útil ela seja facilmente desmanchada e possa ser inserida novamente na cadeia produtiva. Tendo assim roupas circulares, evitando que a peça se torne um lixo novamente”, diz Itiana Pasetti, que faz parte da Trama Afetiva desde sua criação, em 2016, como um coletivo interessado em encontrar soluções para os resíduos da indústria têxtil a partir do upcycling.

Para Jorge Feitosa, que está na Trama Afetiva desde 2018, o principal desafio é a modelagem que não gera resíduos. “É sempre um exercício de muita inteligência e técnica pensar em peças de modelagem que aproveitem totalmente os guarda- chuvas, visto que originalmente eles têm formato circular, em gomos enviesados”.

flores-astrais-look-02-360x640“Conseguimos retirar 103 guarda-chuvas do aterro sanitário em apenas uma só peça, um maxipullover”, celebra Thais Losso, a designer que estreou na Trama Afetiva em 2020, e traz para o grupo um desafio que já começa a se estabelecer como meta: o crochê e o tricô a partir da transformação de guarda-chuvas em tiras a serem utilizadas nas técnicas de manualidades, acrescentando ao processo regenerativo o lado humano do fazer artesanal brasileiro.

“Dessa vez, buscamos criar peças menos conceituais do que as lançadas em 2020 na Brasil Eco Fashion Week. Nosso objetivo é colocar as peças para venda por meio de lote, uma prática já aplicada pela Revoada, plataforma criativa de soluções para resíduos dirigida por Itiana Pasetti, que traz para o núcleo criativo da Trama Afetiva, suas pesquisas sobre o náilon de guarda-chuvas, abrindo sua nailónteca para novas soluções a partir das nossas técnicas colaborativas”, revela Jackson Araujo, diretor criativo da Trama Afetiva.

jorge-feitosa-2-1-342x640A Coleção Flores Astrais é um dos três projetos selecionados pelo Colabora Moda Sustentável (@colaboramodasustentavel), plataforma de colaboração formada por cerca de 100 lideranças e 60 organizações da moda brasileira, para receber um Recurso Semente. O programa apoia projetos independentes que têm como intuito a construção de uma moda mais justa e ética.

Para apresentar a coleção FLORES ASTRAIS por meio de fashionvideo dirigido por Beni Blazquez, um grupo de pessoas LGBTQ+ foi convidado para interpretar uma gang que realiza o ativismo regenerativo por meio do amor e da celebração das diferenças.

“Mais que resistir e apenas sobreviver às violências, queremos propagar o direito LGBTQ+ de existir também pela potência da alegria, do direito de cantar, brincar e dançar, na vida e no audiovisual. É uma celebração da nossa existência”, conceitua o diretor.

Estrelando o video estão: Ana Giselle (@atransalien), DJ, modela e performer ativista do movimento T. Criadora e diretora do festival multimídia Marsha; Pietro Dal Monte (@pietro.dalmonte), ator, cantor e dançarino do teatro musical, atualmente em cartaz com “Bullying, O Musical”; Puri Yaguarete (@puriyaguarete), transmuleke, ator/performer, circense, dançarino de Vogue; Arara Xestal (@araraxestal), artista, performer, aprendiz da @escoladeteatro e tarólogo criador do perfil @otarotsabe, ativista queer do corpo gordo; Zeca Gerace (@geracezeca), artista visual e diretor de arte de experiências imersivas; Michelle Maus (@transvegana), travesti, mestra em Têxtil e Moda pela EACH-USP e tecnóloga em Design de Moda. Fundadora do projeto Botão de Flor, que visa inserção social de mulheres transexuais e travestis em situação de vulnerabilidade social; Sioduhi (@sioduhi), estilista, costureiro e ativista pelos direitos e visibilidade dos indígenas LGBTQ, diretor criativo da marca Sioduhi Studio (@sioduhistudio); Jorge Feitosa (@jfjorgefeitosa), costureiro da marca que leva seu nome e designer-tutor da Trama Afetiva; Nana Wharton (@nanawharton), designer da marca NotoriusBr, de hip hop style; Luana Pontes (@luapontes), designer e CEO da agência Cherry Plus, especializada em moda e beleza, e Dani Nakamura (@exexwhy), modelo, female impersonator, beauty- artist e estilista.  A direção de movimento é de Clarice Lima (@claricelimao) e Isis Vergilio (@isisvergilio). Quem assina a beleza é Carlos Carrasco (@ccarrasco01).

26/09 - Domingo

18:45 – Leandro Castro

19:00 – NUZ

19:15 – Estúdio NUDA

19:30 – Instituto Proeza

27/09 – Segunda

18:30 – Otake

18:45 – Flavia Amadeu

19:00 – Sioduhi Studio

19:15 – 2P Co

28/09 – Terça

18:30 – Satya Beachwear

18:45 – Wendyel Borin

19:00 – Manui

19:15 – TA Studios

29/09 – Quarta

18:30 – Contextura

18:45 – VB Atelier

19:00 – Movin

19:15 – Nalimo

19:30 – COMAS®

RENDA-SE

Dez jovens revelações entre estilistas alagoanos selecionados pelo Renda-se – I Mostra de Moda Alagoana, etapa 2021 – prometem mergulhar no universo criativo de Vera Arruda, saudosa estilista alagoana, para que dele extraiam inspiração para a criação das coleções que desfilarão na passarela do projeto este ano. São eles Rejane Pimentel, participante do DFB (Dragão Fashion Brasil) pelo Senac e estilista da Linha Pontos e Panos, é a veterana da turma, será acompanhada de 09 ex-alunos do curso de moda da ETA: Rildo Nonato, Maria Brandão, Lumma Luz, Letícia Abreu, Leoni Bezerra, Florise Guimarães, Elton Marchalot, Derravera e Beatriz Tavares

photo-2021-09-13-10-21-46Vera Arruda nome marcante na moda do Brasil, a estilista alagoana, falecida em 2004, no auge da sua carreira, conseguiu impor seu estilo alegre e colorido num universo com preponderância monocromática e traços sóbrios. Trazia o Nordeste profundo para as passarelas, capas de revista e looks de celebridades. Sua arte peculiar e lúdica utilizava fartamente chitas, bordados, miçangas, pedrarias, crochê e o filé alagoano.Revelada para o Brasil no Phytoervas Fashion de 1998 sob os olhares atentos da crítica especializada e do público, Vera Arruda arrancou aplausos calorosos com a coleção ‘A Estrela do Brasil Brilha’.

Nas palavras de Fábio Elias, responsável pela área de patrocínios do Magazine Luiza (que financia o projeto por meio da Lei de Incentivo à Cultura), “incentivar o Renda-se é mostrar ao mundo que a mudança é possível. O Renda-se criou conexões, é um projeto transformador, que motiva e apoia iniciativas que oxigenam o artesanato regional, o saber cultural, incentivando uma nova geração de valores, reunindo pluralidade, sustentabilidade e inovação. Renda-se é um marco na história da construção da moda alagoana. Mais do que isso, um ponto de referência para toda a cadeia produtiva, unindo rendeiras, estilistas, estudantes de moda, perpetuação do saber cultural quando falamos da renda filé.”

photo-2021-09-13-10-20-45Já a produtora cultural Mirna Porto ressalta algumas novidades do Renda-se 2021: “teremos o resgate da verdadeira brasilidade. A leveza. A liberdade diante da diversidade. A verdadeira inclusão. Teremos uma passarela maior, uma divulgação maior. Também teremos o histórico bairro de Jaraguá como paisagem na cenografia. E teremos um tema único: Vera Arruda. Essa inspiração é a que queremos ver nas passarelas da vida. Nas ruas e avenidas novamente. Essa ousadia amorosa delicada e atrevida. O Projeto Renda-se vai, orgulhosamente, render-se a Vera Arruda.”

O evento acontecerá no dia 29 de setembro, no Espaço Armazém, localizado no histórico bairro de Jaraguá, em Maceió, e contará com a participação da herdeira de Vera, Maria João, sua filha com João Luiz Araújo, atualmente morando em Salvador.

DENIM MEETING 2021

img_email_mkt_es-1-1O V Denim Meeting, retoma a sua edição presencial no próximo dia 5 de outubro, em Colatina, no Espírito Santo, e se consagra como primeiro evento na cidade, que é uma das maiores produtora de jeans da região sudeste depois de São Paulo.  Lá estão as grandes empresas do setor, como a GB Lavanderia, uma das sócias da Denim City SP, além de marcas relevantes no mercado como a Ilicito, Miss Bela, Epzodium.

Com o tema “Transformação e conexão: inovar é um ato de sobrevivência”, o evento potencializa conquistas que fazem do segmento o mais estável da cadeia têxtil, posicionando o denim como eterno conquistador de novos mercados.

images“Nossa intenção é potencializar a região, levando um conteúdo rico para atender este setor jeanswear”, indicou Marlene Fernandes, CEO do Guia JeansWear ( na foto ao lado de Osiris Bernardino) e uma das organizadoras do evento.

A realização será totalmente presencial, seguindo todos os protocolos de segurança em relação à Covid-19 e contará com talks, palestras, exposição, entrevistas e workshops que integram a programação do Denim Meeting, e o encerramento da edição terá um desfile de marcas locais.

O V Denim Meeting é uma iniciativa Sinconfec e Sinvesco, com realização do Sebrae e Findes, a organização e promoção do Guia JeansWear. Conta com apoio da Abit, Sinvel, Sinconsul, Sindicalçados, Senai, GB, Tecnoblu, Santista, Hi-Tech, Canatiba, Audades e Icla. E as parcerias das mídias:  A Plataforma de Moda - WORLD FASHION, Buscatextil, Costura Perfeita e Textilia,

Para inscrição gratuita acesse: http://denimmeeting.com.br/

Confira a programação completa do Denim Meeting 2021, em Colatina, abaixo:

08h30

Início do credenciamento – Abertura do Trade Now

09h00

Cerimônia de Abertura: Boas Vindas

09h30

Panorama do Mercado Brasileiro

“A quem pertence o Jeanswear” – O Mercado e o Consumo de Jeanswear no Brasil

Marcelo Prado – Diretor do IEMI

10h10

A importância estratégica da modelagem para as Marcas Denim

Renato Kerlakian – Fundador da marca Zoomp e Embaixador da Denim City SP

denimmeeting10h50

Estratégias usadas por magazines para o desenvolvimento sustentável

Américo Guelere Filho – FIB – Fashion Innovation Bureau

11h30

Tecnologia e os processos assertivos na confecção do Jeans Sustentável

Matheus D. Fagundes – Diretor Executivo de Marketing e Vendas da Audaces

Fernando Bighetti – Gerente Regional da Canatiba

George Vogel – Gerente de negócios internacionais da Hi-Tech

Mediadora: Juliana Medina – Consultora Jeanswear e CEO da Denim Woman

12h30

Almoço Livre

14h00

Talk Show

Espírito Santo na direção dos 3 pilares do Futuro do Denim – Sustentabilidade x Tecnologia x Inovação

Marco Britto – CEO da GB

Jorge Luiz Aguiar – CEO da Borana

Lourival Paulini Junior – CEO da Ilicito

Mediadora: Iolanda Wutzl – Cofundadora do Guia JeansWear

15h00

Mercado de Moda Plus Size em crescimento

Flavia Durante – Comunicadora, empreendedora e criadora da feira POP PLUS, maior evento Plus Size da América Latina

15h40

Coffee break

16h00

Estratégias para alavancar seu negócio no mercado jeanswear

Eduardo Cristian – CEO da Costurando Sucesso e da marca Black West

17h20

DESFILE MARCAS ESPÍRITO SANTO

Miss Bela

Reklusa

Epzodium

Izuz

Larous

da redação com informações BEFW por Agência Catu / TRAMA AFETIVA por Márcia Fonseca (NAMÍDIA) / RENDA-SE por James Silver /  VDENIM MEETING por Equipe Guia JeansWear

imagens: fotos/divulgação

TECNOLOGIA NA INDUSTRIA TÊXTIL

worldfashion • 22/09/21, 15:47

16A tecnologia está cada vez mais no presente e futuro das empresas do mercado têxtil de moda pelo mundo afora. Chegou ao nosso conhecimento o produto da FibreTrace® que capacita marcas e fornecedores para o rastreamento e verificação dos produtos têxteis da origem à loja e além se necessário. Fornecem não apenas o poder da rastreabilidade, mas também a quantificação e os principais dados de impacto do produto, proporcionando a real transparência. Apresentamos o lançamento do fio LYCRA® ADAPTIV, feito com um polímero revolucionário, que possui uma composição exclusiva, que permite que o fio se adapte às necessidades funcionais do usuário de um jeito híbrido. A NILIT detentora da marca SENSIL®,  anuncia a publicação de seu relatório de sustentabilidade que compreende o período de 2017 a 2020,  intitulado “Making Nylon Sustainable” detalha as significativas conquistas da companhia para a redução de sua pegada ambiental, assim como seus projetos para exercer uma influência positiva em toda a cadeia têxtil com o desenvolvimento de produtos feitos com foco em sustentabilidade. E a parceria das multinacionais SENSIL® e LYCRA® líderes globais em inovação, unidas no projeto colaborativo para o lançamento do tecido Ecoblack da SALOTEX, focado em sustentabilidade.

FIBRETRACE®

27A empresa foi fundada em 2018 por um grupo de líderes com a mesma opinião na indústria têxtil global, focados em enfrentar uma nova era de transparência, honestidade e responsabilidade.

A missão é garantir que cada membro da cadeia de abastecimento têxtil tenha a capacidade de assumir a responsabilidade direta para reduzir o impacto ambiental da indústria global. Ao fazer isso, pretendem fornecer ao consumidor a oportunidade de escolher uma cadeia de suprimentos transparente e sustentável para seguir e comprar.

No desenvolvimento do FIBRETRACE®, concentrou-se na superação dos objetivos que a indústria global enfrenta. Efetuando a verdadeira custódia do trabalho, verificação em tempo real de um produto conforme ele se move pela cadeia de global, dados de impacto primário das fibras naturais, animais e outros, com a verificação do conteúdo e quantidade das fibras.

cNão há linha de chegada e a circularidade é uma chave para o nosso futuro. Ao longo dos anos, a empresa tem desenvolvido discretamente o FIBRETRACE®, garantindo ser indestrutível e que ainda pode ser lido após a reciclagem de produtos em novos fios, e combinando rastreabilidade com impacto de impacto.

Dando às marcas uma visão 20/20 de sua cadeia de suprimentos em tempo real a cada etapa, conforme um produto passa da fibra bruta para a loja e se estende até uma interação com o consumidor. Adicionam o poder dos dados de impacto primário e medem a quantificação do conteúdo de fibra para garantir a autenticidade. A tecnologia é indestrutível e estabilizada com a fibra desde a reciclagem ou reutilização.

A tecnologia FIBRETRACE® incorpora pigmentos luminescentes na fibra, diretamente na origem da matéria-prima ou na fiação. O pigmento liga-se e é indestrutível ao longo de todo o ciclo de processamento têxtil. O pigmento não é tóxico e não tem impacto sobre o produto, ele foi testado e aprovado nos padrões de segurança para contato com a pele humana.

eOs pigmentos aplicados, podem ser lidos e rastreados em todas as fases da cadeia de suprimentos por meio do uso de um dispositivo de hardware FIBRETRACE® portátil que faz a varredura e lê a assinatura individual da marca criada no pigmento luminescente. Esses dados criam insights da cadeia de suprimentos acionados por IA para a empresa. Acessível a partir de qualquer dispositivo conectado à internet, com seu login seguro.

dCada auditoria é registrado no blockchain. É seguro, acessível e irrefutável. Varreduras ou auditorias são produzidas em tempo real ao longo da jornada do produto para ver em cada etapa do caminho.

Os dados constroem um passaporte único, contando a história de cada item, da origem à prateleira - contando essa história para o consumidor.

A FIBRETRACE® fez uma parceria com Carbon Friendly para apresentar o Módulo de Impacto de Fibra (FIM), uma ferramenta de benchmarking de desempenho de sustentabilidade integrada que coleta e agrega dados de impacto não capturados anteriormente de fontes de fibra bruta.

bPor meio dessa ferramenta, marcas e fornecedores podem capturar, verificar e rastrear com precisão e as fornece de GEE em matérias-primas. Isso inclui o uso de água, uso de energia, uso de produtos químicos e conteúdo de carbono do solo. Todos os dados de impacto são verificados por um terceiro reconhecido globalmente.

Com o poder do FIBRETRACE® e do FIM, a empresa pode desenvolver parcerias relevantes e mensuráveis que impulsionam uma melhoria contínua

Para produtores de fibra -Trabalham com produtores de fibras, levando sua história e paixão até o cliente final. A tecnologia permite proteção de alta qualidade e o valor à fibra em toda a cadeia de alimentação global e relata o progresso positivo na produção de fibra bruta através da redução do uso de carbono, água e energia. FIBRETRACE® é aplicável a todos os tipos de algodão, algodão reciclado, poliéster e poliamida reciclados e viscose. Estão quase 51concluindo os testes em lã e couro e esperam oferecer esta solução ao mercado neste ano. Contam com uma  equipe que auxilia durante todo o processo de instalação, bem como apoio na entrada de dados de impacto de fibra para agregar valor ao cliente.

Para fabricantes - Agregar valor ao seu produto, por meio da verificação transparente e em tempo real de fios e tecidos, a FIBRETRACE® constrói parcerias com fiandeiros e tecelões para aumentar a transparência e o impacto positivo da indústria têxtil global. Ao implementar o FIBRETRACE®, você protege os seus fios e tecidos exclusivos e de alto valor em toda a cadeia de abastecimento, proporcionando seus clientes com segurança e autenticidade que desejam

Para marcas - Criar uma história de marca distinta que seja comprovadamente verdadeira e de confiança em suas afirmações de produto. A FIBRETRACE® orienta uma visão 20/20 para uma cadeia de matéria têxtil global da marca em cada etapa da fibra bruta à loja, garantindo autenticidade.  Você também tem a opção de verificar a quantificação da fibra. A tecnologia é facilmente implementado em sua cadeia de suprimentos, seja em fibra bruta ou na fiação. A equipe global fica disponível para trabalhar com a matriz e parceiros selecionados da cadeia de suprimentos para garantir o sucesso.

O usuário é conectado à plataforma de software FIBRETRACE®,   acessando com segurança de qualquer dispositivo e possui acesso a dados personalizados para diferentes usuários.

Por meio da plataforma de software, você pode visualizar o status atual e a fibra verificada em sua cadeia global de suprimentos de produtos, agregar certificados de sustentabilidade de fornecedores e informações. É uma configuração instantânea e não há custos de assinatura contínua. Temos testes-piloto que fornecem uma solução simples para empresas de qualquer tamanho.

A equipe global trabalha ao lado dos produtores de fibra bruta, fiandeiros, tecelagens e marcas para conectar e unir a cadeia de suprimentos - da semente à loja.  Por meio da transparência, marcas e fornecedores terão poderes para tomar as melhores decisões para o meio ambiente, seus clientes e os resultados financeiros.

https://www.fibretrace.io/

THE LYCRA COMPANY

lycra-r-adaptiv-fiber-image-640x475A empresa apresenta sua nova tecnologia: o fio LYCRA® ADAPTIV, feito com um polímero revolucionário, esse fio de patente pendente possui uma composição exclusiva, que permite que o fio se adapte às necessidades funcionais do usuário de um jeito híbrido. Isso significa que, quando o usuário se encontra em repouso, o polímero adapta a sua força compressiva para proporcionar o ajuste, forma e controle adequados. E quando o usuário encontra-se em movimento, o polímero adapta sua elasticidade para proporcionar mais conforto e um efeito de segunda pele, mantendo a roupa no lugar. O novo fio permite que as roupas se ajustem melhor aos diferentes estilos de vida, movimentos e diferentes formatos de corpos. A identidade de marca criada para este novo fio – LYCRA® ADAPTIV – foi planejada para comunicar essas novas características e benefícios de movimento.

image002“Os consumidores estão buscando por roupas que ofereçam mais versatilidade – que naveguem do ambiente de trabalho ao lazer e ao social, e também de uma temporada a outra, ano após ano”, afirma Steve Stewart, Diretor de Marca e Inovação da The LYCRA Company. “Eles querem roupas que se adaptem às suas necessidades individuais e seu estilo de vida, e também que se adaptem ao seu tipo de corpo, mesmo variando de tamanho ou formato. O fio LYCRA® ADAPTIV é a resposta para satisfazer todas essas necessidades do consumidor”.

A empresa conduziu várias pesquisas internas para avaliar a performance de uso de tecidos e roupas feitas com o novo fio LYCRA® ADAPTIV em comparação com os mesmos tecidos e roupas feitas com elastano comum. Os resultados mostram diversas vantagens no uso do fio LYCRA® ADAPTIV, incluindo a performance de conforto em movimento e do efeito de segunda pele, além da retenção da forma e maior liberdade de movimento com um ajuste extremamente confortável. A capacidade de funcionar com uma maior grade de tamanhos também é um importante benefício, já que o fio facilita o tamanho único. Sua capacidade de expansão e elasticidade mais suaves permite que a roupa funcione confortavelmente em diversos formatos de corpos, mesmo que estes flutuem entre números da tradicional grade de tamanhos. Isso torna viável a criação de peças de tamanho único e potencial redução de SKUs.

drena“Inclusão, quando se fala em tamanho de roupas, não é uma palavra da moda, mas sim cada vez mais importante para os consumidores de hoje”, diz Deana Stankowski, diretora de marketing estratégico para os segmentos esportivos, moda íntima e praia da The LYCRA Company. “O corpo de cada consumidor é único e eles desejam roupas que permitam pensar que foram feitas para eles - roupas que aumentem sua sensação de conforto, bem como seu nível de autoconfiança. O tamanho por si só é uma indicação inadequada do tipo e forma do corpo. Portanto, roupas de tamanho tradicional podem não se adequar a todos os consumidores que vestem aquele tamanho. Isso é o que torna o fio LYCRA® ADAPTIV tão revolucionário - ele permite que roupas feitas com esse fio se adaptem a muitos formatos corporais dentro de uma grade mais ampla de tamanho”.

lycra-r-adaptiv-fiber-print-ad-451x640A empresa trabalhou com a agência DIP Agency para desenvolver uma nova identidade para esta submarca LYCRA®, que comunica a natureza “adaptativa” desse novo fio. A agência global FCB foi selecionada para desenvolver a campanha “LYCRA® ADAPTIV fiber adapts to your world” (“O fio LYCRA® ADAPTIV se adapta ao seu mundo”).

Além disso, dois próximos eventos do setor têxtil apresentarão o lançamento da inovação, primeiro na América do Norte para a indústria de denim por meio de reuniões virtuais exclusivas para convidados, ocorreram entre os dias 21 e 22 de setembro, em seguida na região Ásia-Pacífico no pavilhão da Intertextile Shanghai, estande 1.1 – E51, localizado no Hall 1.1, que acontece de 9 a 11 de outubro no National Exhibition and Convention Centre, em Xangai. O tour virtual do estande e destaques diários da feira veja em  https://www.lycra.com/en/2021Intertextile.

SUCESSÕES

O gerente de tecnologia e produtividade da fábrica de Paulínia (SP) da The LYCRA rodolfo-cardoso-alta02-427x640Company, Rodolfo Cardoso, com mais de 20 anos de experiência, tendo atuado em áreas de processos, engenharia, qualidade e marketing técnico, e liderou a equipe técnica para a América do Sul, é o novo P&D Process & Capabilities Manager e será transferido para a unidade de Waynesboro, estado da Virgínia, nos Estados Unidos.

giovanniCom a mudança de Cardoso (foto à esquerda), Carlos Giovanini (foto à direita), com mais de dez anos de experiência em funções técnicas e de qualidade na fábrica, passa a atuar como gerente técnico da unidade de Paulínia.

img_0042Com essa promoção, outro executivo muda de cargo, Alexandre Luisi (foto a baixo à esquerda), com mais de dez anos de experiência em funções técnicas, incluindo P&D, vendas técnicas e em diferentes empresas do mercado, assumirá a liderança da equipe técnica na região para os segmentos de Vestuário e de Higiene.

A The LYCRA Company inova e produz soluções em fibras e tecnologia para as indústrias de vestuário e cuidados pessoais. Sediada em Wilmington, Delaware, a The LYCRA Company é reconhecida mundialmente por seus produtos inovadores, conhecimento técnico e suporte inigualável em marketing, e é proprietária de marcas como LYCRA®, LYCRA HyFit®, LYCRA® T400®, COOLMAX®, THERMOLITE®, ELASPAN®, SUPPLEX® e TACTEL®. O legado da The LYCRA Company iniciou-se em 1958 com a invenção do fio de elastano original, o fio LYCRA®. Hoje, a empresa está focada em agregar valor aos produtos de seus clientes desenvolvendo inovações para atender às necessidades do consumidor por conforto e durabilidade.

NILIT

making-nylon-sustainableA empresa líder global de poliamida premium sustentável para moda e vestuário, e detentora da marca SENSIL®,  anuncia a publicação de seu relatório de sustentabilidade que compreende o período de 2017 a 2020,  intitulado “Making Nylon Sustainable” detalha as significativas conquistas da companhia para a redução de sua pegada ambiental, assim como seus projetos para exercer uma influência positiva em toda a cadeia têxtil com o desenvolvimento de produtos feitos com foco em sustentabilidade, além do uso destes insumos de forma responsável.

“Sustentabilidade é um valor essencial na NILIT”, diz Ilan Melamed, Gerente Geral Global da NILIT. “Nós nos dedicamos a oferecer os produtos mais relevantes para os consumidores, com a mais alta qualidade em poliamida 6.6 premium sustentável para mercado de moda. Para atingir este objetivo, nós investimos continuamente em operações e no desenvolvimento de produtos, trabalhando em conjunto com parceiros-chave na cadeia de valor. “Making Nylon Sustainable” reune nossa visão e compromisso com responsabilidade social e ambiental, e estamos muito satisfeitos  em trazer a  público este documento”.

“Making Nylon Sustainable”(*) reporta  conquistas e compartilha os projetos  da companhia para melhorias contínuas nos aspectos ambientais e de influência social em relação às suas operações, práticas no mercado e comunidades onde a companhia opera. Por meio da colaboração com marcas, varejistas, clientes, colaboradores e fornecedores, a NILIT desenvolveu o maior portfólio de poliamida sustentável sob sua marca Sensil®, que inclui produtos para performance  que endereçam os principais desafios ambientais da indústria têxtil como: o consumo de água e energia, a redução de resíduos, o uso de insumos reciclados e o impacto nos ecossistemas.

A empresa é reconhecida por diversas conquistas relacionadas à sustentabilidade em suas unidades fabris por todo mundo, especialmente por suas inovações para a co-geração de energia limpa com a conversão de sua matriz que reduziu em  40% a emissão de CO2, além de eliminar a emissão de gases tóxicos. Além disso, o programa Total Product Sustainability da NILIT assegura que todos os produtos da empresa cumpram rigorosos critérios para uma produção responsável. A companhia também introduziu QR Codes em todas as etiquetas de sua marca Sensil® produzidas em papel certificado pela FSC (Forest downloadStewardship Council) e distribuídos em roupas certificadas por todo o mundo. Estas etiquetas garantem a autenticidade e fornecem mais informações aos consumidores sobre as tecnologias e benefícios da poliamida premium sustentável.

“A jornada da nossa indústria para a sustentabilidade depende de criatividade, comprometimento e parceria”, diz, Melamed. “Nossa visão é sermos os produtores de poliamida mais inovadores e sustentáveis do mundo, criando soluções que transformam negócios, assim como vidas. Ao publicar nosso Relatório de Sustentabilidade, estamos compartilhando abertamente esta ideia com todos os nossos públicos e também convidando nossos colegas na indústria a se juntarem a nós nessa fundamental empreitada”.

SUCESSÕES

fabiani-pacini1A empresa acredita também no valor do multiculturalismo, que fortalece o DNA de inclusão e diversidade, com uma visão genuinamente global. Um exemplo disso, são os profissionais que contribuem com suas experiências e ao mesmo tempo se desenvolvem, liderando e reportando para times de diferentes países.

Assim, Fabianne Pacini (foto à esquerda), que exercia a função de Head de Marketing para a América Latina foi indicada para Diretora Global de Marketing da empresa, função que exercerá do paulo-de-biagi1Brasil, já Ricardo Fernandes, Diretor Industrial da planta de Americana em SP, assumiu a Diretoria de Operações na fábrica de Greensboro, na Carolina do Norte - EUA e Renato Godoy, Gerente de Manutenção da planta de Americana em SP, desde 05 de Setembro de 2019 atua também na fábrica dos EUA como Global Maintenance Expert.

“Os bons resultados da nossa operação no Brasil valorizam os profissionais locais que detêm expertise necessária para agregar seu conhecimento ao de outras regiões, em linha com a visão da nossa matriz, localizada no “Vale do Silício Israelense”, de onde saem hoje grandes inovações na área de tecnologia e sustentabilidade para o mundo”, ressalta Paulo De Biagi - Gerente Geral e VP da NILIT para a América Latina.

(*) Para receber o relatório completo no seu e-mail, coloque a solicitação nos comentários.

SALOTEX

divulgacao-ecoblack-427x640A parceria reforça a união de marcas para um futuro da cadeia têxtil com soluções focadas em inovação, pesquisa e desenvolvimento, atendendo as necessidades do mercado e exigências do consumidor atual.

O tecido Ecoblack combina as tecnologias Sensil® WaterCare, poliamida premium já tinta com aditivos incorporados na essência da fibra, que elimina a necessidade de tingimento dos tecidos, preservando 100% da água que seria utilizada nesse processo, reduzindo ainda o consumo energético e o uso de químicos e solventes; e o fio LYCRA® BLACK, o primeiro elastano verdadeiramente preto da indústria, resistente ao suor, calor, cremes, cloro e que tem sua cor profunda derivada do pigmento preto. Nos tecidos com fio LYCRA® BLACK, o preto é mais preto, e os tons mais escuros são mais escuros.

370251_912113_20190902_194405111_ios_web_Segundo a vice-presidente para a América do Sul da The LYCRA Company, Adriana Morasco, “A pandemia acelerou um processo que já vinha acontecendo e é uma realidade para os consumidores - a busca por produtos com maior compromisso sustentável e de maior qualidade e durabilidade.” Também segundo a diretora de Sustentabilidade da The LYCRA Company, Jean Hegedus, “Ao comprar roupas mais duráveis e usando-as por mais tempo, podemos reduzir significativamente o impacto ambiental”.

paulo-de-biagi2A tecnologia Sensil® WaterCare reúne a reconhecida qualidade da poliamida premium da NILIT, à alta durabilidade em roupas que não desbotam com o uso e muito conforto, associados à responsabilidade ambiental. “A NILIT está totalmente comprometida em oferecer soluções para nossos clientes poderem oferecer tecidos que venham de encontro às novas necessidades do mercado global. Nossos parceiros no Brasil têm a possibilidade de acessar as melhores tecnologias para competirem no cenário internacional” diz Paulo De Biagi, Gerente Geral e VP da NILIT para a América Latina.   “Sensil® WaterCare compõe nosso amplo portfolio de fibras de poliamida sustentáveis que veem contribuir para uma nova era na indústria têxtil, pautada por uma atuação cada vez mais responsável minimizando os impactos ambientais. Estamos sempre atentos às mudanças do mercado oferecendo as melhores soluções para atender os consumidores cada vez mais exigentes e conscientes” Fabianne Pacini, diretora global de marketing da NILIT, detentora da marca de poliamida SENSIL®.

beni1Através da combinação de ambas as tecnologias, a tecelagem desenvolveu os tecidos Ecoblack, que oferece para as marcas de moda e vestuário uma nova possibilidade em tecido ambientalmente responsável, capaz de preservar até 24.000 litros de água por tonelada de tecido tinto e reduzir em 80% o consumo de energia pela eliminação do processo de tingimento, além de eliminar o uso de químicos e solventes, normalmente utilizados tanto no tingimento quanto no tratamento da água para devolução à natureza. Adicionalmente às vantagens ecológicas, os tecidos Ecoblack, criados com as tecnologias de SENSIL® WaterCare e LYCRA® Black, possui uma família versátil que atende a moda esportiva e roupas casuais com uma cor preta intensa que permanecerá viva por muito mais tempo nas peças, já que a coloração é inserida na essência dos fios e não se desprenderá com lavagens. “Este lançamento indica o compromisso da SALOTEX com uma atuação ética e colaborativa para minimizar os impactos ambientais. É um passo no sentido de atender às novas necessidades das pessoas e do planeta em que vivemos, plantando nossas sementes para um futuro mais limpo e consciente”, diz Beni Waiswol, diretor da Tecelagem SALOTEX.

da redação com informações da The Lycra Companhy pela INOVA.ETC  e  MktMix Assessoria de Comunicação;   NILIT /SENSIL e SALOTEX  pela Agencia Tres Assessoria de Imprensa Imagens: fotos/divulgação

INDUSTRIA DA MODA

worldfashion • 15/09/21, 09:16

marte-conceito-estampa-azul-640x427A indústria criativa, inovadora, inspiradora, mutante e abrangente da moda, propõem novas ideias e focos, expandindo o portfólio das marcas. Na matéria a ‘Basico.com’ anuncia novo momento da marca com campanha inédita. A Osklen aumenta sua abrangência digital com novo app e preview exclusivo da coleção de Verão 2022.  A Reserva adere ao básico com a “Camiseta Simples”, marcando a entrada da marca no mercado de subscriptions e no vestuário feminino. E a UMA revela nova coleção inspirada na arte abstrata ‘Marte’ que é resultado de experimentações artísticas de Raquel Davidowicz durante a pandemia.

BASICO.COM

elson-lima-e-juliana-mesquista-basico-512x640Fundada em 2013  com operação 100% digital, algo inovador até então na moda brasileira, a Basico.com foi a primeira marca a se aventurar em novos formatos no varejo, incluindo a implementação de guide-shops pela primeira vez no país, e se estabeleceu no mercado premium ao elevar o conceito do básico premium para um público que aprecia qualidade e funcionalidade aliadas à cultura e inovação. Oferece peças femininas e masculinas e atende um público que preza pelo caimento e toque perfeito, com matéria-prima premium, assinatura atemporal e sua famosa modelagem criada a partir de técnicas de alfaiataria.

O mundo pede por novas formas de consumir, cada vez mais voltadas para o essencial. Uma das pioneiras em oferecer moda básica com tecidos premium e excelência de design, a Basico.com anuncia um novo momento de marca, onde se aprofunda no conceito do simples e procura traduzir este estilo de vida em sua comunicação visual e oferta de produto, com novas linhas de camisetas, foco ainda maior em produção nacional e implementação de processos sustentáveis.

Essa vocação e identidade seguem firmes, mas agora aparecem turbinadas com uma nova linguagem visual e novos produtos, todos focados na camiseta, que já é carro-chefe da empresa, e tem como clássicos os modelos feitos a partir do algodão Pima, importado do Peru, agora tecido e produzido no Brasil.

carmelita-mendes-basico-2-512x640Como novidade nasceu a camiseta Ultraleve, feita de algodão penteado 40/1, com produção 100% nacional e modelagem inspirada nos processos de alfaiataria, finalizada com amaciante de manteiga de Cupuaçu, um recurso natural e sustentável que surge como outro diferencial da Basico.com. Inédita no portfólio da marca, esta camiseta nasce como produto de entrada, para conquistar novos admiradores, com preço de venda a R$99,00.

italo-massaru-basico-1-512x640E fechando a trinca de produtos, a camiseta Soft Modal feita com a fibra do mesmo nome misturada com elastano tem toque super sedoso e macio, é respirável e absorve 50% mais de água do que o algodão, característica que auxilia na transpiração, por isso pode ser usada no dia a dia e em esportes de baixo impacto. A modelagem também inspirada nos processos de alfaiataria oferece melhor vestibilidade e conforto. Além disso, a aplicação da tecnologia antiodor, que combate a proliferação de bactérias, aumenta sua resistência ao suor e aos maus odores, trazendo mais este grande diferencial para este produto.

marcos-luko-basico-2-512x640nathalie-edenburg-basico-2-512x640Para envelopar essas novidades, a Basico.com lança uma campanha centrada no conceito do simples. A marca recrutou diferentes perfis para traduzir o público amplo que a empresa pretende alcançar nesta nova fase, mostrando diversos significados para o simples.

Com direção criativa de Ítalo Massaru e fotografia de Gil Inoue, dois talentos criativos da moda, as imagens com fundo neutro e focadas nos personagens refletem a linguagem do essencial. Uma frase curta e objetiva propõe uma reflexão: o simples é________, com um espaço em branco preenchido por diferentes respostas. Uma forma de mostrar que o simples pode ganhar diferentes significados, vai depender da individualidade e do #basicodecadaum, hashtag que acompanha o trabalho.

elson-lima-basico-2-512x640A campanha veiculada durante o mês de setembro, com uma mudança especial na interface do site, marca este novo momento de Basico.com, que promete mais novidades ao longo dos próximos meses.

Ficha técnica campanha

Direção Criativa: Ítalo Massaru @italo.massaru

Fotógrafo: Gil Inoue @gilinoue

Stylist: Karine Vilas Boas @kvilasboas

Make: Guilherme Casagrande @casagrandegui

Talentos: Nathalie Edenburg @natyedenburg (modelo e artista plástica); Marcos Luko @lukomarcos (modelo); Italo Massaru @italo.massaru (diretor artístico e personagem da campanha); Carmelita Mendes @carmelitamendess (modelo); Juliana Mesquita @jumesquitab (modelo); Elson Lima @elson@llima (modelo).

OSKLEN

Fundada em 1989 por Oskar Metsavaht, é a expressão de um lifestyle genuíno definido pelo equilíbrio de uma vida urbana integrada à natureza em que o orgânico e o tecnológico, o local e o global, o luxo e a simplicidade são complementares. Design, arte e sustentabilidade compõem o universo da marca que representa a visão do “novo luxo” - a associação de um produto de design, com qualidade e estética universal alinhadas às práticas sustentáveis socioambientais.

15De forma pioneira, o conceito ASAP - As sustainable as possible, as soon as possible -  vem norteando as iniciativas da marca desde 98 na busca permanente por práticas e produtos cada vez mais alinhados aos princípios da sustentabilidade. Uma atuação que faz da Osklen o maior laboratório de desenvolvimento de matérias-primas sustentáveis do Brasil e uma das mais expressivas referências no cenário internacional, focada na redução do impacto ao meio ambiente, envolvendo mão de obra de comunidades, gerando renda e melhorando a qualidade de vida e auto-estima dessas populações.

Com 54 lojas próprias e 19 franquias espalhadas pelo Brasil, inaugurou recentemente a Osklen Lab Store, novo conceito de loja que traz diferentes tecnologias para elevar a uma nova dimensão a experiência do consumidor, reforçando sua vocação para a inovação, o design e a conectividade.

26A Osklen aumenta sua abrangência digital com novo app e junto o preview exclusivo da coleção de Verão 2022, a tecnologia gera oportunidades para as empresas estarem cada vez mais presentes na vida do consumidor conectado, a nova ferramenta digital são para os sistemas IOS e Android, seguindo os indicativos que 73% do tráfego do site, no primeiro semestre deste ano, vieram de acessos pelo celular.

O sistema oferece uma experiência de compra dinâmica sendo uma estratégia de negócios para movimentar o estoque das lojas. Ele promove a visão omnichannel da marca possibilitando uma triangulação do estoque de vendas que permite ao cliente receber sua compra em casa no mesmo dia. Outro benefício é que todas as peças que estão no aplicativo contam com um desconto de 25% na primeira compra. E oferece a opção “Scan & Go” na qual o cliente dentro da loja pode fechar seu pedido sem precisar passar pelo caixa. O carrinho pode ser montado fotografando as etiquetas das peças desejadas. O aplicativo tem a exclusividade do preview da primeira parte da coleção Balance Verão 2022, que conta com peças fluídas em tons neutros dando o toque leve da estação e permitindo a liberdade de movimentos.

RESERVA

A Reserva anuncia o começo de uma revolução na moda, o lançamento da Camiseta Simples. Para Rony Meisler, CEO da AR&Co, “esse é o início do projeto de futuro e o primeiro passo das próximas novidades que a marca promete, além da construção de um novo básico no Brasil”. Apostando no modelo simples, a marca de roupas masculinas também entra no vestuário feminino e investe na economia compartilhada. O produto nasce de uma extensa pesquisa realizada pela empresa com consumidores e reflete a necessidade de evoluir em consonância com o desejo do consumidor. “Se por fora a camiseta parece simples, por dentro carrega quase um ano de pesquisa e desenvolvimento têxtil e tecnológico”, completa.

Para este novo projeto, a Reserva traz o conceito chamado por Meisler de humanwear, ou seja, uma marca reserva-1humana, que é feita por e para pessoas, e por isso deve evoluir junto com a sociedade. Por isso, a empresa realizou uma pesquisa com os mais de 3 milhões de clientes e seguidores das redes sociais. Após a análise das respostas, a marca percebeu que, além da elevação do nível de consciência sócio ambiental em suas escolhas de consumo, as pessoas estão cada vez mais interessadas em usar as coisas do que em possuí-las.

Com o pilar sustentável, visando minimizar o impacto ambiental de uma das indústrias mais poluentes do mundo, a camiseta estará disponível por meio de um serviço de assinatura anual com mensalidade de R$ 24,99. Durante o período de um ano o cliente receberá três camisetas, a primeira no ato da compra e as demais a cada cinco meses. Ao final de cada ciclo, o cliente retorna as camisetas para a Reserva, que irá encaminhar as peças para o processo de reciclagem, onde o fio é desfibrado para virar um novo produto. Ou seja, ao final do ciclo, nenhum tecido será descartado no meio ambiente, tampouco perder o uso pelo cliente.

“A Reserva tem orgulho de ser a única marca de moda do País e da América Latina a possuir a certificação do Sistema B. Por isso, nos pareceu clara a urgente necessidade de fazer da Camiseta Simples também um embrião de solução logística e comercial capaz de minimizar o impacto no meio ambiente. Sabe-se que aproximadamente 175 mil toneladas de roupas acabam em aterros sanitários todos os anos no Brasil. Esse é apenas o nosso primeiro passo no caminho da reinvenção da moda básica e sustentável”, diz Meisler.

Os clientes que aderirem ao serviço de assinatura receberão de volta os mesmos reserva-2-640x427R$ 24,99 todo mês, como cashback para utilizar dentro do período em novas compras. A cada Camiseta Simples assinada, assim como para todos os outros produtos da marca, a Reserva complementa cinco pratos de comida para instituições responsáveis por alimentar diversas famílias do Brasil, como a Associação Civil Banco de Alimentos, e o Mesa Brasil/SESC, por meio do projeto 1P5P, em 5 anos de projeto quase 50 milhões de refeições já foram complementadas.

A camiseta estará disponível para o público masculino, feminino e infantil. Sem estampas e com 12 cores diferentes, para vestir a todos, por isso está disponível em diferentes modelagens e tamanhos, do 4P ao 4G, passando a oferecer uma grade mais inclusiva no mercado.  É assim que a marca, consolidada no mercado masculino, também registra sua entrada no vestuário feminino. “A coragem é um de nossos principais valores. Estamos, mais uma vez puxando uma importante e necessária mudança no mercado da moda. A Camiseta Simples une tudo que a Reserva tem de melhor: sustentabilidade, propósito, inovação e simplicidade”, completa o CEO.

reserva-3-640x427A peça possui certificação BCI (Better Cotton Iniciative), iniciativa reconhecida mundialmente por estimular a produção sustentável do algodão e zelar pela qualidade da fibra. O processo de plantio e cultivo do algodão orgânico é muito menos agressivo ao meio ambiente - não usa fertilizantes sintéticos e necessita de muito menos água. Além disso, o tecido da Camiseta Simples recebe uma mistura de beneficiamentos têxteis que resultam em uma textura aveludada ao toque e o máximo de conforto.

“Dizem que uma revolução começa em um quarteirão. A nossa está começando em uma camiseta. O que hoje começa com a Camiseta Simples, pode funcionar para todos os outros itens e marcas do guarda-roupa do(a) brasileiro(a). Simples será o do novo e melhor básico do Brasil”, finaliza Meisler.

UMA

Fundada por Raquel e Roberto Davidowicz em 1997, a UMA é uma marca de moda contemporânea com essência independente e atemporal. Feita em São Paulo para consumidores globais, a UMA foca em produtos de qualidade, relações de trabalho justas e estética moderna. Conhecida por sua conexão com artes visuais e dança, além de trabalhar a sustentabilidade com sua linha ecológica UMA X, a etiqueta paulistana possui lojas em São Paulo e Rio de Janeiro, e está presente em multimarcas pelo Brasil e e-commerces internacionais.

marte-conceito-calc-807a-chapim-74400-e-saia-morsa-88800-427x640A nova coleção foi inspirada na arte abstrata - ‘Marte’ é resultado de experimentações artísticas de Raquel Davidowicz, designer da marca, durante o isolamento social, e celebra a modernidade e a liberdade por meio de estampas autorais

Os homens são de Marte… e as mulheres também. O planeta, que desde a Antiguidade evoca liberdade, perseverança e força, é a inspiração para a nova coleção da UMA. As peças, com estampas exclusivas que incorporam o visual da arte abstrata, celebram a força e espontaneidade da criação feminina, aqui personificada por Raquel Davidowicz, designer da marca.

Para a coleção Marte, foram resgatadas três pinturas em acrílico, resultado de experimentos que Raquel desenvolveu durante a pandemia. A arte, que revisita o Gestualismo, movimento abstrato marcado pelo gotejamento de tinta que ganhou destaque na década de 1940, é a base para as estampas inéditas da linha.

“Este período de isolamento reacendeu meu desejo de explorar mais a pintura, atividade que sempre admirei e onde eu eventualmente marte-conceito-blusa-771o-tubara-771o-427x640me aventurava como uma distração. Sempre busco inspiração na arte para compor as coleções, mas dessa vez senti que trazer minhas próprias experimentações traria um elemento mais íntimo, de dentro para fora, que literalmente imprimiria mais personalidade às peças”, comenta Raquel.

Neste lançamento, a pintura ganha tridimensionalidade, dando ainda mais significado à sua abstração, incentivando a imaginação e o envolvimento do indivíduo com a roupa, sem regras ou imposições. Característicos da UMA, os pilares da coleção são maleabilidade, frescor e despretensão.

As estampas de Marte foram criadas a partir da impressão digital das telas originais, sendo reproduzidas na mesma dimensão das obras, e trazem nomes que evocam suas raízes artísticas: como as geométricas, em fundo preto e mineral, a “pincelada” e a “respingos”, essa última em duas versões - preto e branco e preto e amarelo. O tie-dye artesanal, feito a partir de descolorações localizadas, também figura na coleção.

calc-807a-cisne-81200-427x640Tecidos naturais, com base em modal e viscose, alcançam o conforto combinando diferentes fibrascalc-807a-crusta-769ceo-91500-427x640 inovadoras, como o linho com elastano, algodão supreme e algodão inox. A cartela neutra de preto e variações de branco e cinza, parte essencial do DNA da marca, divide espaço com tons modernos, como o lima, o girassol, o avocado e o lápis-lázuli.

umaA coleção, dividida em quatro grupos, traz calças, blusas, saias e vestidos em uma variedade de propostas, sempre marcadas pela fluidez e o visual contemporâneo. É o caso dos itens básicos pretos, com cordões naturais contrastantes. Os conjuntos também são destaque entre os novos lançamentos, assim como malhas tricôs tingidos naturalmente.

A nova linha também conta com acessórios de couro, como sandálias, chinelos, botas e bolsas, com detalhes únicos como drapeados e ou correntes. Bijoux em prata arrematam o visual jovem e contemporâneo da coleção.

Marte, a nova coleção da UMA, estará disponível nas lojas físicas da marca em São Paulo e Rio de Janeiro, assim como no e-commerce www.uma.com.br a partir da primeira semana de setembro.

da redação  com informações: BASICO.COM da Suporte Comunicação / OSKLEN da MktMix Assessoria de Comunicação / RESERVA da Fala Criativa / UMA da Suporte Comunicação  imagens: fotos/divulgação

VAREJO ON LINE / OFF LINE

worldfashion • 08/09/21, 17:42

1_omni-channel-technology-online-retail-businessMuitas mudanças ocorreram na forma de vender e comprar, o varejo se adaptou rapidamente, utilizando as tecnologias disponíveis, para atingir o que realmente importa: a atenção e o bem-estar do consumidor, que exige cada vez mais segurança, transparência, agilidade e confiança. Na matéria um artigo do Erick Buzzi da  VTEX  multinacional que desenvolve plataformas de e-commerce em mais de 30 países, a Dafiti Group em parceria com a WGSN Mindset que apontam o futuro do e-commerce de moda, a Shop2Gether apresenta a 8ªedição do projeto “Novos Designers”, especialista em cibersegurança explica como o gerenciamento pode diminuir drasticamente invasões a sistemas e vazamentos de dados, as grandes rede de lojas focam na sustentabilidade e no upcycling e várias marcas inauguram espaços “omnichannel”  proporcionando ao consumidor experiências exclusivas com os seus produtos.

ARTIGO

O varejo nunca mais será o mesmo - Por Erick Buzzi*

1614352723024Ainda sentiremos por muito tempo o impacto das mudanças globais que a pandemia provocou na forma como compramos e vendemos. Para começar, duas novas palavras já estão incorporadas ao cotidiano do varejo: contactless e frictionless. Em bom português: sem contato e sem atrito. Não importa quanta tecnologia e investimento sejam direcionados para promover essa experiência fluída que os consumidores esperam, é o que temos a fazer.

Entres as muitas incertezas que ainda nos aguardam, podemos trabalhar com a convicção de que o crescimento das vendas on-line não é uma tendência temporária. Ele sinaliza um comportamento que veio para ficar e pressiona o varejo a um crescente movimento de aderência à transformação digital. O que significa abraçar a tecnologia para oferecer aos clientes uma experiência de compras muito mais avançada.

“A maior conclusão de 2020 é a mudança para o comércio eletrônico; os consumidores adotaram as compras on-line com vigor e os varejistas responderam com o lançamento rápido de novas tecnologias”, diz a National Retail Federation.

Mas as tendências deste ano não são definidas apenas pela adoção das novas tecnologias. Quem aponta os rumos do futuro são os clientes. Eles assumiram novos comportamentos de compras, exigindo também novas posturas das marcas em sintonia com a cultura que emergiu do caos. A pandemia trouxe à tona o consumismo consciente e as pessoas agora querem comprar menos e melhor. Elas esperam que as marcas atuem em sintonia com seus valores e demonstrem credenciais éticas e sustentáveis.

Ao mesmo tempo, as pessoas também querem mais atenção, agilidade, transparência e personalização em diferentes pontos de contato. Tanto para detectar as mudanças culturais, como para atender às crescentes expectativas por mais facilidades na jornada a resposta é investir em tecnologia. O grande problema é que as organizações mais atrasadas na transformação digital vivenciaram uma grande corrida contra o tempo para não perder mercado em 2020 e agora é o momento chave de corrigir falhas e avançar ainda mais nesse processo.

“O bem-estar será considerado uma necessidade, não um luxo. A pandemia levou os consumidores a repensar como vivem, como trabalham, o que valorizam e o que desejam em sua vida. Eles voltaram sua atenção para a saúde e o bem-estar e procurarão comprar de marcas confiáveis que combinam tecnologia com significado para ajudá-los a viver uma vida melhor e mais conectada”, disse Mindy Grossman, CEO da WW International.

Em artigo na Forbes, o autor e futurista Bernard Marr comenta as tendências que devem moldar 2021 e elas reforçam a importância da tecnologia para acompanhar a jornada de compras nesse momento profundamente transformador para o varejo:

• Omnichannel é um desafio que envolve a união de várias tendências, incluindo IA, robótica, IoT e realidade estendida (XR) - que inclui realidade virtual e aumentada (VR / AR).

• O varejo de big data impulsionado por IA vem amadurecendo e os principais varejistas contam com análises avançadas para entender o que deve ser estocado nas lojas e aumentar a eficiência em logística, além de iniciativas voltadas para o cliente, como chatbots e assistentes virtuais.

• A tecnologia de reconhecimento de voz alimentada por IA foi aprimorada a ponto de realmente poder ser usada para agregar valor tanto na loja quanto por meio de aplicativos de e-commerce. Será usada cada vez mais para obter informações e fazer compras e os varejistas irão adaptar sua infraestrutura para se adequar a esses hábitos.

Se tudo isso parecer futurista além da conta, pense que todas essas tecnologias já estão disponíveis e são muitas as possibilidades de conexão entre elas para promover iniciativas inovadoras. A pressão dos clientes e do mercado não vai parar daqui para a frente. Essas previsões também se conectam com as tendências apontadas pela National Retail Federation - NRF para os próximos meses:

• Marcas com vendas diretas ao consumidor, flexionando os músculos da parceria e explorando modelos para se diferenciar, verão crescimento e lucratividade perturbadores. As marcas Direct To Consumer introduziram novas categorias e estão injetando novas energias no aperfeiçoamento de seus objetivos de obsessão pelo cliente.

• A transformação da cadeia de suprimentos foi acelerada pela pandemia, alavancada pelo 5G e sustentada por investimentos substanciais em soluções digitais.

• O livestreaming será o centro das atenções, com potencial para ser uma das categorias de crescimento mais rápido no ecossistema digital one-to-one. O Interactive Advertising Bureau informou que as vendas geradas pela transmissão ao vivo devem dobrar para US $ 120 bilhões em todo o mundo em 2021. Os especialistas dizem que os compradores digitais querem mais do que apenas um produto; eles querem sentir uma conexão com uma marca. Assim, um número crescente de marcas está incorporando a transmissão ao vivo em sua estratégia.

• Adoção de tecnologia robótica, robôs de entrega de comida e veículos autônomos. Os robôs da loja devem coletar e processar dados de maneira precisa, repetida e autônoma para resolver problemas de negócios. Os drones ainda têm o potencial de tornar certas viagens obsoletas, conservar energia e contribuir para práticas mais sustentáveis.

• “Evolução” é a palavra para shopping centers. Os compradores voltarão após a pandemia, mas os shoppings precisam ser reinventados com ambientes menores e mais atraentes.

• A tecnologia touchfree se tornará a tendência. As compras digitais dispararam, os pagamentos sem contato rapidamente se tornaram a norma e a realidade aumentada estão prontas para crescer.

• Social Commerce tem potencial para crescer mais rápido que o comércio eletrônico geral. A ideia de varejistas e marcas criarem experiências de compra por meio das mídias sociais decolou. Seu poder de permanência é inegável por várias razões, incluindo os sentimentos exclusivos que essas oportunidades criam, a chance de construir a intenção de compra e o processo de pagamento sem atrito que dá um novo significado à palavra “perfeito”. A Technavio informou recentemente que o mercado global de Social Commerce deve crescer US $ 2.051 bilhões durante 2020-2024, progredindo a uma taxa composta de crescimento anual de quase 31 por cento. Quem está liderando o ataque? Facebook, Instagram, Twitch, TikTok, Pinterest e Spotify.

• A fabricação On-demand permite que as marcas respondam mais rapidamente às mudanças na demanda dos clientes, criem produtos conforme os pedidos são colocados e mantenham quantidades mínimas de estoque.

• Procurar maneiras de monetizar os dados do cliente é a aposta para os varejistas; o desafio é fazer isso em um verdadeiro ecossistema omnichannel. As empresas que acertarem serão onipresentes para os compradores - conectando-se on-line, em lojas e por meio do comércio social e garantindo que cada ponto de contato seja sem atrito. Um facilitador fundamental de todas as coisas digitais é o 5G. Os consumidores não podem se dar ao luxo de serem desconectados, então nem é preciso dizer que as empresas também não.

• Os clientes querem opções de pagamento em cada etapa da jornada. O modelo de pagar por itens na íntegra está desaparecendo à medida que a próxima geração de compradores adota modelos e assinaturas de pagamento complementar.

• As marcas enfrentam novas regulamentações de privacidade que exigem investimentos em plataformas de dados de clientes. Enquanto os varejistas buscam o próximo Santo Graal da segmentação, procure aqueles que têm bancos de dados gigantes e / ou parcerias para vencer.

Avaliando as trends que foram identificadas nesse artigo penso que a pandemia apenas acelerou todos esses movimentos, sejam eles culturais ou de digitalização, trazendo rapidamente à tona tudo o que já era esperado em um processo natural de evolução. Mas ainda temos um intenso trabalho de adaptação das organizações que correm para se unir em ecossistemas digitais mais avançados porque não há mais tempo a perder.

Com tantas mudanças em curso, o futuro pode ser imprevisível. Cada vez mais vamos ter o uso intenso da tecnologia para aperfeiçoar a experiência de compras em uma jornada que se tornou mais complexa. Com o cliente no centro de todas as iniciativas, o objetivo agora é corresponder aos seus novos níveis de consciência e às crescentes demandas por experiências fluídas. Esse é o mix que vai definir quem pode superar os desafios à frente e sair fortalecido para as próximas ondas que virão.

*Erick Buzzi, VP de vendas da VTEX, multinacional que desenvolve plataformas de e-commerce em mais de 30 países

E-COMMERCE

DAFITI GROUP

O maior grupo de e-commerces de moda e lifestyle da América Latina, fundado em 2011 e com atuação em 4 países (Argentina, Brasil, Chile e Colômbia), com o propósito de revolucionar o ecossistema da moda com inteligência. Conta com mais de 3.800 talentos, dedicados a proporcionar a melhor experiência de compra dos clientes e a ser a plataforma de escolha para nossos parceiros. Potencializado por um ecossistema de tecnologia e infraestrutura das operações, propõe valor e é baseada em oferecer: o melhor portfólio e curadoria, inspiração de moda, os melhores preços, a melhor conveniência e tudo isso com o cuidado em gerar impacto positivo às pessoas e ao planeta. Em 2020, nossas plataformas tiveram mais de 7,7 milhões de clientes ativos, gerando um NMV de R$3,4 bilhões.

A WGSN Mindset, braço de consultoria da WGSN, líder mundial em previsão de tendências, sempre olhando para o futuro dos negócios dos clientes, ajuda mais de 200 em todo o mundo a criar os produtos certos na hora certa para o consumidor do amanhã. Com serviços que abrangem as percepções do consumidor de diversas indústrias, como alimentos e bebidas, beleza, design de interiores, estilo de vida, moda, análise de dados e consultoria especializada.

image20210512190807-640x334Em Maio último, lançaram um estudo inédito sobre o futuro do e-commerce de moda. O conteúdo se aprofunda em análises do comportamento do consumidor em vista das grandes questões atuais e aponta os caminhos para o futuro, trazendo informações essenciais para compreender o momento presente e as perspectivas para o setor nos próximos anos.

O estudo propõe um olhar abrangente para diversos aspectos da moda como negócio e como inspiração. Diversidade, inclusão e sustentabilidade, já em voga atualmente, são temas que ditam os rumos daqui em diante, alinhados com o propósito das marcas. O digital continua ganhando força, mas deve desenvolver ferramentas que criem uma experiência de compra mais próxima da presencial, enquanto as lojas físicas serão redimensionadas para permitir um distanciamento maior entre as pessoas e aumentar a integração digital. Muda também o perfil dos influenciadores, que passam a ser figuras de autoridade, criadores de conteúdos de impacto, que usam suas plataformas para promover mudanças reais na sociedade. Destaque para a qualidade e a relevância do conteúdo, não apenas quantidade de seguidores.

CD // Dafiti // Extrema - MG // Rafael RoncatoA análise qualitativa foi elaborada a partir do mapeamento de tendências comportamentais e conversas com especialistas brasileiros do setor e experts do Dafiti Group. Dividido em três pilares, o estudo apresenta insights sobre o consumidor, o varejo de moda e o varejo de moda online. Para olhar para o futuro, a análise começa revendo a evolução do setor nos últimos 10 anos, partindo de 2011, quando os brasileiros faziam suas primeiras compras pela internet e a Dafiti era lançada no país - peça-chave na disrupção do setor e na revolução do hábito de consumo dos latinoamericanos. Em seguida, se aprofunda nas mudanças recentes do varejo, parte iniciada antes da pandemia e parte acelerada pelos acontecimentos desencadeados pela crise sanitária e econômica mundial. E chega a caminhos possíveis para daqui em diante, já traçando um paralelo com o que os e-commerces já têm colocado em prática nos últimos tempos, com práticas e exemplos já experienciados ao redor do mundo.

image20210512190748-640x640CONSUMIDOR - O estudo categoriza sete prioridades chave dos consumidores daqui para frente, e são essas prioridades que guiam a organização dos conteúdos no estudo: 1)reforma social, 2)proteção e segurança, 3)dicotomia tecnológica, 4)novas comunidades, 5)meio ambiente, 6)geração recessão e 7)novas alianças. São essas prioridades que direcionam como desejam consumir, afetando diretamente suas escolhas de moda.

Neste primeiro pilar de análise, destacam-se conceitos como diversidade, autoexpressão e segurança. Isto significa que, daqui para frente, inclusão e sustentabilidade serão estruturais para qualquer marca e devem impactar não só a comunicação, mas toda a forma de pensar o negócio. A análise mostra que pandemia, emergência climática, descolonização e recessão já são atualmente propulsores de transformação social, e levam a pressão por reformas sociais, busca por mais segurança, reduzindo o consumo por gratificação imediata, estreitamento de comunidades e maior atenção às questões ambientais.

Outro ponto de atenção é a importância de permitir que as pessoas se destaquem a partir das suas personalidades, pois o consumidor deve valorizar cada vez mais marcas que dão espaço à pluralidade de identidades e também de interesses em cada indivíduo.

O varejo de moda físico e online

image20210512190759-640x640Conectado à valorização e importância da autoexpressão do consumidor, no futuro veremos o varejo com lojas físicas mais inspiracionais e acolhedoras, que transmitam segurança e conforto. Após a pandemia, os consumidores devem passar menos tempo dentro das lojas e interagir menos com os produtos, e os espaços devem ser projetados de forma a permitir maior distância entre os clientes.

Já uma das principais tendências do digital é ser “menos digital”. Nos próximos anos, o online deverá investir em aprimorar a conveniência da compra online e ser capaz de proporcionar experiências de compra mais próximas da presencial e do relacionamento humano, por meio de realidade aumentada, por exemplo, além de jornadas mais interessantes. Todo o processo de compra importa e deve ser atrativo.

Dafiti Group há 10 anos liderando o varejo de moda online na América Latina e atuando na vanguarda do setor, contribuiu com a inovação do hábito de compra e com as oportunidades de uma experiência de compra em moda ainda mais propositiva e inspiradora a seus clientes. Ao completar uma década, a empresa alia-se a grandes especialistas do mercado para produzir esse estudo e, a partir de suas conclusões, se posicionar para um futuro de ainda mais contribuições ao setor.

samantha-albuquerque“Ao longo de nossa jornada, vimos o setor se alavancar e estivemos à frente de importantes tendências do nosso mercado. Nos tornamos ponto de partida da moda em nossa região de atuação, somando hoje mais de 7.7 milhões de clientes ativos. E acreditamos que, daqui em diante, o consumidor estará ainda mais consciente e em busca de marcas que ofereçam a ele ferramentas para se inspirar, expressar, consumir uma experiência conveniente e com ainda mais significado. Mais do que um processo de imersão em nosso DNA e entendimento das possibilidades, esse estudo nos propõe olhar além, para o que desejamos construir nos próximos anos - e essa construção é coletiva, apoiando nossos parceiros e contribuindo para que todo ecossistema caminhe conosco”, frisa Samantha Albuquerque, Diretora de Marketing e também uma das entrevistadas no estudo.

Algumas iniciativas do grupo já estão apontados no estudo: para aprimorar a experiência online e aumentar a comodidade nas plataformas Dafiti, Kanui e Tricae o consumidor já tem acesso a recursos que facilitam a compra, como o Fit Finder, que ajuda a decidir o tamanho certo para cada corpo, além do Busca Look, que permite encontrar, no portfólio dos e-commerces, itens semelhantes a de imagens salvas no celular. Também estão disponíveis os serviços de Coleta em Casa, que permite a devolução ou troca de produtos de maneira ágil e cômoda para o cliente, e o Retira Fácil, com pickup points em estabelecimentos comerciais variados para retirada de produtos, contribuindo para a conexão de seu consumidor com o comércio local. Para os parceiros, o novo centro de distribuição automatizado, serviços de logística e a infraestrutura de marketplace.

Para elaborar o estudo, foram realizadas entrevistas com 10 especialistas no setor. Envolveram-se no projeto Cassandra Napoli - Estrategista sênior de Digital Media & Marketing na WGSN, Eduardo Ribeiro - Sócio-fundador e diretor executivo da DBMAX Inteligência Estratégica, Jackson Araújo - Consultor criativo e especialista em tendências, Michel Jasper - LinkedIn Top Voice 2020, Fundador do AMO VAREJO e Diretor Geral Web Jasper, e Petah Marian - Estrategista sênior na WGSN Insight.

Já do time Dafiti Group, os cofundadores Philipp Povel e Malte Huffmann trazem a expertise dos 10 anos à frente do grupo. Também contribuem Samantha Albuquerque (Diretora de Marketing), Francisco Faulhaber (Diretor de Platform Services) e Amilcar Zambrano (Gerente de Customer Experience e Business Development).

SHOP2GETHER

Foi lançado em 2012, é o maior e-commerce de moda nacional, que reúne grandes marcas e estilistas renomados ao lado de novos designers, promovendo assim uma rede de conexão potente, e atraindo consumidores de todas as gerações. O e-commerce Shop2gether é pioneiro no país em oferecer atendimento premium e serviços como: concierge e gift assistant, além das trocas de compras gratuitas e descomplicadas.

210811-shop2gether1622-altaCom a missão de apoiar, valorizar e incentivar o design de moda autoral nacional, o Shop2gether lança a oitava edição do projeto “Novos Designers”.

O programa, que tem curadoria de Ana Isabel de Carvalho Pinto, co-founder do e-commerce, selecionou oito novos talentos - dois a mais do que na edição anterior, que estão em sinergia nos seguintes pilares: mudanças regenerativas, longevidade, design emocional e heranças culturais. Esta edição traz a diversidade no perfil dos estilistas, inspirações e coleções.

Além da conhecida mentoria de Constanza Pascolato, o projeto desta vez contou com a jornalista Luanda Vieira como curadora-convidada, que emprestou seu olhar na revelação dos novos talentos da moda brasileira.

ana-isabel-de-carvalho-pinto“Neste ano voltamos nosso olhar para a criatividade e para marcas que tenham em seu DNA os valores de transformação’’, conta Ana Isabel.

Nesta temporada, o e-commerce continua a parceria com advogada e apresentadora Gabriela Prioli como embaixadora do projeto. Além dela, também contará com a presença da influencer Thai De Melo Bufrem, que será a agitadora digital das redes sociais do Shop2gether.

As marcas convidadas:

Argalji - Paetê, tafetá e linho são alguns dos materiais com os quais Argalji gosta de trabalhar. A marca da estilista carioca Monique Argalji mistura referências, mas sempre com uma boa dose de brasilidade. Fascinada por modelagens, Monique estudou na Parsons de NY e fez pós-graduação em modelagem criativa, na St Martins (Londres). As produções da marca são feitas em pequena escala, com lançamento de algumas peças únicas.

Cocteau Studio - Como nome em homenagem ao multifacetado artista francês Jean Maurice Eugêne Clément Cocteau, a marca de lenços e acessórios produz criações de arte para vestir. Seu objetivo é levar arte para o cotidiano ao criar peças atemporais que ultrapassam gerações. Com produção slow e o mais circular possível, as peças são feitas por artistas e artesãos locais.

Ímpar Ateliê - A marca da estilista Dandara Sevilha é responsável por produzir esculturas de vestir em cerâmica e porcelana de alta temperatura. Cada modelagem das peças é feita de maneira 100% manual, uma a uma, ou seja: uma nunca será igual a outra, mesmo que sejam do mesmo modelo. “Por isso o nome ímpar, pois é assim que cada peça que sai das minhas mãos é: ímpar, única, bela e imperfeita. Como eu, como nós, como a vida, como a arte”, explica Dandara.

Normando - De origem paraense, o estilista Marco Normando busca em suas raízes inspirações e referências para criar peças de alta qualidade. A marca desenvolve indumentárias que conversam com o consumidor contemporâneo desde a escolha de matérias-primas, passando por modelagens inteligentes e acabamentos minuciosos, até a alfaiataria construída com detalhamento.

Nui Nui - À frente da NuiNui estão Camilla Orellana e Julia Nogueira, que se uniram para a criação de peças atemporais e modernas, apresentadas em coleções cápsulas com foco na modelagem e na escala do processo produtivo 100% local. Feminina e autêntica, leve e fluída, autoral e artística são as palavras que definem a marca.

Weider Silveiro - Natural do Piauí, o estilista Weider Silveiro fundou sua marca em 2002 com o propósito de preencher uma lacuna existente no mercado de moda nacional no segmento de feminino jovem e, desde então, vem apresentando coleções sazonais onde tem como principal característica a junção de design contemporâneo com matéria prima experimental, sempre privilegiando o artesanato.

Dendezeiro - Criada pelos estilistas Hisan Silva e Pedro Batalha, a marca baiana aposta na moda sem gênero e sem distinção de tamanhos, criando peças descoladas que misturam influência urbana e da cultura baiana. O talento da dupla chamou a atenção até do Instagram e a marca foi a primeira grife brasileira a ser convidada para criar produtos em parceria com a rede social.

Mille Lab - A marca de moda marginal está ativamente conectada com o território em que atua, Grajaú, desde 2017, dentro do seguimento de Streetwear. Fundada e dirigida por Milena do Nascimento Lima, é uma marca ativista em busca do reconhecimento do corpo periférico, a sua estética, e do pertencimento desse corpo em todos os territórios possíveis.

SEGURANÇA - GESTÃO DE IDENTIDADE

ONE IDENTITY

É uma empresa da Quest Software(*) que ajuda as organizações a estabelecer uma estratégia de segurança centrada em identidade. Com um portfólio exclusivo de gerenciamento de identidade e acesso (IAM), nossa premiada oferta inclui governança de identidade, IAM centrado em AD, gerenciamento de acesso privilegiado e soluções de SaaS de identidade. A empresa auxilia as organizações a proteger sua empresa de ponta a ponta, fazer sua transformação digital sem problemas, eliminando os desafios de identidade e reduzindo a superfície de ataque de ameaças internas e externas. Nosso compromisso inigualável com o sucesso de IAM de longo prazo de nossos clientes é evidente em nossos 7.500 clientes em todo o mundo que contam conosco para gerenciar mais de 125 milhões de identidades.

À medida que os ciberataques crescem em volume e complexidade, a inteligência artificial (IA) está ajudando analistas de operações de segurança com recursos escassos a prever ameaças. Tecnologias de inteligência artificial, como machine learning e processamento de linguagem corporal, permitem que analistas respondam a ameaças com maior confiança e velocidade.

Hackeamentos geram graves problemas para as empresas. Além das perdas financeiras e de credibilidade junto ao mercado, vazamento de dados provenientes de um ataque ransomware, por exemplo, pode sim caracterizar uma violação da LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais), portanto passível de análise e sanção, por parte da Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANPD).

No entanto, estão surgindo técnicas de computação para aumentar a privacidade, com soluções que protegem os dados enquanto eles estão sendo usados, permitindo o processamento, compartilhamento, transferências e análises seguras de dados, mesmo em ambientes não confiáveis. As implementações estão aumentando em análise de fraude, inteligência e compartilhamento de dados.

rogerio-soaresp“Existem no mercado soluções de IGA (Identity and Governance Administration) e PAM (Privileged Access Management) orientados pelas necessidades de negócios, não pelos recursos de TI. Por meio de uma arquitetura otimizada para automação, é possível tratar os principais desafios de governança de identidade e acesso que as organizações enfrentam. Ao agregar as identidades de uma variedade de fontes diferentes, é possível ter escalabilidade para gerenciar funcionários e usuários externos – durante todo o ciclo de vida e com todas as demandas de visibilidade e controle”, avalia Rogério Soares especialista em cibersegurança e diretor de Pré-Vendas e Serviços Profissionais da Quest Software, fornecedora global de software de segurança, de gestão de plataforma e de sistemas Microsoft

De acordo com dados divulgados recentemente pela consultoria global de tecnologia Gartner, 50% das grandes organizações adotarão computação para aumentar a privacidade para processamento de dados em ambientes não confiáveis ou casos de uso de análise de dados com várias partes até 2025. Segundo a consultoria 451 Research, empresa americana de pesquisa do setor de tecnologia, este framework é um dos projetos de segurança mais planejados nas organizações para os próximos dois anos, onde 49% das empresas estão desenvolvendo pilotos Zero Trust ou planejando implantar a tecnologia nos próximos 6 a 24 meses.

Algumas dicas do especialista de como manter um ambiente seguro com gestão de identidade:

•Certifique-se de que o acesso a todos os recursos seja seguro: independentemente se os recursos estejam na nuvem, ou sejam itens locais ou qualquer lugar que os usuário estejam localizados;

•Foque no controle de acesso: quanto menos privilégio, melhor. Qualquer pessoa tem acesso à rede, desde o CEO da empresa até quem está fazendo seu estágio profissional, o que permite passar de um elemento a outro. Empregue energias no gerenciamento de acesso.

•Visibilidade dos dados: é fundamental saber o que está acontecendo na rede e armazenar isso para alimentar outras ferramentas, gerar relatórios, ver como os usuários estão se comportando e quem está acessando quais recursos.

(*) A Quest é fornecedora global de soluções de software para simplificar demandas da TI corporativa das empresas que têm como grande desafio as rápidas mudanças causadas pelo crescimento exponencial da quantidade de dados, expansão de uso da nuvem, data center híbridos, ameaças à cibersegurança e requisitos regulatórios.

As soluções da Quest estão presentes em mais de 130 mil companhias, distribuídas por cerca de 100 países, com presença em 95% das empresas listadas no ranking da Fortune 500 e 90% das empresas listadas no Global 1000. Desde 1987, a companhia constrói um portfólio de soluções que incluem gerenciamento de banco de dados, proteção de dados, gerenciamento de identidades e acessos, gerenciamento da plataforma Microsoft e gerenciamento unificado de endpoints. Com a Quest, as organizações gastam menos tempo em administração de TI e mais tempo na inovação de seus negócios.

LOJAS COM FOCO NA SUSTENTABILIDADE

C&A

Fundada em 1841 pelos irmãos Clemens e August na Holanda, a C&A entende e defende a moda como um dos mais fundamentais canais de conexão das pessoas consigo mesmas, com todos à sua volta e, por isso, coloca os seus clientes no centro da estratégia. Uma das maiores varejistas de moda do mundo, a C&A chegou ao Brasil em 1976 quando inaugurou a sua primeira loja no shopping Ibirapuera, em São Paulo (SP), que acabou de completar 45 anos, reforça seu compromisso com a moda circular no segundo semestre de 2021 e lança duas coleções-cápsulas com atributos de sustentabilidade.

13As novas coleções-cápsulas com atributos de sustentabilidade que vão desde o uso de algodão mais sustentável em 100% das peças, uso de energia renovável e água recirculada no processo de produção. No e-commerce da companhia, via site ou aplicativo, e em algumas lojas físicas encontrarão a coleção mais sustentável do mundo, chamada Ciclos, e a linha Mindse7 Sport + Sustentável, que traz roupas esportivas de poliamida biodegradável da marca.

A coleção Ciclos revoluciona, mais uma vez, o varejo de moda brasileiro ao trazer para o mercado a primeira coleção de malha da C&A com a renomada certificação mundial Cradle to Cradle® nível Gold produzida 100% em solo brasileiro. Até outubro de 2020, somente indústrias têxteis da Europa e da Ásia detinham esta certificação que assegura que as todas as peças foram pensadas e criadas em sua totalidade - isto é, da escolha do tecido, ao fio usado na etiqueta - com o uso materiais e produtos seguros, circulares, garantido ainda responsabilidade socioambiental em todo o processo.

Após dois anos de treinamentos intensos e rígidos processos de auditoria, a C&A alcançou o seu objetivo e trouxe esta certificação para a América Latina e para o Brasil. A partir de agora, a companhia e dois dos seus fornecedores estimulam a indústria têxtil nacional a repensar o seu modelo de trabalho e a adotar inovações em sustentabilidade que contemplam todos os processos e ciclo de vida do produto; geralmente olhados pela indústria de forma apartada.

Ou seja, em cada coleção Ciclos:

• 100% da água utilizada no processo de produção foi recirculada, ou seja, após utilizada, ela foi tratada e devolvida para o meio ambiente com qualidade igual ou superior a inicial;

• 100% de todo o algodão utilizado, incluindo até mesmo as linhas de costura, são de origem mais sustentável (adquiridos como BCI ou orgânico certificado na origem, respectivamente);

• 50% da energia utilizada veio de origem renovável, ou fomentou esse tipo de geração;

• 100% dos produtos químicos utilizados não apresentam riscos para o meio ambiente e para as pessoas, além de não conter metais pesados e perigosos nos botões.

• 100% dos produtos foram fabricados por empresas que mantém condições de trabalho em padrões superiores ao da legislação local para seus funcionários,

Como parte do processo progressivo da C&A de fazer uma moda com impacto positivo, a C&A também lança a linha Mindse7 Sport + Sustentável que alia informação de moda, tecnologia e redução do impacto no meio ambiente, já que a coleção foi produzida com tecidos que possuem atributos de sustentabilidade e menor tempo de decomposição.

24O tecido utilizado na coleção é construído a partir de poliamida biodegradável Amni Soul Eco®, que se decompõe em menos de três anos quando descartada corretamente em aterros sanitários. Para se ter uma ideia, em média, um tecido feito de poliamida comum demora 30 anos para se decompor, de acordo com os dados da Solvay - produtora do fio e a Fiocruz. Entretanto, mesmo com essa redução, a C&A ressalta que preferencialmente as peças devem ser encaminhadas para reuso ou reciclagem antes de ser dada essa destinação final.

Para isso, a marca disponibiliza as urnas do Movimento ReCiclo, iniciativa que oferece uma alternativa para a doação de roupas usadas que, posteriormente, serão encaminhadas a instituições parceiras para reuso ou reciclagem. Atualmente, as urnas estão disponibilizadas em mais de 175 lojas espalhadas por todo o Brasil.

Os lançamentos fazem parte do movimento #VistaAMudança da C&A, que promove iniciativas de sustentabilidade para preservar o futuro do planeta. A iniciativa visa ainda ampliar a oferta de produtos feitos com matérias-primas mais sustentáveis, ter uma abordagem para economia circular, promover condições de trabalho justas e seguras para a rede de fornecimento da companhia e engajar clientes e funcionários em busca de uma moda com impacto positivo.

O Padrão de Produto com o Certificado Cradle to Cradle®nível gold é o padrão mais avançado do mundo para materiais e produtos seguros, circulares e responsáveis, que verifica questões como segurança, circularidade e responsabilidade de materiais e produtos em cinco categorias críticas para a performance sustentável: saúde do material; circularidade do produto, ar limpo e proteção do clima, gestão da água e do solo; e justiça social.

RENNER

Constituída em 1965, a Lojas Renner S.A. foi a primeira corporação brasileira com 100% das ações negociadas em bolsa e está listada no Novo Mercado, grau mais elevado dentre os níveis de governança corporativa da B3. Seu ecossistema de moda e lifestyle é formado pelas marcas: Renner, que tem roupas e acessórios em diferentes estilos; Camicado, empresa do segmento de casa e decoração; Youcom, especializada em moda jovem; e ASHUA Curve & Plus Size, que oferece roupas nos tamanhos 46 a 54.?Atualmente, são mais de 600 lojas em operação, considerando todos os negócios. A Companhia opera ainda com a Realize CFI, que apoia a atividade de varejo, através da oferta e gestão de produtos financeiros. Além de estar presente no Brasil com todas as suas marcas, a Lojas Renner S.A. iniciou seu processo de internacionalização, ao inaugurar unidades da Renner no Uruguai a partir de 2017 e na Argentina em 2019.

rejeans_65439Dentro do propósito de construir uma moda responsável, a Renner segue aumentando a oferta de peças menos impactantes ao meio ambiente com diferentes iniciativas, e a novidade, desta vez, está na linha Re Jeans. A maior varejista de moda do Brasil vai lançar uma coleção cápsula licenciada feita com atributos de sustentabilidade e um tênis circular confeccionado com a técnica de upcycling, produzido em edição especial. Os dois lançamentos são inéditos.

Em 2018, a marca foi pioneira no mercado varejista brasileiro ao apresentar a primeira edição de Re Jeans, com uma coleção feita com tecido reciclado. No mesmo ano, criou o selo Re, que passou a identificar todos os produtos e serviços da marca na área da sustentabilidade. De lá para cá, a atuação da Renner nesta frente avançou e o jeans com conceito ecofashion foi ganhando cada vez mais atributos e representatividade.

“Atualmente, mais de 95% de todo o jeans da Renner é feito a partir de diferentes matérias-primas ou processos de menor impacto. Construímos uma jornada de evolução, que envolveu muita pesquisa e desenvolvimento em colaboração com nossos fornecedores. Isso nos permite entregar hoje aos clientes uma diversidade grande de peças responsáveis, com qualidade e muita informação de moda”, afirma a diretora de Estilo da Lojas Renner, Fernanda Feijó.

A coleção de produtos licenciados de Re Jeans tem roupas femininas do Garfield e masculinas do Snoopy, com opções de calças, shorts, jaquetas, camisas e bermudas, incluindo peças de Ashua, a marca plus size da Lojas Renner S.A. Os produtos contêm algodão responsável, cultivado respeitando requisitos e boas práticas de responsabilidade social e ambiental.

rejeans_65862O tênis tem três modelos, design genderless e numeração do 35 ao 43. O produto foi desenvolvido com a técnica de upcycling e fabricado com peças jeans já existentes (algumas estavam paradas em estoque e outras foram coletadas pelo programa de logística reversa da Renner, o EcoEstilo, que recebe roupas em desuso desapegadas pelos clientes). Por isso, cada tênis é único, com tonalidades e texturas diversas.

Dentro da diversidade de peças que estão nesta campanha de Re Jeans, também há roupas produzidas com baixo consumo de água, a partir de uma metodologia de mensuração de pegada hídrica desenvolvida pela Renner que mapeia as etapas de confecção e acabamento do jeans, fazendo um trabalho de engajamento junto à cadeia de fornecimento e melhorando os processos empregados.

As novidades de Re Jeans já estão disponíveis no e-commerce da Renner e também em sete lojas selecionadas nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e no Distrito Federal.

No segundo semestre deste ano a Renner, assinou contrato para aquisição de 100% das quotas de emissão do Repassa, plataforma online de revenda de vestuário, calçados e acessórios que atua em todo o Brasil. A conclusão da operação está condicionada a determinadas questões negociais acordadas entre as partes. O fundador e os principais executivos do Repassa permanecerão na empresa.

fabio-faccio-ceo-da-renner“Esta aquisição é o primeiro movimento inorgânico para a consolidação do nosso ecossistema de moda e lifestyle. Representa mais um passo desta jornada de evolução, dentre outras relevantes etapas que ainda temos pela frente. Além disso, tem grande aderência aos nossos pilares de atuação, focados na digitalização, na inovação e na sustentabilidade”, comenta o diretor presidente da Lojas Renner, Fabio Faccio.

O Repassa é uma startup nativa digital fundada em 2015 com base nas premissas ESG, e que conta atualmente com 300 colaboradores. A plataforma online, com foco exclusivo em moda, estimula o consumo consciente e prolonga a vida útil de roupas, calçados e acessórios em bom estado de conservação, gerando impacto ambiental e social positivo nesse processo.

rejeans_65107Em 2020, a Renner iniciou uma parceria com o Repassa, quando algumas lojas da varejista passaram a fornecer as “Sacolas do Bem” utilizadas pelos usuários para colocar e enviar ao Repassa as peças a serem revendidas. A receptividade dos clientes foi decisiva para a evolução do processo de aquisição.

“A união do Repassa com a Lojas Renner foi algo natural. Desde o início de nossa parceria, no ano passado, fomos percebendo grande sinergia nos negócios, na criação de valor para os clientes e, principalmente, no alinhamento dos propósitos e valores das companhias. Esperamos que essa união traga muito crescimento para o Repassa e que nós possamos encantar os clientes da Lojas Renner de todo o Brasil com uma moda mais consciente e circular”, diz o fundador do Repassa, Tadeu Almeida.

Ao contrário das plataformas de revenda peer to peer, que promovem a negociação direta entre os participantes, o Repassa opera no modelo gerenciado, com curadoria e controle de qualidade das peças e de toda a jornada do consumidor durante as transações - o que permite uma prestação de serviço mais completa e maior conveniência ao usuário, proporcionando encantamento.

Nesse sentido, todo o processo de avaliação física, precificação, fotos, manipulação, anúncio e entrega é feito pelo Repassa, o que gera menos trabalho ao vendedor. Os vendedores recebem um percentual sobre as receitas, que pode ser sacado mediante transferência bancária, usado para compras no site ou doado para ONGs parceiras. As peças reprovadas na etapa de curadoria também podem ser doadas. “O Repassa tem aderência ao nosso ecossistema em termos de posicionamento, experiência do consumidor, assim como valores e propósito”, acrescenta Fabio.

Renner promove circularidade desde 2011

rejeans_65117Foi pioneira em oferecer um serviço de logística reversa pós-consumo, o EcoEstilo. Com dez anos de existência, o programa já coletou cerca de 155 toneladas de itens descartados pelos clientes nas lojas, entre embalagens e frascos de itens de perfumaria e beleza e peças de roupa em desuso. Em 2020, a marca iniciou uma parceria com a plataforma Repassa, com o objetivo de aumentar as possibilidades de serviços relacionados à circularidade, ampliando o ciclo de uso dos produtos e complementando seu programa de logística reversa.

Todas estas iniciativas e projetos têm como diretriz principal o cumprimento dos compromissos públicos assumidos pela Lojas Renner para o final de 2021: ter 80% dos produtos menos impactantes, sendo 100% do algodão certificado; suprir 75% do consumo corporativo de energia com fontes renováveis de baixo impacto; reduzir em 20% as emissões de CO2 em relação aos níveis de 2017; e ter toda cadeia nacional e internacional de fornecedores com certificação socioambiental.

A ampliação da família Re Jeans representa mais um passo da evolução da Renner em sua estratégia de moda responsável. Desde 2017, a marca já comercializou mais de 130 milhões de peças do selo Re, confeccionadas com matérias-primas como o algodão e a viscose responsáveis, a poliamida biodegradável e o fio reciclado, além de técnicas e processos menos impactantes ao meio ambiente.

LOJAS OMNICHANNEL

HERING

Considerada uma das marcas mais amadas do Brasil, está presente na vida dos brasileiros desde 1880 e é reconhecida por mais de 90% da população nacional. Direcionada para os públicos masculino e feminino, carrega em seu DNA os atributos básico, original, espírito jovem, democrático e contemporâneo, tornando-se referência nacional em estilo de vida e de moda.

Há 140 anos no mercado, a Hering segue à frente do segmento de lifestyle casual e é considerada a maior rede de franquias de vestuário do Brasil. A marca acompanha as transformações históricas e culturais do país e já vestiu mais de cinco gerações de brasileiros. Reconhecida por seu conforto e qualidade, a Hering oferece produtos que combinam estilo e bem-estar, do casual ao despojado, vestindo toda a família.

00f445475b8b5880cf77fe4e5c7633d0Acaba de inaugurar no MorumbiShopping, o novo espaço com conceito mega store, com 400m² para oferecer experiência de compra mais fluida para o consumidor, que encontrará as marcas Hering, Hering Intimates e Hering Kids e Hering Baby no mesmo local.

7893763fbe0a1fbaa476b1fdf6989a8290c99b6fbefaca638672ea43509e0ba1A mudança já começa pela vitrine com o conceito open front, que permite uma entrada mais convidativa e próxima ao cliente, e na entrada da loja, os produtos básicos e atemporais da Hering expostos com destaque, apresentando ao consumidor o Básico do Brasil em grande estilo.

Além de toda a comunicação estratégica no ponto de venda, o visual merchandising intuitivo sugere aos clientes como as peças essenciais e as com informação de moda conversam entre si e podem facilmente compor looks para diversas ocasiões, desde o dia a dia a um momento mais especial. Já Hering Intimates também ganha espaço diferenciado com amplo portfólio de produtos e novidades do under ao sleepwear.

9548c33bfe3d82cee44bdf67acbb7a1bO consumidor poderá escolher suas peças sozinho ou contar com a ajuda do time de vendedores. Para encerrar as compras, não é necessário ir até o caixa, um dos colaboradores poderá encerrar a compra de qualquer área da loja através do checkout móvel.

A empresa vem investindo em tecnologia e acredita que a experiência de compra dos consumidores precisa ser única. Para isso a marca traz diversas novidades na nova loja, como os serviços phygital:

Showrooming - espaço onde o cliente pode encontrar modelos exclusivos do site ou numerações não disponíveis em loja.

Pick up Store - um armário inteligente para o consumidor que prefere comprar no site e buscar na loja sem precisar da ajuda dos vendedores.

7102c5d10c96962c03047765483a48ddCustomização do Seu Jeito: telas integradas ao site que permitem a customização de camisetas básicas.

Lounge - para proporcionar momentos de descompressão, espaço para uso do Wi-Fi grátis, inclusive com estrutura para trabalhar.

Provadores Inteligentes - que otimizam tempo que é fundamental, implantou a leitura RFID dos produtos que entram no provador, assim os clientes poderão ver, por meio de um tablet dentro da cabine, outras cores da mesma peça, preço e dicas de produtos para combinar e chamar um vendedor sem precisar sair ou interromper sua prova de roupas.

No ambiente dos provadores, a loja também terá uma cabine especial que permite que as clientes possam usufruir de mais espaço, conforto e até postar uma foto com as amigas que queiram ajudar na escolha das peças.

TRACK&FIELD

Uma das marcas líderes no segmento de wellness no Brasil, tem a missão de conectar pessoas a um estilo de vida ativo e saudável através de seus produtos e serviços. A empresa, atualmente, tem 268 lojas, sendo 31 próprias, 9 outlets e 228 franquias espalhadas por todo o território nacional. Está presente em 113 cidades e 25 Estados, com mais de 700 funcionários diretos, além de aproximadamente 1.500 colaboradores dos franqueados.

1E acaba de inaugurar (02/09/21), no Shopping Iguatemi São Paulo, sua Experience Store, uma loja de 230m² criada para conectar os clientes a um universo de experiências ligadas ao bem-estar e à vida saudável. O lançamento reforça o comprometimento da companhia com as soluções omnichannel, a integração entre o mundo online e off-line e o fortalecimento do vínculo com os públicos identificados com a marca .

fred-wagner“Vivemos um momento híbrido, onde o digital se tornou muito relevante na vida de todos, mas o contato humano se faz mais necessário do que nunca. Pensando nisso, criamos um espaço para aproximar e conectar, de forma simples, os consumidores ao nosso ecossistema de wellness”, diz Fred Wagner, CEO da Track&Field.

Um time exclusivo de concierge, inspirado nos serviços de hotelaria, estará disponível para facilitar a conexão dos clientes ao seu lifestyle favorito e cuidar, de forma personalizada, de toda a sua jornada - desde a escolha dos produtos, melhor forma de receber as compras, enviar presentes, até a inscrição em eventos e aproximação com treinadores e outros profissionais ligados ao bem-estar.

O ambiente é clean e intuitivo, com QR Codes que amplificam a linha de produtos e apresentam conteúdos em categorias como yoga, running, training e beach tennis. De forma rápida e simples, os clientes terão acesso a playlists, dicas com opções de aulas cristiana-poloniato2-640x427e treinos, além dos eventos oferecidos pela plataforma TFSports - que conta com mais de 227 mil usuários cadastrados e 40 modalidades esportivas diferentes.

Para reforçar ainda mais essa integração, a Experience Store abriga também o primeiro minimarket e café da marca, o TFCoffee, que oferece ao público um espaço de convivência, cardápio e curadoria de produtos gostosos e saudáveis.

“Por meio da convergência omnichannel, ofereceremos a total integração das vitrines online e off-line. Estamos lançando também, em primeira mão, a coleção Verão 2022, teremos novas embalagens sustentáveis e um destaque especial para nossa linha de acessórios”, conta Cristiano Poloniato, diretor de Marketing e Varejo da Track&Field.

VANS

A VANS® é parte da VF Corporation (NYSE: VFC), marca do original tênis, vestuário e acessórios para action sports. As coleções autênticas da Vans® são vendidas em 84 países através de uma rede de subsidiárias, distribuidoras e lojas parcerias. A Vans® possui mais de 2.000 lojas ao redor do planeta, incluindo lojas próprias, franquias e portas parceiras. A marca Vans® promove a expressão criativa na cultura jovem com os action sports, arte, música e cultura de rua além de entregar plataformas progressistas como o Vans Park Series, Vans Triple Crown of Surfing®, Vans Pool Party, Vans Custom Culture e o hub cultural e espaço para a música internacional House of Vans. No Brasil, a Vans é distribuída exclusivamente pela Arezzo&Co.

14E anuncia com muito orgulho a abertura da sua primeira Brand Showcase Store da América Latina, a Vans Store Avenida Paulista, com 250m2 de área construída e localizada na avenida concebida no final do século XIX, foi a primeira via pública asfaltada da cidade e carrega em sua história, os esportes de ação, a música e a arte, combinando para a criação e determinação do que hoje conhecemos como cultura de rua no Brasil: celebração da liberdade de expressão, apoio à diversidade em suas infinitas possibilidades e o incentivo à criatividade. E é considerado um dos principais centros financeiros, de serviços e de cultura do país. A loja tem dois andares repletos de experiências de marca, uma skate shop completa, além de receber as principais coleções de tênis, vestuário e acessórios que une o estilo de vida californiano com o multiculturalismo sul-americano.

633Desenvolvida para proporcionar a mais profunda e elevada experiência de varejo global da marca, a inédita Brand Showcase brasileira dá as boas-vindas aos seus fãs a partir de um espaço dedicado especialmente para a apresentação do propósito da Vans, de possibilitar a expressão criativa, através da exposição de materiais que elevam os valores, o DNA e as campanhas de marca que enaltecem o espírito “Off The Wall”.

945O piso térreo ainda é incrementado pela área de vendas das principais coleções de tênis, peças de vestuário e acessórios da Vans, como os icônicos Classics, em inúmeras variações de execuções para todas as idades; a linha desenvolvida especificamente para as demandas dos skatistas, os Skate Classics; a moderna e versátil família de tênis UltraRange; a extensa e completa franquia de calças Authentic Chino e as camisetas confortáveis e duráveis da marca, a Off The Wall Tee.

7Entre os andares, os consumidores são impactados pela intervenção de um dos principais ícones da cultura urbana nacional, o artista local da cidade de São Paulo, Felipe Yung, que assinou, estabeleceu e popularizou o seu nome nos muros do Brasil e de todo o mundo como “Flip”.

Há três décadas transitando de maneira original das ruas às exposições internacionais e unindo suas principais inspirações com elementos da cultura japonesa, Flip desenvolveu um projeto customizado para a Vans Store Avenida Paulista que, além de consolidar perfeitamente o DNA da Vans com a sua perspectiva artística, consagra principalmente a arte, a cultura urbana e a expressão criativa.

255O mezanino da Vans Store Avenida Paulista, construído especialmente para homenagear o nosso passado e reforçar o nosso comprometimento com o futuro dos esportes de ação, contempla uma área exclusiva para a celebração do skate, recepção das campanhas e produtos da divisão Vans Skateboarding e o grande diferencial: a operação de uma skate shop completa.

81Seguindo o padrão global de todas as Vans Stores do planeta, os dezenove pontos físicos da marca no Brasil - quinze Vans Stores (seis no estado de São Paulo, uma na região Centro-Oeste, três na região Sul, duas na cidade de Belo Horizonte, duas no Rio de Janeiro e uma em Fortaleza) e os quatro Outlets distribuídos entre os estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Goiás - incorporam o plano de segurança e de saúde nacional da Vans para combater o vírus da Covid-19. O Enxoval Covid é desenvolvido por ações que visam garantir a saúde, a segurança e a integridade das equipes de todas as unidades, quanto dos fãs e consumidores. Utilização obrigatória de máscara, controle e limitação do número de visitantes simultâneos, pontos de álcool em gel na loja e distanciamento seguro de 2 metros são as principais medidas adotadas pela Vans seguindo todas as orientações das organizações da saúde.

Fotos: Flávio Kenji

101SERVIÇO:

VANS STORE AVENIDA PAULISTA

Avenida Paulista, 2073 - Lojas 104 e 134 - Conjunto Nacional

Cerqueira César | São Paulo - SP | CEP: 01311-300

Telefone: (11) 3253-7333  Vendas Online: (11) 91306-8850

Horário de funcionamento: segunda a sábado das 9h às 21h

Domingos e feriados das 10h às 18h

Da redação com informações da VTEX por Hochmueller Comunicação; DAFITI  por RPMA Comunicação; Shop2Gether por Helena Augusta Assessoria de Comunicação; ONE IDENTITY por  Capital Informação; C&A po Máquina Cohn & Wolfe; RENNER por FSB Comunicação; HERING por MktMix Assessoria de Comunicação; TRACK&FIELD por ANK REPUTATION; VANS por MktMix Assessoria de Comunicação

MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS

worldfashion • 03/09/21, 15:54

wide_siemens-simaticDepois de um ano difícil e inconstante, a indústria brasileira de moda dá os primeiros sinais de recuperação econômica. Segundo levantamento da Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção (Abit), o setor cresceu 36,3% no primeiro semestre de 2021, na comparação com o mesmo período do ano passado. Entre os investimentos, a compra de equipamentos foi destaque no período, com mais de 315 milhões de dólares investidos, o momento pede estratégia para otimizar produção e os setores de destaque no cenário industrial buscam novas soluções em automação industrial com base na Indústria 4.0. Na matéria, a Andrade Máquinas que atua na logística e distribuição de máquinas, para os diversos pólos confeccionistas, apresenta um novo equipamento da Sansei e fala sobre a parceria com a Singer, a Delta Máquinas fala sobre a aplicação de tecnologias na indústria da moda e a Reymaster propõe soluções em automação industrial com base na Indústria 4.0.

ANDRADE MÁQUINAS

01-andradeEmpresa com mais de 60 anos de atuação, voltada para a inovação tecnológica através da busca incessante de produtos e serviços que atendam todas as necessidades da indústria de confecção, do corte ao acabamento. Está entre as líderes do mercado, na distribuição de máquinas de costura no Brasil, das principais marcas como Sansei, Kansai, Brother, Macpi, Japsew, Durkopp Adler, Orange, Aegis e Singer.

Com sede localizada em Guarulhos, SP,  a empresa conta com filiais em cidades estratégicas: Maringá (PR), Caruaru (PE), Blumenau (SC), Fortaleza (CE), Goiânia (GO) e Betim (MG).

A Sansei, uma das principais marcas de máquinas de costura do mercado brasileiro,  lançou um novo modelo, de costura reta img-20210728-wa0035eletrônica,  a SA-MQ5: sofisticada, com motor eletrônico Direct-Drive e diversas funções que contribuem em até 70% de redução no custo energético e  aumento de produtividade média de 25% quando comparada com máquinas de costura convencionais.

A máquina  conta com todas as funções essenciais de costura, como corte de linha com sistema rotativo, remate de costura programável no início e no final da costura, posicionamento automático de agulha em cima e embaixo e levantamento automático de calcador com acionamento no mesmo pedal de costura. Todas essas funções geram aumento de produtividade média de 25%, e economia  de energia de até 70%.

A menor vibração durante a costura é outro diferencial, por não haver nenhuma correia de transmissão entre cabeçote e motor já que o motor está ligado diretamente ao eixo principal da máquina e, além disso,  o painel de comando, a central eletrônica e todos os componentes eletrônicos, são totalmente integrados ao cabeçote, proporcionando um visual mais limpo e menor peso no conjunto todo.

img-20210728-wa0036Além desses benefícios, a Sansei SA-MQ5 facilita o trabalho do operador através de um painel de comando totalmente intuitivo com assistente de voz, que informa cada função e programação que está sendo ativada ou desativada na máquina quando o teclado touchscreen do painel é utilizado.

A SA-MQ5  vem de fábrica com lançadeira japonesa de alta qualidade, que traz maior durabilidade e resistência em alta rotação.

As máquinas SANSEI são as únicas máquinas no mercado com a certificação NR-12, garantindo segurança à operadora e a todo o ambiente de trabalho.

andrade-maquinas-e-singerA Singer firmou parceria com a Andrade Máquinas, para a distribuição de máquinas de costura domésticas e bordado Singer nas regiões Nordeste e Centro-Oeste, onde a distribuidora tem unidades próprias. A proximidade dos pólos confeccionistas, facilita o acesso e a logística de img-20210216-wa0039entrega dos equipamentos e produtos da linha de máquinas domésticas de costura e bordado da Singer.

Conceição Ruiz, diretora de marketing da Andrade Máquinas, declara: “Em um país continental como o Brasil, a logística é extremamente importante para atender com mpd_lt-640x640agilidade. Então, o fato da Andrade Máquinas já estar presente no Nordeste e no Centro-Oeste com filiais faz toda a diferença, e este é um dos motivos pelos quais a Singer nos escolheu para essa parceria”.

“Estamos muito contentes com essa parceria pois são regiões possuem um grande potencial para o nosso segmento. Temos, cada vez mais, investido em tecnologia e inovação para que todas as formas de empreendedorismo relacionado à costura possam se tornar uma realidade na vida das pessoas”, afirma Marcio Daniel, Head da Singer do Brasil.

DELTA MÁQUINAS TÊXTEIS

img-6070-easy-resizecomFundada em 2007 em Pomerode (SC), a Delta Máquinas Têxteis é referência em tecnologia para otimização da produção industrial têxtil através do desenvolvimento de máquinas, equipamentos e softwares. São mais de 50 produtos em seu portfólio, aplicados aos processos de tecelagem plana, malharia circular, estamparia, acabamento e confecção. A Delta desenvolve ainda projetos de automação exclusivos, de acordo com a necessidade de seus clientes. Com foco na indústria 4.0, alinha automação, gestão de dados e padronização de processos inteligentes, possui mais de 300 clientes localizados no Brasil, Argentina, Paraguai, Peru, Equador, Colômbia, El Salvador, Honduras, Guatemala e México.

O setor da indústria da moda, inicia a retomada e teve crescimento de 36,3% no primeiro semestre do ano, na comparação com 2020. Entre os investimentos, a compra de equipamentos foi destaque no período, com mais de 315 milhões de dólares investidos.

Para o diretor da Delta Máquinas Têxteis, Fábio Kreutzfeld, essa movimentação reflete uma consciência cada vez maior do executivo do setor têxtil em relação à importância da indústria. 4.0. “Há algum tempo o mercado brasileiro vem se reinventando, no intuito de galgar boas posições internacionais no segmento de moda e para isso tecnologias em maquinários para processos que vão desde a abertura de tecido e testes de amostras até a finalização das peças ganham cada vez mais espaço. Sentimos essa preocupação também em nossa rotina, com uma procura cada vez maior pelas nossas soluções em diversas regiões do país”, destaca.

E um dos fatores que marca este novo cenário é o investimento em automação, cada vez mais presente nas indústrias que visam ampliar a competitividade de mercado. De acordo com o radar da Abit (Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção) as empresas brasileiras já investiram 315,6 milhões de dólares em equipamentos neste ano.

producao-fabio-01-easy-resizecomA Delta, que vende também para outros países da América Latina, é uma das marcas brasileiras que apoia a impulsão de um setor cada vez mais automatizado. São mais de 60 soluções desenvolvidas pela empresa, além de projetos customizados, que proporcionam assertividade, maior qualidade às peças e redução de desperdícios em toda a cadeia de produção. “Estes são fatores que marcarão o novo posicionamento das empresas e as tornarão mais competitivas na retomada econômica. Temos, por exemplo, máquinas que reduzem em mais de 80% o tempo de processo. O que faz toda a diferença para tornar investimentos e receita mais estratégicos”, completa Kreutzfeld.

O cenário têxtil brasileiro atual reflete o que pesquisas internacionais já apontavam quando o assunto é automação. Recentemente um levantamento da McKinsey com mais de 500 executivos mostrou que empresas que investem em soluções para este fim não só melhoram o desempenho, mas têm mais chance de chegar à liderança de seus segmentos.

“Temos muito a evoluir, mas acredito que os dados deste primeiro semestre deixam claro o quão disposto o mercado brasileiro está em se reinventar e reassumir uma posição global de liderança. Temos potencial e muitas inovações nacionais que podem nos apoiar neste processo”, finaliza Fábio.

REYMASTER

A Reymaster foi fundada em 1987 e hoje sua matriz, localizada em Curitiba, possui uma área de 8.000 m² dedicados a estoque e  2.000 m² de áreas de apoio com 200 funcionários diretos, frota própria de veículos, estoque a pronta entrega de mais de 40.000 itens, além de contar com máquinas modernas de corte de cabos e bobinamento e carga e descarga com agilidade. A distribuidora também foi uma das primeiras empresas do país a possuir a NBR ISO 9001 em sua nova versão 2015.

fachada-reymaster-640x331A empresa é certificada TOP Solution Siemens e, assim, mantém condições diferenciadas para indústrias de todo o Brasil. Além disso, possui um time de engenheiros especialistas, que auxiliam os clientes nas suas dúvidas técnicas, especificações e novos projetos, suporte na pré-venda para especificação de projeto, conversão de itens obsoletos em retrofits (processo de modernização de algum equipamento já considerado ultrapassado ou fora da norma) e melhorias, oferecendo ao mercado de uma gama extensa de produtos da Siemens voltados para automação industrial e digitalização da produção, além de controles industriais, inversores, motores e itens para distribuição de energia.

A revista Forbes Brasil elegeu 17 indústrias paranaenses do agronegócio entre as 50 principais indústrias do ramo no país,  com destaque para soja, milho, trigo, café e algodão em pluma e, ainda, o ramo  de frigoríficos e laticínios. É um dos estados mais industrializados do Brasil, segundo dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), e figura entre os  cinco maiores PIBs (produto interno bruto) industriais do país, com mais de 43 mil indústrias alocadas no estado.  A cidade de Arapongas.na região de Londrina, é conhecida como a capital moveleira do Paraná, sendo o segundo maior parque industrial moveleiro do país em um mercado que  movimenta cerca de 30 bilhões de reais por ano no Brasil.

joelintom-geffer-joelinton-geffer-reymaster-300x300O Eng.Joelintom Geffer, especialista em automação industrial na Reymaster, explica que a procura por soluções integradas em automação tem crescido muito nos últimos meses. Os polos industriais de Cascavel, Londrina e Maringá são as regiões onde esse movimento estão mais presentes.

Segundo o Eng. Geffer, a busca dessas indústrias é por automação de processos baseado em inteligência artificial, internet das coisas e robótica, ou  seja, tecnologia de ponta. “Muitas indústrias estão investindo em automação industrial, Indústria 4.0 e também sustentabilidade. Aqui na Reymaster temos atuado em todas essas frentes, com produtos tecnológicos e de ponta da linha Siemens.”

“A busca por tecnologia de ponta e parcerias que garantam o bom funcionamento dos processos de automação são fundamentais para que as  indústrias paranaenses continuem na vanguarda do setor industrial brasileiro. A empresa que investe em automação industrial investe no seu próprio crescimento. Já a que deixa de investir se tornará cada vez mais obsoleta, gerando perda de mercado e prejuízos incalculáveis a longo prazo”, alerta o Eng. Joelintom Geffer.

da redação com imagens: fotos/divulgação  informações da: Andrade Máquinas - Suzana Comunica; Delta Máquinas Têxteis - Trevo Comunicação; Reymaster - Engenharia de Comunicação

INDÚSTRIA&COMÉRCIO CALÇADISTA

worldfashion • 02/09/21, 14:27

nh21_719_arezzo8446-640x427A matéria traz propostas e tendências do mercado calçadista, para a próxima estação. Estar na moda, sem crueldade: esse é o propósito da marca Ahimsa, que trabalha com sapatos 100% veganos, a Arezzo se une à Bruna Marquezine para a campanha de Verão 2022, que fala sobre frescor, boas vibrações e a energia do verão. O calçado ecológico é o lançamento da Bibi Calçados o tênis composto por serragem, garrafas PET, cascas de arroz, fibras de bambu e materiais reaproveitados da produção das fábricas. As Havaianas agora também é sneaker! A marca está lançando seu primeiro tênis casual. O Verão 2021/22 da Klin é pautado nas memórias do criançar. La Femme lança coleção  “Sophie Èdit”, preview das tendências primavera/verão 2022 com salto baixo, cores vibrantes, candy colors e tiras trançadas. A Melissa celebra moda brasileira e lança collab com Isabela e Chica Capeto. O alerta de tendência para a próxima temporada da Piccadilly são calçados e roupas na tonalidade azul sky. A Shoestock apresenta coleção cápsula Texturas Naturais que une a dinâmica da cidade com os elementos da natureza.

AHIMSA

Marca de calçados veganos, fundada em 2013 em Franca (SP), atende nacional e internacionalmente os mercado B2B como o B2C, com o foco cruelty free, trabalha com materiais 100% veganos, com o objetivo de ser o mais sustentável possível.

1Nascida com o intuito de fazer a diferença na vida dos animais, da natureza e das pessoas, a Ahimsa procura, por meio de seus produtos, transmitir a mensagem do veganismo, para que a sociedade se torne mais consciente.

Utilizando materiais alternativos, incentiva a reciclagem e o reaproveitamento dos materiais que já existem ou que já foram industrializados.

O Wave Explorer, por exemplo, foi desenvolvido para uso, tanto na cidade quanto na natureza, feito de Vegan Leather de microfibra, é resistente à água e conta ainda com uma palmilha de PU de alta densidade. O solado possui tecnologia Vibram®, que é o toque final para deixar o Wave Explorer ainda mais durável, garantindo qualidade e um ótimo desempenho.

AREZZO

nh21_719_arezzo8327-640x427Para o Verão 2022, a Arezzo se une à Bruna Marquezine, numa campanha que fala sobre frescor, boas vibrações e a energia do verão. Essa é a mensagem principal da campanha de Verão 2022, lançado no dia 26 de agosto.

Além de Bruna Marquezine, um time de peso foi reunido, sob a direção criativa de Giovanni Bianco; styling de Rita Lazzarotti, beleza de Henrique Martins e fotos de Nicole Heiniger.

nh21_719_arezzo8539-640x502nh21_719_arezzo8613-640x443A coleção de Verão 2022 da Arezzo explora as macrotendências, incorporadas ao DNA feminino da marca. Destaque para sandálias em tons vibrantes, que transmitem o momento pulsante do verão, que conta com modelos que serão a tendência do verão, como as papetes de solado leve e palmilha anatômica, com cordões artesanais, que formam um ótimo contraste para se usar com looks elegantes, como o shorts e blazer, ou vestidos fluidos.

nh21_719_arezzo8687-640x589nh21_719_arezzo8780-640x552Já a sandália tramada é uma novidade, com cordões que envolvem os pés com feminilidade, e vem em um modelo de bico quadrado mais largo, uma tendência de moda que traz modernidade. Tanto o modelo de salto baixo, quanto a rasteira, complementam os looks casuais ou elegantes com estilo.

Grande destaque são as sandálias multicolorida, que contempla um mix de cores, em lindas combinações e tiras bombadas, modernas e confortáveis, com salto pantalona, que traz estabilidade para caminhar, como o salto plataforma, que além de estilosos, são confortáveis, modernos e versáteis, podem ser usadas com vestidos e saias ou looks com alfaiataria.  As amarrações continuam em alta e complementam os looks com feminilidade.

nh21_719_arezzo8756-640x427nh21_719_arezzo8880-640x454O conforto e versatilidade se faz presente em inúmeras propostas na coleção, como também nos tênis, que na coleção surgem em modelos estilosos para deixar os looks mais fashion, através do cabedal de tricô knit, que alia conforto, sofisticação e um estilo casual urbano com uma pegada esportiva.

BIBI CALÇADOS

3Lança no mercado um calçado ecológico, o Bibi Eco, o produto está disponível na numeração do 25 ao 32, e chega às lojas no 4início de setembro com a utilização de matérias-primas sustentáveis e reaproveitáveis.  Ampliando ainda mais ações voltadas para a preservação do meio ambiente, a marca expandiu os horizontes e incluiu em seu portfólio o calçado fabricado com garrafa PET, serragem, cascas de arroz, além de outros materiais reaproveitáveis.

O Bibi Eco com cor unisex que remete à naturalidade, e tem grande parte dos seus componentes reciclados. O solado é fabricado em TR transparente com serragem e o cabedal produzido a partir de garrafas PET. O processo de colagem é feito com cola base de água, assim como em todas as linhas. O tênis é seguro e facil de calçar com um engate produzido em ECO WPC, matéria-prima composta em 20% por cascas de arroz e tiras de PVC renovável de fibras de bambu.

O novo produto da marca possui a exclusiva palmilha fisioflex Bibi, composta por espuma ZAHO HD, que contém uma porcentagem de partículas de material reciclado e a lingueta preenchida com resíduos 1_camila_kohlrausch_divulgacao_calcados_bibi-1717672reaproveitados de diversos materiais gerados no processo produtivo da empresa.

“Acreditamos que é nosso papel despertar a curiosidade pela sustentabilidade e ensinar a garotada desde cedo a respeitar e cuidar do nosso planeta e do meio ambiente. Nossas ações e estratégias são norteadas dentro dos pilares sociais, ambientais, culturais e econômico. E para traduzir nosso propósito e materializar nossas práticas sustentáveis, investimos no desenvolvimento do Bibi Eco, o primeiro calçado ecológico da Bibi. Ele contém componentes reciclados e também traz toda o design, conforto, segurança e praticidade já característicos dos produtos da marca. É um orgulho ver este projeto sair do papel e ir pros pés dos pequenos”, revela Camila Kohlrausch, diretora de Marca e Varejo da Calçados Bibi (foto a esquerda)

HAVAIANAS

11O novo modelo do TNS é o sneakers com características como,  liberdade, colorido, confortável, sustentável e pronto para andar leve em todo lugar. O produto, que cabe perfeitamente nos pés de quem busca leveza por onde passa, é inédito e dá mais um passo na construção de portfólio cada vez mais dedicado a compor o estilo de vida livre e descomplicado da marca.

“Havaianas acredita em um jeito leve e livre de viver, e isso é algo que manifestamos em todas as execuções do nosso portfólio. Dos calçados abertos às peças de vestuário e acessórios, a gente quer ver cada vez mais pessoas sendo quem são e, principalmente, se sentindo confortáveis e seguras para experimentar novas possibilidades. Esse é nosso primeiro sneaker casual, e nossa intenção era traduzir o que há de mais forte em Havaianas numa execução nesta categoria. O modelo, além de extremamente alinhado à essência da marca, é versátil e 4146312_0001_sneaker-havaianas-origens_f_3_-640x640sustentável e isso nos enche de orgulho. O Havaianas TNS é uma mistura das melhores coisas do nosso país; ele é fresco como as praias, vibrante como as cidades e verde como o futuro. É por isso que o convite ao usuário é para andar leve!” afirma Fernanda Romano, CMO de Alpargatas.

Produzido a partir de algodão, materiais reciclados e de fontes renováveis - como casca de arroz e óleos vegetais -, o novo Havaianas TNS foi desenvolvido para proporcionar a sensação de leveza e liberdade durante o uso. Seu design une uma estrutura superior em tela respirável, que não pressiona os pés durante o uso, a um solado de borracha super flexível, que acompanha o movimento e se adapta a qualquer superfície com muito conforto.

fernanda-romano“Ao todo, são quatro modelos, com variações de cores, estampas e materiais, que consolidam o DNA da Havaianas em design e originalidade para a categoria de tênis; trazendo cor, conforto, leveza, sustentabilidade e novas possibilidades para a marca”, comenta Fefa Romano, CMO da Alpargatas (foto a esquerda).

havaianas-135-640x427“TNS” é o TêNiS casual de Havaianas. Também pode ser lido como The New Sneakers.

“Escolhemos a Rebeca para nos ajudar a contar a história desse lançamento, pois o Havaianas TNS fala sobre andar leve, ser respirável e flexível, e a Rebeca traduz esse conceito muito bem. Além de toda a leveza e flexibilidade física que a profissão dela exige, ela também passa uma leveza de espírito e de personalidade. Ela anda leve. Tão leve que até voa! Um match perfeito.”, completa Fefa Romano, CMO de Alpargatas.

4146310_0719_sneaker-havaianas-origens-color-mix_f_-640x640-640x640havainassneakers-1165-1-427x640Os quatro modelos inéditos do Havaianas TNS se desdobram em 13 versões diferentes. Entre os modelos estão o TNS Colors, disponível nas cores branco, preto, neon, azul e rosa para trazer mais alegria para qualquer look. Já o TNS Roots, com sola que remete às fibras naturais, disponíveis nas cores branco, verde e amarelo, é o modelo perfeito para quem prefere visuais mais sóbrios.

HOMEM DO SAPATO

A empresa nasceu do desejo de empreender de Jhonatan Rêgo e Renata Braga. Por meio do carisma, o jovem empresário conquistou um público fiel e se tornou referência na hora de calçar. Elegância, estilo e sofisticação são as palavras chaves para definir os calçados da Homem do Sapato. A marca tem matriz em Fortaleza e franquias em João Pessoa, Manaus, Salvador e Teresina.

homem-do-sapatoA marca Homem do Sapato, referência nacional no segmento de calçados, lançou durante o período de 2 meses, entre maio e junho, o total de 25 novos modelos de sapatos totalmente originais. A estratégia de marketing chamou atenção dos clientes, que esgotaram os produtos neste período.

“Em um mundo cada vez mais conectado, onde lançamentos deixam de ser novidade em pouco tempo, vimos a necessidade de trazer essa proposta de 25 modelos em um curto período de tempo, a fim de atender à demanda do nosso público por algo novo. A recepção do mercado foi ótima e agora planejamos os próximos lançamentos”, pontua Jhonatan Rêgo, diretor da Homem do Sapato.

Dentre os diversos modelos que chegaram às lojas estão o softwalk, yong sock,trinity mocassim, yacht basic slim, new yacht bio latego, gran mocassim lower, loafer cilli, braids mocassim, porto bello mocassim e new yacht navy. Os modelos podem ser utilizados em várias ocasiões, desde uma saída com os amigos até uma ocasião mais formal, como uma reunião de negócios ou uma celebração, por exemplo.

KLIN

klin3946-640x427Em 1983, nascia a Klin, movida por um ideal, muitos sonhos e um público-alvo específico: Crianças. Contando com um pequeno galpão de 65 m² e alguns maquinários, a Klin iniciava suas atividades na fabricação de sandálias com 4 colaboradores e uma produção diária de 15 pares. Alguns dos pontos fortes em sua trajetória foram a paixão que movia seus ideais de consolidação da marca e a valorização de pessoas, metas estabelecidas por seus fundadores Carlos Alberto Mestriner, seu pai Augusto Mestriner e mais tarde também por Valdir Mestriner, sócio e irmão de Carlos.

Em 1991 a Klin começou a viajar. Hoje os produtos estão em mais de 50 países, como Japão, África do Sul, México, Estados Unidos, Inglaterra e Austrália. São uma grande família com mais de 2500 mil pessoas e quatro fábricas sendo três delas no interior de SP (Birigui, Gabriel Monteiro e Penápolis) e uma fábrica no Mato Grosso do Sul (Três Lagoas). A Loja Virtual da Klin foi ao ar em 2010.

klin0947-640x427Marca de calçados reforça a importância do caminhar saudável respeitando o universo das crianças, conforto e o desenvolvimento da futura geração

Com olhar sempre otimista e atento às tecnologias, pesquisas e tendências infantis, a Klin faz tudo de forma cuidadosa e humana, oferecendo o que há de mais encantador e seguro para acompanhar o desenvolvimento dos pequenos nos dias mais quentes do ano.

A nova coleção, que leva o nome Memórias de Criançar, apresenta formatos e shapes apropriados para as diferentes fases da infância, que iniciam pelo baby (de 0 a 1 ano), passam pelo mini (de 1 a 4 anos) e até o kids (de 5 a 7 anos). Em todos os calçados prevalece o conforto, design autêntico, além de tecnologias para o desenvolvimento saudável dos pés das crianças, com o “Selo Caminhar Saudável”, exclusivo da marca Klin em parceria com o IBTEC – Instituto Brasileiro de Tecnologia do Couro, Calçados e Artefatos.

klin3325-640x427A coleção é dividida em quatro temas, sendo elas:

*Espalhe Amor: Produtos delicados e românticos, com mensagens positivas que ajudam a propagar o amor. São sandálias, slides, tênis, sapatilhas entres outros, com solados  antiderrapantes, macios e seguros. O rosa doce, off white perolizado, azul candy, lavanda e rosa metalizado aparecem com evidência.

*Náutico: Sempre presente no verão: as listras, barquinhos, âncoras e o fundo do mar são coordenadas com o branco, azul claro, azul marinho e vermelho. As sandálias, tênis e chinelos tem espaço garantido na linha, além de muito conforto.

*Natureza: O contato da criança com a natureza desde cedo é sinônimo de infância saudável. Com essa inspiração, a Klin apresenta produtos com materiais confortáveis e calce fácil. As estampas camufladas, vichy e flores são coordenadas com branco, azul claro, taupe, chocolate e verde militar. Modelos de sandálias para meninos e meninas, tênis freestyle e flyer são os destaques.

klin0391-640x427*Pop: Correr, pular, brincar… Criançar! Ser criança é ter um livro em branco repleto de possibilidades e histórias pra contar. A marca apresenta os melhores produtos para acompanhar as crianças em suas histórias. Transparências, holográficos, tie dye e muita cor fará parte da linha.

Todas as peças contam com atributos que fazem a diferença: Palmilha Ultra, que auxilia no desenvolvimento saudável dos pés, Material Comfort, Solado Antiderrapante e Calce Fácil. E desta maneira os calçados Klin potencializam as habilidades infantis de forma segura porque são pensados além dos pés.

LA FEMME

colecao-sophie-_-imprensa-1-2A empresa é referência no segmento de calçados flats com pedrarias no Brasil. Com um parque fabril de 2.500 m², a marca produz para mais de 1.000 lojas multimarcas em todos os estados do  Brasil e no mundo, como África do Sul, Bolívia, Colômbia, República Dominicana,  Equador, Emirado Árabes Unidos, Estados Unidos, Paquistão e Paraguai. Com produção diária de 1.500 pares, a La Femme já produziu e distribuiu mais de 3,5 milhões/pares no mercado nacional e internacional.

colecao-sophie-_-imprensa-1-2colecao-sophie-_-imprensa-1-4A Coleção “Sophie Edit” para a primavera/verão 21/22 , aposta em três fortes tendências para a nova estação, cores vibrantes e metalizados, candy colors e tiras conhecidas como “Tressê” (trançado) que remetem a um estilo mais artesanal e muito delicado para os calçados. Os modelos super confortáveis  com diferentes detalhes e cores.  Inspirados nas tendências de moda ao redor do mundo, as tiras trançadas, modelos com diferentes pedrarias e uma gama de cores (lilás, laranja, pink, amarelo, dourado, prata, azul e rosê) inspiram as composições e looks para a próxima estação. O destaque também fica para os saltos baixos, que, a pedido das clientes, voltaram com silvia-barbozacolecao-sophie-_-imprensa-1-1tudo.

“Com  a pandemia  e o isolamento social, a tendência no vestuário e calçados segue a linha do conforto e praticidade. São modelos versáteis que facilmente transitam  entre o homewear  e o streetwear, possibilitando às mulheres criarem looks para uma vida mais dinâmica entre um trabalho home office e  compromissos externos”,  descreveu a diretora da marca, Silvia Barboza (foto acima).

MELISSA

imagem-divulgacao_galeria-sp-exposicao-isabela-capeto-1A marca lançada em 1979, integra o grupo calçadista brasileiro Grendene (fundada em 1971). Hoje presente em mais de 70 países, nasceu inspirada na moda dos pescadores da Riviera Francesa. Seu primeiro modelo, batizado de Aranha, logo ganhou o gosto nacional. Só na última década, Melissa fabricou mais de 32 milhões de pares de sapatos. Melissa é também reconhecida por suas criações de perfume e acessórios como bolsas que já se tornaram icônicas. Uma das primeiras marcas do mundo a promover collabs, tem orgulho de uma história que conta com a participação de grandes nomes da moda mundial, como Jean-Paul Gaultier, Karl Lagerfeld, Vivienne Westwood, Jeremy Scott e Vitorino Campos. Sempre vanguardista, Melissa ultrapassa o segmento fashion e ainda conta com coleções elaboradas por artistas como os designers brasileiros Irmãos Campana e a arquiteta iraniana-britânica Zaha Hadid - além de suas três galerias físicas, centros de grandes exposições e ativações artísticas e culturais, localizadas em três dos principais centros urbanos do mundo (São Paulo, Nova York e Londres). Outro grande orgulho dos 40 anos da marca, Melflex® - forma proprietária de PVC 100% reciclável - nos estabiliza como conscientes e conscientizadores do conforto e do estilo aliados à sustentabilidade.

imagem-divulgacao_-melissa-isabela-capetoTrazendo a brasilidade em cada um dos produtos, a Melissa resgata sua parceria de sucesso com a renomada estilista Isabela Capeto, expert em bordados que já possui uma longa história com a marca. Para a nova collab, a empresa convidou também Chica Capeto, filha de Isabela, cuja paixão por moda vem de berço. As duas irão assinar juntas peças originais, inspiradas nas Pancs (Plantas Alimentícias Não Convencionais). “Fizemos uma releitura das plantas, misturamos a pétala de uma flor com o miolo de outra, numa espécie de colagem das espécies. A cartela de cores é a do meu dia a dia. Tirei de objetos da minha casa, do ambiente em que estou vivendo o tempo todo no início da pandemia, quando essa coleção começou a ser criada.”, explica Isabela Capeto.

imagem-divulgacao_-melissa-isabela-capeto-427x640A coleção celebra o processo criativo entre mãe e filha e resgata o histórico entre a Melissa e Isabela Capeto, que possui uma enorme representatividade para a moda brasileira. “Essa collab reforça a valorização que a Melissa sempre deu à moda brasileira, trazendo de volta uma parceria que marcou nossa trajetória.” afirma a Gerente Geral da Melissa, Raquel Scherer.

A collab conta com ilustrações feitas por Chica Capeto, que representam as flores, plantas e frutos tradicionais da flora brasileira. Ela assinará cachepôs com estampa exclusiva da collab. “Fiquei muito feliz de ser convidada pela minha mãe para participar dessa coleção. Ela já tem uma história de longa data com a marca e foi demais ser “agregada”. Eu sempre amei Melissa, uso desde mini, as clássicas com meias coloridas, antes de me entender por gente. Estou muito orgulhosa, ainda mais de estar colaborando com a minha mãe”.

imagem-divulgacao_galeria-sp-exposicao-isabela-capeto-4Com a collab, Melissa pretende se aproximar, ainda mais, da Geração Z, sem perder o seu DNA de moda. Para isso, a dupla Isabela e Chica traduz de forma legítima um dos pilares da marca relacionados a inovação e originalidade.

Aos 22 anos, a jovem artista carioca Chica Capeto, estudou na Universidade de Artes de Londres, onde imergiu em criações de moda, swimwear e lingerie, camisetas e desenho de moda para iniciantes. Ela ressalta que a criação de estampas é a sua paixão. Com certeza é uma das apostas da nova geração para as marcas brasileiras.

imagem-divulgacao_galeria-sp-exposicao-isabela-capeto-3Isabela Capeto, dona de um estilo que celebra o artesanal, a cor e a valorização do produto brasileiro, tem uma personalidade única. Suas peças são como obras de arte: feitas à mão, e sempre com bordados e aplicações que tornam cada roupa exclusiva. Uma história que começou no Rio de Janeiro, há mais de 25 anos atrás e, volta e meia, ganha o mundo com criação 100% brasileira.

imagem-divulgacao_galeria-sp-exposicao-isabela-capetoPara celebrar o lançamento, a Galeria Melissa, em São Paulo, ganhou uma instalação que explora a coleção, aberta ao público de 19 de agosto à 31 de outubro, em funcionamento de segunda à sexta das 10h00 às 20h00 e aos sábados das 10h00 às 19h00. A Galeria conta com elementos da coleção com espaços artísticos repletos de musgos naturais, flores, pendentes entre outros ambientes.

Serviço:

Exposição Melissa + Isabela Capeto - Data: 19 de agosto à 31 de outubro - Horário: segunda à sexta das 10h00 às 20h00 e aos sábados das 10h00 às 19h00 - Local: Galeria Melissa, em São Paulo- Rua Oscar Freire, 827

PICCADILLY

12A marca aposta para a temporada, o tom transmite frescor, leveza e muito estilo, e a cor está nos diversos modelos de calçados na coleção Primavera/Verão 21/22, e convidou a stylist parceira, Karen Furtado, para dar dicas de combinação para quem deseja uma caminhada mais fashion e tranquila  A dica para calçados e roupas é a tonalidade azul sky, será o ponto chave das produções durante a temporada de calor.

As sugestões para o dia a dia

-Refletindo tranquilidade e calmaria, o azul sky é ideal para produções do dia a dia. “Um look leve tem o poder de deixar as atividades rotineiras mais fáceis e até divertidas. E o azul sky cumpre bem essa função. É uma cor que proporciona infinitas composições e que pode ser utilizada desde o sapato, até um look monocrático”, comenta Karen.

31- Para compromissos mais casuais, tênis e sapatilhas são ideais. “Eles podem ser utilizados com calça e T-shirt ou até mesmo com vestido mais florido e têm o poder de deixar o look leve e descontraído, mais com aquele ar de arrumadinho”, comenta. Já para ocasiões mais formais, vale apostar em modelos de calçados, como mules e anabelas. “São sapatos que trazem conforto para enfrentar um dia quente, mas que entregam estilo a produção. Podem ser combinados com calças de alfaiataria, macacões e até mesmo um jeans básico, o que deixará o protagonismo todo nos pés”, complementa.

22- Quem trabalha fora precisa de um calçado que seja confortável para aguentar o expediente, mas que também agregue estilo e sofisticação ao look. Segundo a stylist, calçados como sapatilha, scarpin, sapatos mais fechados e discretos e até mesmo o tênis, são apostas ideais para ir ao escritório. O modelo escolhido precisa estar em sintonia com o ambiente de trabalho. “Independentemente do calçado escolhido, o azul sky tem o poder de trazer o toque fun ao look. Em um ambiente mais sério, no qual os looks trazem cores mais sóbrias, como o preto e o branco, um ponto de no pé deixará a composição mais alegre. Já em locais que permitem produções mais despojadas, vale investir em tênis, além de acessórios na tonalidade da moda”, aconselha.

- Os passeios ao ar livre pedem looks mais soltos, frescos, divertidos e até mesmo românticos, características que casam super bem com os calçados em azul sky. “Para esse tipo de ocasião, vestidos fluídos e estampados, macaquinhos, regatas com saias ou shorts, podem ser as apostas ideais. Já para os modelos de calçados, é legal abusar de modelos abertos como rasteirinhas, sandálias baixas e com tiras de amarrar. Mas se o desejo for usar um tênis, apostar nas opções flexíveis e leves é o ideal para passear sem sofrer com a alta temperatura”, conta a stylist.

44Engana-se quem acredita que os calçados nessa cor não podem ser utilizados a noite ou não combinam com peças mais glamurosas. “A leveza do azul sky combinada com uma roupa com mais informação de moda, como materiais com brilhos, texturas e estampas, trazem um visual harmônico e super moderno”, explica Karen.

A stylist diz que para arrasar em uma festa ou evento noturno, as sandálias, scarpin, tênis plataforma e mule com tiras são opções perfeitas. “Para complementar a produção, é bem bacana apostar em peças de roupas como saia midi com textura e t-shirt divertida, e vestido com brilho ou estampa”, recomenda.

SHOESTOCK

57d12d7874aa713a085e18e3a77511d1-640x427Neste lançamento, a dinâmica urbana fica mais próxima da natureza, trazendo um sentimento de liberdade e potência presente nas interferências rústicas dos produtos. As texturas das cordas naturais, saltos com acabamento como madeira, couros com 392991531800265d8bfb4b7d1d998dce-640x427c474514590440f78e8cf45ab1141bffa-640x427estampas répteis e tons terrosos levam a experiências sensoriais intensas e quentes próprias do verão.

O calor do sol, a liberdade do pé na terra e o frescor da vegetação tropical são os alinhamentos perfeitos para o início do verão. Pensando nisso, a shoestock, marca de calçados e acessórios do Grupo Magazine Luiza, lança a coleção cápsula Texturas Naturais.

fernanda-jordani“A cápsula Texturas Naturais vem complementando todas as coleções que estamos trazendo na primavera-verão. Ela vem para compor os looks mais variados desta estação e trazer a cor e alegria que tanto precisamos, além da reconexão com a natureza e o uso de materiais naturais que é tão característico do verão”, explica Fernanda Jordani, coordenadora de estilo da shoestock (foto a esquerda)

21Distribuídas em papetes, sandálias em diversos saltos, espadrilles, clogs, rasteiras e tamancos, as principais tendências exploradas são a Natural Design e a Free Spirit, que apostam nas sensações naturais, como texturas de madeira e corda.

Já a cartela de cores vai dos tons terrosos e neutros, ideais para quem busca looks mais discretos, até aos pontos de cores para as mais fashionistas, como o amarelo Gaya, o verde Maya e o laranja Namíbia.

da redação com imagens: fotos/divulgação e informações da Ahimsa - NB Press Comunicação; Arezzo - Index Conectada; Bibi Calçados - DFREIRE Comunicação e Negócios; Havaianas - Agência Lema; Homem do Sapato - Capuchino Press; Klin - Assessoria Ativa; La Femme - Temma Agência; Melissa -  Agencia a+; Piccadilly - Bcbiz Comunicação; Shoestock - MktMix Assessoria de Comunicação

ROUPAS DE ESPORTE E FITNESS

worldfashion • 26/08/21, 15:26

Cada vez mais, as empresas aplicam a tecnologia nos modelos esportivos e com forte posicionamento no mercado. Tanto para os esportistas amadores quanto aos uniformes usados pelos atletas profissionais são temas constantes no mundo dos esportes. No atletismo, principalmente nas provas de corrida, também são usados trajes tecnológicos, mas a maioria das pessoas não sabem exatamente como funcionam e quais tecnologias são permitidas (ou proibidas) em uma competição profissional. Como exemplo os supermaiôs da natação que eram fabricados com poliuretano, que auxiliavam na flutuação do nadador e também repeliam a água, tornando mais fácil e veloz o deslocamento dos atletas durante as provas, foram substituidas por maiôs feitos com material têxtil e que não cubram completamente o corpo do atleta.

AUTHEN

5É uma empresa criada em 2015 pelo norte-americano Christopher J. Spikes (foto abaixo à direita), nascido em Michigan nos EUA, é CEO da Authen, primeira marca de Technical Activewear especializada em produtos de corrida para mulheres. Já atuou como consultor de christopher-spikes_fundador-e-ceo-da-authen_credito-foto_guilherme-leporace-3-640x427Private Equity e General Practice na Bain & Co e foi diretor geral da Groupon Brasil. Spikes possui MBA pela University of Chicago Booth School of Business e é formado em Engenharia Mecânica. Sua relação com o esporte vem desde a faculdade, quando fez parte de um dos times mais vitoriosos de futebol universitário da NCAA, o Grand Valley State.

vanessa-640x427A Diretora de Produtos da Authen é a Vanessa Kotters, formada em Design de Moda e pós-graduada em Gestão de Negócios na Indústria da Moda em São Paulo, Vanessa Kotters trabalha há 18 anos com vestuário esportivo e fitness. Em sua jornada profissional já passou por várias marcas nacionais e multinacionais, como Track & Field, Centauro, Ellesse e Speedo. Com referência dos 4 cantos do mundo, por mais de 5 anos, se dedicou ao seu escritório próprio de criação e desenvolvimento onde atendia marcas de todo o Brasil, como Memo, Flets, Body For Sure, KSL e Mizuno. Foi nesta época que conheceu o empreendedor Christopher Spikes, assim abraçando a oportunidade de trabalhar exclusivamente para a Authen, oferecendo design brasileiro com engenharia aplicada ao propósito de cada produto. Atualmente, com o desenvolvimento de duas coleções por ano em seu portfólio, desde 2013, administra uma equipe especializada em equipamentos para corredoras.

113A primeira empresa no Brasil a produzir uma linha de roupas de performance acessível para corredoras brasileiras, possui características inovadoras para ajudar as atletas nos treinos e competições tornando a marca referência em inovação no seu setor. Ao unir engenharia americana, design thinking e a alma da mulher brasileira, a marca desenvolve produtos que atendem as necessidades das brasileiras, sejam iniciantes ou profissionais. Além de oferecer uma ampla diversidade de medidas, a Authen desenvolve linhas específicas como a Woman’s Needs e o Marathon Cycle™ em que cada produto cumpre um propósito, seja evitar desgaste e lesões ou dar sustentação e segurança, entre outras funções. Dessa forma, todo produto da Authen possui um propósito e passa por 3 fases de elaboração: imersão, criação e a fase de testes.

Um exemplo da aplicação dessa engenharia junto das tecnologias está no Marathon Cycle™, um ciclo desenvolvido pela marca que possui equipamentos projetados para todas as etapas de treinos das corredoras, desde as provas de quilometragem base até os momentos de recuperação corporal.

Algumas outras inovações Authen:

*Alta compressão - Sistema Pressus PRO®  - para reduzir a vibração muscular e economizar energia, evitando a fadiga e contribuindo para a performance;

20aufbegtr_zeb_0094*Consciência postural - Sistema Cós Power® - Tecnologia que auxilia na consciência postural, evita desgaste na coluna e que a peça fique caindo durante o treino. Preservação da musculatura infra-abdominal;

*Previne a flacidez dos seios - Sistema Firmness Control® - Possui compressão 360° distribuída de forma homogênea na peça, reduzindo a vibração muscular e, consequentemente, possíveis dores e incômodos. Previne o rompimento dos ligamentos das mamas pelo impacto, evitando a flacidez;

*Infravermelho - INFRATECH® - Transforma o calor do corpo em raios infravermelhos que ajudam na microcirculação sanguínea, dissolução de ácido lático, redução de inchaços e, consequentemente, aceleram a recuperação muscular. Tecnologia aprovada pela Anvisa e usada por atletas profissionais;

lepo0033*Rápida evaporação do suor - Tecnologia True Dry®  - Rápida evaporação do suor, evitando odores indesejáveis e mantendo a roupa praticamente seca ao longo de todo o treino com mais conforto para a prática das atividades físicas, o tecido com microfibras que facilita a ventilação.

*Proteção Solar - FPU50+ e FPU30+ - Bloqueia mais de 97% dos raios UVA e UVB dando mais proteção para sua corrida de rua

*Fique aquecida - THERMO IMPACT® - Mantém a temperatura corporal  e proteção FPU 50+

da redação com informações da asessoria Pinapple Hub imagens: fotos/divulgação -  Guilherme Leporace

PLIÉ

973a909a-6341-4c80-9c2a-abffb60f3006-640x427A marca fundada em 2000, foi a primeira marca de lingerie no Brasil a abrir uma Guide Shop, oferecendo uma experiência única no segmento. E acredita que o underwear tem que assumir o papel da base para compor um look perfeito. Possuem peças modeladoras, extremamente inovadoras, com conforto e tecnologia. Fabricadas com microfibra super macia e sem costuras laterais, respeitando as mulheres dos mais diferentes biótipos, com uma grande variedade de modelos de calcinhas, sutiãs e b846f7fa-9b76-45f1-bf8f-7a2cf4d620c8-427x640bodies, com maior ou menor compressão. E atualmente reforça sua presença no segmento fitness com 14 novos itens para a Linha Fitness Plié com SUPPLEX®. Desenvolvidas para a realização de atividades físicas com muito conforto, sustentação e segurança nos movimentos, as peças possuem a tecnologia SUPPLEX® que, além de ter toque suave, não amassa e não encolhe, permite alta respirabilidade e mantém as cores das peças vivas por mais tempo, qualidades essenciais para a prática de atividades físicas diárias.

cbc4df0c-b056-4c2e-bd13-21a366257f4b-427x640Entre os itens novos estão tops, jaqueta, cropped manga longa, camisetas, leggings, bermudas e shorts, que com o tecido tecnológico, garantem a praticidade e ainda contam com o exclusivo tratamento hidrófilo, que permite que o suor da pele saia, mantendo o conforto.  A jaqueta, junto com os bottons – que podem ser usados de duas formas, cintura alta ou dobrada -, foi elaborada com capuz, gola alta e fechamento em zíper para que, quando fechada, proteja o pescoço e a nuca. Tem ainda bolso canguru, bolso interno para armazenar objetos pessoais pequenos e dedeiras com efeito de luva, para esquentar as mãos nos dias mais frios.

ron-horovitz“A Linha Fitness vem ganhando importante espaço em nosso portfólio, pois a mulher moderna tem concedido cada vez mais destaque ao autocuidado em sua rotina. Colocamos nela toda nossa expertise em atender às necessidades dos diferentes perfis de mulher, apresentando produtos altamente tecnológicos e confortáveis, resultando em coleções muito bem recebidas pelas consumidoras”, conta Ron Horovitz, (foto à esquerda) CEO da Plié, que comemora o crescimento do segmento dentro da empresa, que resultou na criação de logo exclusivo e comunicação própria.

Os diferenciais de destaque no mercado fitness são pensados para a mulher que se movimenta e procura como aliados dessa rotina produtos confortáveis e versáteis. Estrela da campanha da marca, Ivete Sangalo é uma mulher que conversa com mulheres reais, diversas e poderosas em suas histórias. Ela 1ba91051-9fb2-48f8-89e7-a0505d6c5121-427x640mantém uma vida ativa, cheia de energia e sempre em movimento, e conta quais as peças que considera ideais para prática de exercícios no dia a dia, seja em academia ou ao ar livre. “Eu gosto das leggings e tops, que combinam muito. A Plié tem uma linha fitness que eu amo, que não sai de mim, inclusive quando as minhas amigas e sobrinhas chegam lá em casa é um par ou ímpar para poder pegar emprestado, porque realmente é muito confortável e linda.”

E para completar as novidades do catálogo de produtos, há a máscara Fitness Plié, um acessório essencial, também com a tecnologia SUPPLEX® de toque suave e respirabilidade, possui tratamento antimicrobiano, que reduz odores bacterianos, evita formação de mofos e bolores e melhora a higienização das máscaras para a prática de exercícios em plena segurança.

da redação com informações da Suporte Comunicação

Capricórnio Têxtil

worldfashion • 24/08/21, 16:13

img_5808-640x427Com foco na consolidação no mercado goiano, a Capricórnio Têxtil uniu-se à Denim Life e ao consultor Leandro Pires para levar novidades do segmento ao empresariado goiano. “Goiás é um celeiro criativo e empreendedor, devido a participação de importantes gestores, marcas e estilistas da região, em uma cadeia produtiva de moda respeitada em todo o Brasil. Por este motivo, somos considerados o terceiro estado brasileiro com maior produção e consumo de jeanswear. Realizar uma importante ação conceitual e comercial como esta, ainda mais com a Capricórnio Têxtil, é registrar na história do jeanswear goiano um novo olhar para o futuro. Um futuro que atualmente só pode ser vislumbrado com esperança por meio de importantes parcerias”, comenta Leandro Pires.

No coquetel de abertura do projeto, com o apoio do Sebrae/GO e do Grupo Mega Moda na quarta-feira (18), no Espaço de Eventos do Mega Moda Park, e contou  com exposição de nove looks em Denim Capri produzidos por estilistas locais (Gleiciely Mendonça, Pollyana Fernandes, Raphael Aquino, Riusley Figueredo, Souza Junior, Suzilla Adorno, Theo Alexandre e Urbano Jr). Além disso, João Bordignon, Diretor de Marketing e Novos Negócios da Capricórnio Têxtil, Suzilla Adorno e Leandro Pires comandaram um bate-papo sobre Jeanswear e Moda Goiana.

img_5805-427x640O Showroom Pop Up da Capricórnio, apresenta toda a modernidade da marca e seu leque de produtos para o mercado goiano e ficará alocado por quatro meses no shopping com atendimento comercial. “Queremos levar a experiência de showroom para a região, onde os clientes poderão viver a experiência da nova Capricórnio e conferir de perto a nossa variedade de produtos e possibilidades de lavagens. Além disso, queremos ficar mais próximos aos clientes e expandir a atuação”, afirma João Bordignon, Diretor de Marketing e Novos Negócios da Capricórnio.

Mensalmente, até o mês de novembro, os lojistas do Mega Moda Shopping, Mega Park e Mini Moda poderão participar de workshops especiais e gratuitos, com parceria do Sebrae/GO.

Serão disponibilizadas 30 vagas e a programação das palestras inicia em setembro com Maria José Orione, Diretora Acadêmica da Denim City São Paulo, que falará sobre o tema “Do Algodão ao Denim”. Já em outubro, a consultora de moda da Capricórnio Têxtil, Giu Castelo Branco, traz o tema de “Pesquisas, Moda e Tendências em Jeanswear” e para finalizar em novembro, Dudu, coordenador do projeto Capri.Lab apresentará em dois módulos muita informação sobre lavanderia com atividades práticas e teóricas, ministrado em duas lavanderias de renome da região – Lavanderia John Cler e Denim Lab.

“Para o Mega Moda é muito importante ter um evento como esse repleto de conteúdo para nossos lojistas. Temos muitas lojas do segmento jeans, um dos mais fortes do mercado atacadista da Região da 44. Acreditamos que ter a Capricórnio conosco em uma pop up trará ainda mais visibilidade às nossas marcas, que prezam por alta qualidade em suas peças”, afirma Marcos Venicio, Coordenador de Marketing do Grupo Mega Moda.

taissa-cruz-gerente-de-marketing-capricornio-427x640As datas serão compartilhadas nas redes sociais e site da Capricórnio Têxtil. “Faz parte da nossa marca conectar pessoas, talentos e todo o nosso ecossistema. Não poderíamos estar mais felizes com essa ação, valorizando o nosso Denim, a cultura local e a moda goiana, que junto com cada região brasileira traz seu estilo único fazendo do Brasil um enorme celeiro criativo”, finaliza Taissa Cruz, Gerente de Branding e Marketing da Capricórnio Têxtil.

SERVIÇO:

Mega Moda Park

Av. Independência, nº 3302, Qd. 172, Lt. 01E - St. Central, Goiânia – GO

A exposição ficará disponível para visitação de 18 de agosto a 5 de setembro, em horário comercial, no Mega Moda Park.

JEANS FESTIVAL

O evento uma co-criação da Capricornio Têxtil ao lado da Audaces, Canatiba, Santista, Silmaq, Tecnoblu e Weltec, estará repleto de informações, novidades, tendências e muita conexão.

joao-bordignon-diretor-de-marketing-m11“O nosso objetivo é estar cada vez mais presente nessa região tão importante para o mercado têxtil brasileiro. Consolidar a nova Capricórnio, apresentando nossa variedade de produtos e possibilidades de lavagens. Queremos ficar mais próximos aos clientes e expandir a atuação”, afirma João Bordignon, Diretor de Marketing e Novos Negócios da Capricórnio.

Nos três dias de atrações, os visitantes terão acesso a galeria com uma curadoria de peças especiais – acervo histórico, novos criadores e novidades. Além disso, haverá sessões, a cada 15 minutos, de cinema com a curadoria da equipe Jeans do Brasil, mostrando a trajetória de marcas que tornaram sucesso no Brasil. “O Jeans Festival será um lindo momento de confraternização, de reunir a nossa bela Cadeia do Jeans Brasileiro, colocando lado a lado as pessoas e pares que a tornam tão especial”, afirma Cristiano Buerger, Fundador e Diretor Tecnoblu Your ID.

whatsapp-image-2021-08-19-at-093001-1whatsapp-image-2021-08-19-at-093001-2Para mergulhar a fundo no assunto, o evento contará com Blue Talks diários, em três horários ao longo do dia, com debates sobre diferentes temas com abordagem empresarial, negócios, inovação e tecnologia. Destaque para Wokshop de Beneficiamento de Denin, oferecido por Coratex, GB, MYR, Phoenix, Sei Laser e Tomazoni.   Em uma tenda, as empresas apresentarão novos processos e tecnologias sustentáveis em lavanderia. Todas as tecelagens produziram peças especiais para essa apresentação e a Capricórnio Têxtil desenvolveu calças nos artigos Medina, Ibira Flex Sky Blue e Ibira Baby Blue. Sr. Manoel Pizarro e Carlos Eduardo “Dudu”, coordenador da Capri.Lab, darão atendimentos aos clientes para trazer toda expertise e modernidade que o universo do beneficiamento exige.

No primeiro dia 24/08, às 16:30h, no talk “Novos Designers” oferecido pelas tecelagens, Giu Castelo Branco, cool Hunter da Capri e Sueli Pereira, Gerente de Comunicação da Santista vão bater um papo com três designers que despontaram no cenário de jeans brasileiro. A Capricórnio apresenta Theo Alexandre, da Thear Vestuário, que recentemente fez seu desfile na Casa de Criadores com artigos sustentáveis da linha Eco Denim Capricórnio Têxtil – Luna e Cipó. Outro parceiro de longa data, Ronaldo Silvestre é o convidado da Santista e Helena Rodrigues, jovem estilista de São Paulo é a convidada da Canatiba.

whatsapp-image-2021-08-19-at-093002-2whatsapp-image-2021-08-19-at-093002-1No dia 25, às 15h, Giu Castelo Branco, apresenta a palestra “Capri Trends – Moda e Comportamento no Metaverso”. O Jeans Festival será um evento repleto de atrações aos visitantes e não poderia faltar um espaço para o showroom das tecelagens. A Capricórnio Têxtil apresentará uma pequena amostra da variedade de artigos da sua coleção. Destaque para os lançamentos da Linha Eco Denim e os mais diferenciados como Medina, Ibira, Ibira Flex, Guga e Grael, além dos queridinhos 100% algodão da Linha O

A artista Laís Odeli customizará 100 jaquetas produzidas pelas tecelagens especialmente para o evento. O público poderá comprar peças exclusivas e toda renda será revertida para uma instituição, ainda não definida, da região.

“Faz parte da nossa marca conectar pessoas, talentos e todo o nosso ecossistema. Não poderíamos estar mais felizes com este projeto que tenho certeza que será apenas o primeiro de muitos, valorizando o nosso Denim, a moda e a cultura localque junto com cada região brasileira traz seu estilo único fazendo do Brasil um enorme celeiro criativo”, finaliza Taissa Cruz, Gerente de Branding e Marketing da Capricórnio Têxtil.

SERVIÇO:

Jeans Festival

De 24 a 26 de agosto

Rua Gustavo Zimmermann, 3159 – Centro – Blumenau/SC.

Para participar dos talks gratuitos: https://linktree.com.br/new/Jeans_Festival e para programação @jeans.festival

da redação com informações da Ativa Assessoria de Comunicação   imagens: fotos/divulgação

CANATIBA - INVERNO 22/23

worldfashion • 18/08/21, 16:50

img-8871O mundo denim para um inverno 22/23, traz o ressurgimento das cores, com a manutenção do conforto e a reafirmação do estilo. Para o lifestyle desse novo momento do Brasil e do mundo, a Canatiba une inspiração e foco comercial, sem perder de vista as práticas sustentáveis que marcam a sua história e seu compromisso social.

Os lançamentos estão expostos no show room localizado no Denim City/SP, de hoje 18 de agosto a quinta feira dia 19 de agosto um workshops de lavanderia com foco em sustentabilidade e estilo com Ricardo Batista, que receberá estilistas e profissionais de confecções de jeans e, na sexta-feira dia 20 de agosto, receberá empresas de Private Label para uma imersão em práticas de lavagens e tendências internacionais.

Hoje 18 de agosto, Helena Rodrigues, estilista, que desde a sua formatura recebeu o apoio da tecelagem, exibirá looks conceituais que exploram as fronteiras criativas do denim, com formas amplas, alfaiataria e cortes e recortes inusitados.

No auditório, a Ivna Barreto apresenta os lançamentos e Bia Aidar mostra as confirmações de tendências internacionais do Inverno 22/23. É o momento de mergulhar nesse futuro próximo com informação e referências as mais atuais.

Um sistema de sanitização com sais de prata foi instalado garantindo os protocolos de segurança. Mesmo assim, a empresa manterá o distanciamento social, o uso obrigatório de máscaras e álcool em gel.

OS LANÇAMENTOS

#forçasdaestação

img-8874As cores da natureza embalam esse primeiro capítulo dos lançamentos da Canatiba. Seja para o total look ou para aquela terceira peça que faz toda a diferença, as cores prometem marcar a estação com seu toque de alegria e leveza por dias de luz e esperança.

Em tons de azul, laranja, rosa e lilás, a Canatiba destaca sua família de Trincados Collor (10,5 Oz, 100% algodão, largura 1,62 m). O tingimento Bleach Core gera um efeito superficial que mantem o núcleo do fio alvejado. O resultado é um ring dye perfeito, revelando o contraste de cor na lavanderia, com um aspecto craquelado que só o envelhecimento natural do tecido era capaz de alcançar.

500-4357-img_0027-corte-640x629600-2397-img_0012-corte-640x629Para quem prefere criar suas próprias cores, os tecidos PT também surgem com destaque para o Libertador Peletizado (9,5 Oz) e Arsenal Rígido (9 Oz), ambos Premium Denim, 100% algodão. A Canatiba também apresenta o Adele PT Duo Core (9 Oz, 92% algodão, 5% elastomultiester, 3% elastano) e o Novo Megaflex PT (9 Oz, 98% algodão, 2% elastano), bases elásticas e muito confortáveis.

#apostasdaestação

img-8876O blue jeans pede passagem retomando a essência do guarda-roupa contemporâneo. As calças em vários formatos e modelagens, com a memória do conforto home office, pedem tecidos capazes de recompor looks e transportar tendências.

Os novos bottons são básicos e fashionbasics e podem vir lavados, escuros, detonados, enfim, desde que comuniquem esse novo momento, com tecnologia e qualidade. A Canatiba dobra suas apostas em bases da família Muratore: o Rígido (11 Oz, 100% algodão), o Cross (11 Oz, 78% algodão, 22% poliéster), Megaflex (9 Oz, 98% algodão, 2% elastano) e Dark Megaflex (9,5 Oz, 98% algodão, 2% elastano).

E para aqueles que curtem ousar, o chamado avantbásico promete, com cores e estampas. O Tutóia PT, Premium Denim com 9 Oz e 100% algodão é a base perfeita para qualquer possibilidade de cor e forma.

#hotitens

600-2400-img_0014-corte-640x629Nos tops, os croppeds - já com a leveza do verão - pedem tecidos leves e fluídos. Também é tempo de overtops no melhor estilo urbano. Para essas criações, a Canatiba chega com o Rarita PT Maxskin (7,5 Oz ,46% algodão, 54% Liocel), base das mais versáteis, com fibras certificadas.

Peças mais estruturadas como as Jaquetas Puffer e também as construções amplas como quimonos e capas, pedem construções de aconchego, como o Home Office Weft Collor (9 Oz, 80% algodão, 18% poliéster, 2% elastano) e o Matias Denim Malha (8 Oz, 88% algodão, 11% poliéster, 1% elastano). Destaque também para o Chambray Denim, base telada de 5,5 Oz, 100% algodão.

#elastopol

img-8883Utilizando 100% de fios fiados, essa tecnologia exclusiva Canatiba agrega aos tecidos durabilidade e resistência, com manutenção da forma por inúmeras lavagens. O toque dessas bases apresenta um toque muito melhor em relação àquelas feitas com poliéster de filamento.

Mesmo após lavagens sucessivas, o tecido Elastopol não perde a elasticidade. Na lavanderia, essa tecnologia possibilita a utilização de lazeres e puídos. Entre os lançamentos, a Canatiba destaca o Imalaia Denim (11,5 Oz, 68% Algodão,  31% poliéster, 1% elastano) e o Marrakéxe  Elastopol Cross (9,0 Oz, 65% algodão, 33% poliéster, 2% elastano).

CANATIBA no Jeans Festival

photo-2021-08-25-12-47-07-3A tecelagem marca presença na Casa Catarina, sede da Tecnoblu, em Blumenau/SC, nos dias 24, 25 e 26 de agosto, que conta com instalações, palestras, lançamentos e mesas de debate com o jeanswear no centro de tudo.

photo-2021-08-25-12-46-54-9photo-2021-08-25-12-46-54-16A empresa está com três instalações, mostrando o trabalho da estilista Helena Rodrigues, talento que nasceu entre as tramas e urdumes da Canatiba, que apoia seu trabalho desde o desfile de formatura, passando pela produção de peças para o aniversário de 50 anos da empresa, até os últimos lançamentos para o inverno 22/23. Helena Rodrigues participa ainda de um encontro com novos designers apresentados no evento.

Além de uma coletânea de peças vintage mostrando um pouco da trajetória do denim nos últimos 50 anos, e em contraste a outra instalação que revela a ponta tecnológica com o Canatiba Printing – tecnologia de estamparia digital adaptada ao denim com absoluto pioneirismo pela companhia.

fabio-covolan-site-406x500ivna-barretoOntem 24/08, Fabio Covolan, diretor de marketing da Canatiba, falou sobre ‘Inovação como DNA’, no Jeans Insight. Na sua exposição, o executivo mostrou como essa empresa fez da criatividade a mola propulsora para protagonizar a cena desse que é o mais competitivo segmento da cadeia têxtil.

A Canatiba também marca sua presença na mesa ‘A força do coletivo’, no último dia do evento, ao lado de empresas do setor, com a gerente de marketing, Ivna Barreto, e reafirma o compromisso de gerar valor para a cadeia têxtil nacional com ações e investimentos que fortalecem o mercado, sua imagem e melhores práticas em todos os campos de atuação.

da redação com informações da Duo Press  com imagens do acervo Canatiba

AS INDÚSTRIAS CENTENÁRIAS NO BRASIL

worldfashion • 12/08/21, 18:22

foto_aerea_fabrica_capricornio_foto_divulgacao-640x425O parque industrial têxtil do Brasil, conta com empresas centenárias ou quase, que acreditam no potencial do consumo brasileiro e seguem avante construindo novos caminhos para o futuro promissor, com foco nas práticas de sustentabilidade com consciência ecológica e mudanças de mentalidades para os desafios que surgirão.

149 anos - CEDRO TÊXTIL

Completados hoje (12 de agosto), a tecelagem será a pioneira a lançar showroom virtual com conteúdo exclusivo e book digital. O objetivo é apresentar produtos com maior agilidade e interação.

A preparação de uma das empresas privadas mais longevas do Brasil para a entrada no mercado digital já havia sido iniciada quando teve início a pandemia do coronavírus. Desde então, com as medidas de distanciamento social e protocolos de segurança adotados para conter o avanço da doença, ficou ainda mais evidente que a tendência à digitalização chegaria rapidamente (e definitivamente) a todos os segmentos da economia, inclusive na indústria. Foi então que a Cedro Textil se reinventou mais uma vez. Redistribuiu a verba de marketing e acelerou a criação de um dos primeiros showroons virtuais da indústria têxtil para facilitar a exposição e venda de seus produtos, em todo o Brasil.

showroom-virtual-cedro1Para atender com maior agilidade os clientes de diversos portes e perfis, de redes de fast fashion a pequenas confecções, a empresa lançou também um Book Digital/Interativo, com fotos reais dos artigos e comandos clicáveis, facilitando a navegação e o acesso às informações técnicas dos denins se sarjas. Já o showroom da Cedro conta com mais de 60 produtos da linha Jeanswear, com fotos e informações detalhadas sobre as características de cada artigo, bem como imagens da aplicação e dicas de efeitos de lavanderia exclusivas.

Como a venda da Cedro requer uma consultoria qualificada, atendimento personalizado e adequação do pedido à necessidade de cada cliente,  a conclusão da compra não é feita na plataforma online. Ainda assim, a tecelagem passa a fazer parte de uma forte tendência de alta nas vendas online. Segundo índice MCC-ENET, desenvolvido pela Neotrust Movimento Compre & Confie, em parceria com o Comitê de Métricas da Câmara Brasileira da Economia Digital, no primeiro semestre de 2021, comparado ao mesmo período do último ano, houve alta de 13,05% nas vendas e de 24,15% no faturamento do e-commerce no Brasil.

luiz-cesar-guimaraesPara o diretor comercial da Cedro, Luiz César Guimarães (foto à direita) as novas estratégias virtuais de vendas  servirão também para qualificar ainda mais a comunicação com os clientes. “Na última década mudamos nosso posicionamento de mercado para premium e, desde então, oferecemos não apenas produtos, mas também serviços de qualidade agregados. Temos um time de estilistas que pesquisam e antecipam as principais tendências da moda jeanswear para o mercado brasileiro e fornecem informações completas sobre quais as técnicas de lavanderia são mais indicadas para cada tecido”, explica.

Representante da Cedro Têxtil no estado de Pernambuco há mais 20 anos, Mirtha Simone está ansiosa para poder utilizar o  showroom e o Book Digital/Interativo junto aos clientes. “No início da pandemia tivemos uma redução imediata nas vendas, já que nossa atuação dependia de reuniões presenciais que, repentinamente, não podiam mais acontecer. Com o tempo nos adaptamos, resgatamos os contatos de forma virtual, mas com ainda alguma dificuldade em apresentar os produtos. Agora vai ficar bem mais fácil, rápido e seguro fechar uma grande venda, sem perder nada em qualidade e no detalhamento das informações técnicas necessárias”, afirma Mirtha.

O showroom virtual da Cedro Têxtil já está no ar (showroom.cedro.com.br). Para acessar é preciso entrar com os dados da empresa e navegar pelas linhas de produto disponíveis. Para ter acesso ao Book Digital/Interativo basta solicitar a um representante comercial da empresa (contatos em cedro.com.br/ComoComprar).

114 anos  - COATS

coats_ipirangaMultinacional líder na fabricação de linhas de costura e produtos para artesanato, comemora 114 anos no Brasil, onde inaugurou em 1907, a sua primeira fábrica no Brasil e opera até hoje no bairro Ipiranga, em São Paulo (SP).

A companhia de origem britânica com sede no Reino Unido, é uma companhia FTSE 250, integrante da FTSE4 Good Index Series, participante do Pacto Global da ONU e membro da Ellen MacArthur Foundation. Também se comprometeu com uma meta de longo prazo de zero emissões líquidas até 2050, o mais alto nível da Science Based Target Initiative,

Atualmente, a empresa conta com duas unidades fabris no Brasil - a segunda está localizada em Natal (RN). Ambas atuam na produção de insumos para atender duas frentes: indústria, orientada na produção de artigos utilizados como matéria-prima para diversos segmentos da indústria, incluindo automotivo, vestuário, calçados e EPIs; e produtos que envolvem o universo do artesanato, contando com marcas top of mind, como Drima, Anchor, Laranja, Camila, Milward, Linha 10 e Cisne, com atendimento ao varejo e ao atacado.

douglqs-aceiro1“É uma honra para a Coats comemorar os 114 anos de presença no Brasil, onde contribuímos para o desenvolvimento da indústria têxtil e a geração de empregos, com pioneirismo no lançamento de soluções cada vez mais sustentáveis e ecológicas. Reafirmamos o nosso compromisso com o País, certos do potencial de crescimento do mercado brasileiro”, afirma Douglas Aceiro, Managing Director da Coats para América do Sul.

Sustentabilidade

A sustentabilidade é prioridade para a Coats, que foi a primeira empresa têxtil a utilizar água de reuso no Brasil. Mensalmente, a Coats deixa de consumir água potável em seus processos industriais, economizando o equivalente ao abastecimento de 765 famílias por mês. Além de fazer parte do Pacto Global das Nações Unidas, em atenção aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável para 2030, a empresa investe em ampla gama de linhas de costura, fios, zíperes e acabamentos sustentáveis e ecológicos.

Inovação, outra prioridade da companhia é a inovação, que está aliada ao pioneirismo no lançamento de diversas soluções que incorporam as mais recentes tecnologias, como a Epic ProtectV, desenvolvida em conjunto com a HeiQ Viroblock para oferecer excelente desempenho de costura em aplicações mais exigentes, nas áreas médica e esportiva, com o benefício adicional de propriedades de auto higienização.

img_8992-2A Coats também tem como foco a saúde e a segurança de seus 17 mil colaboradores, distribuídos em mais de 50 países. Em 2020, alcançou o faturamento global de US$ 1,2 bilhão. Com base na crença de que todos os acidentes podem ser evitados, a empresa tem a cultura de segurança preventiva e espera que todas as fábricas alcancem, até 2025, a certificação ISO 45001, para sistemas de gestão de saúde e segurança.

A Coats Corrente também conta com diversas premiações, como: GPTW 2018, 2019, 2020, 2021; GPTW Mulher 2020, 2021; FIA – Lugares Incríveis para Trabalhar: 2020 – Selo de qualidade e certificado 2020/ 2021 – Selo de Clima Organizacional Você S/A: 2018/2019 – Melhores Empresas para Trabalhar

99 anos - ALTENBURG

fachada-altenburg-blumenau-credito-mariana-finta-altenburgEmpresa genuinamente catarinense que completa seu centenário em 2022, é uma empresa familiar, considerada uma das maiores indústrias têxteis do país, tem muitos motivos para comemorar já em 2021.

Para se ter uma ideia, a Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção (Abit), apresentou os números do setor no primeiro semestre de 2020, as ações em andamento e as expectativas para o final do ano e o cenário não foi muito positivo. A indústria têxtil e de confecção sofreu redução de 22% em sua produção no primeiro semestre de 2020, em relação ao de 2019. Mesmo neste cenário, a empresa de Santa Catarina fechou 2020 com saldo positivo, anunciando investimentos e expansão, tanto em número de lojas, quanto em fábricas e pontos de vendas.

Enquanto para 2021, a expectativa do setor têxtil e de confecção, segundo a Abit – mesmo ainda com grandes incertezas, é de uma retomada com perspectivas de que a produção tenha um crescimento, para a Altenburg esse saldo positivo já chegou e apresentou no primeiro semestre de 2021 um crescimento parecido com um dos melhores anos da empresa que aconteceu no ano de 2016. Este crescimento acima das expectativas também trouxe algumas dificuldades logísticas que afetaram o atendimento do mercado, as quais a Altenburg tem atuado fortemente para solucionar.

Nas vendas para lojas multimarcas, a empresa registrou um crescimento de 51% em comparação com 2019 e 87% em relação a 2020. Já no varejo próprio, esse crescimento foi de 43% em relação a 2019 e 45% em relação a 2020. “O comportamento do consumidor vem se lapidando há alguns anos, principalmente no setor da indústria têxtil. No entanto, em 2020 trouxe uma nova perspectiva. O isolamento social, o medo da doença e do desemprego, além de outras tantas responsabilidades, alterou o modo de pensar e de viver. Mais tempo de vida dentro de casa trouxe outro olhar para o lar e as pessoas buscaram por mais conforto e bem-estar. Para se destacar foi preciso ir além e conhecer esse novo consumidor. Estamos felizes com o resultado positivo que foi baseado em muito trabalho”, destaca Tiago Altenburg, diretor comercial da marca.

thiago-altenburgAlém do saldo positivo nas vendas, a Altenburg registrou também um aumento no número de contratações de novos colaboradores. De janeiro até agora, foram contratados mais de 170 funcionários. “Passamos por um ano muito difícil, mas acreditamos numa recuperação gradual do setor. Com a empresa crescendo, sentimos a necessidade de abrir novos postos e novas oportunidades em todos os setores da Altenburg”, conclui Tiago Altenburg.

A empresa tem mais de dois mil empregos gerados diretamente, com três plantas no Brasil e uma no Paraguai, mais de sete mil pontos de venda e 13 lojas próprias, além de ser a maior produtora de travesseiros da América Latina. Com foco no design, conforto e qualidade, a Altenburg leva todos os meses mais de 1,4 milhões de produtos por todo o Brasil e América Latina. As vendas também ocorrem no e-commerce www.altenburg.com.br.

75 anos - CAPRICÓRNIO

fabrica-capricornio-640x426-Trazer mais verdade para o mundo através do denim - esse é o propósito da Capricórnio Têxtil – fundada em 1946, no bairro paulistano da Mooca, pela família Manfredini – que completa 75 anos em 2021 como uma das três maiores fabricantes do tecido no país e a quarta marca mais lembrada por confeccionistas e atacadistas.

Com mais de 700 funcionários e duas unidades fabris, no interior de São Paulo – Bragança Paulista e São Carlos, a Capricórnio Têxtil é uma das poucas companhias nacionais de denim totalmente verticalizadas. Atua em toda a cadeia produtiva, desde a compra do algodão, fabricação de fios até tingimento e construção do tecido denim. São mais de 60 tecidos, com infinitas possibilidades de lavagens, divididos em seis grandes famílias: Original Denim, Light Denim, Confort Denim, Flat Confort Denim, Poli Confort Denim e, o mais novo lançamento, o Eco Denim.

gustavo-manfredini-ceo-da-capricornio-textil_m-640x427“Nosso foco é crescer com rentabilidade e, para isso, temos que continuar sendo inconformados, inquietos e criativos para entregar produtos e serviços mais competitivos, com menor custo e maior qualidade, sem deixar de lado a responsabilidade socioambiental”, afirma Gustavo Manfredini, (foto à esquerda) CEO da Capricórnio Têxtil. “Os próximos dois anos serão dedicados à consolidação do novo posicionamento de marca e produtos, das novas estratégias de gestão, visando a excelência profissional e o crescimento sustentável”.

As mudanças começaram há cerca de cinco anos com a passagem do comando da companhia da segunda para a terceira geração da família Manfredini. A Capricórnio investiu mais de R$ 30 milhões na modernização do parque fabril, reorganizou as áreas de trabalho e o quadro de colaboradores e revitalizou a marca, além de fincar a sustentabilidade como uma de suas principais bandeiras rumo ao futuro.

“Fizemos pesquisas e fomos para a rua para saber in loco como o mercado enxergava e avaliava a Capricórnio para, só então, estabelecer nossa estratégia de transformação”, diz Manfredini. “Constatamos que na visão da maioria, a empresa era uma fornecedora de denim tradicional, reconhecida por sua solidez, mas que precisava ganhar jovialidade e se aproximar mais do mercado”.

01ed102c1d96f8e42b9b8168ee8f8a67-640x452Com o cenário mais claro, a companhia intensificou os investimentos na modernização do parque industrial a fim de diversificar o mix de produtos, ganhar mais competitividade. Pouco a pouco, a empresa foi atingindo seus objetivos com uma produção enxuta e oferta de preço, qualidade e serviço. De acordo com o CEO, 2020 foi o ano de olhar para dentro, de buscar melhorias de processos e sistemas. É nesse contexto que surge o Projeto Sinergia, que reúne diversas iniciativas com o objetivo de melhorar a sintonia entre os departamentos, seus processes, equipes, sistemas e tecnologias de suporte. Trata-se de um programa de transformação digital, baseado em três pilares de atuação: industrial, comercial e financeiro.

“Quando se fala sobre o futuro das organizações, transformação digital é um termo recorrente, envolvendo dois pontos essenciais: a adoção de novas ferramentas e processos, e a mudança de mindset”, diz Manfredini. “A virada de chave é indispensável para que o resto ocorra, sem apego a processos antigos, desafiando os paradigmas da organização”.

img_1659_m-426x640O ano de 2020 foi marcado, ainda, pela consolidação do Programa de Compliance – implantado em 2019 como parte do processo de governança corporativa – que resultou na implementação na prática do Código de Conduta a ser seguido por colaboradores e parceiros comerciais. Paralelamente, a Capricórnio Têxtil tornou-se uma das integrantes da Rede Brasil do Pacto Global da ONU, um chamado para as empresas alinharem suas estratégias e operações aos princípios universais e desenvolverem ações que contribuam para o enfrentamento dos desafios da sociedade. “Nos alinhamos a essa iniciativa e usamos essa estrutura para direcionar nossos esforços e estratégias”, afirma o CEO da Capricórnio. “O nosso Movimento para Sustentabilidade está pautado em três pilares independentes: produto, planeta e comunidade e segue os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU, um esforço global para construir um futuro melhor”.

Com os olhos voltados para o futuro, a Capricórnio Têxtil espera nos próximos dois anos estar pronta para competir em condições de igualdade no exterior. “Somos bastante competitivos no mercado interno e estamos trabalhando para ganhar evidência internacional”, diz Manfredini. “Não dá para ficarmos fechados no nosso jardim, temos de ter a competência do mercado internacional, porque tudo hoje é conectado”.

A empresa fundada em 1946, como Lanifício Capricórnio, passou pela produção de tecidos para camisaria, fabricou uniformes profissionais e na década de 1980 direcionou a produção exclusivamente para o denim. Totalmente verticalizada, é uma das cinco maiores fabricantes de denim do país, com uma produção anual de 55 milhões de metros. Com duas unidades fabris no interior de São Paulo (São Carlos e Bragança Paulista) faturou R$ 375,3 milhões em 2020.

52 anos - VICUNHA

1No mercado desde 1969, é referência global em soluções jeanswear, atuando no segmento de tecidos denim e brim. Além de produtos inovadores, a empresa leva ao mercado inteligência para a customização de serviços em tendências de moda, sustentabilidade, design e lavagens. É isso que faz da Vicunha uma empresa one stop shop, modelo de negócio que possibilita atender as necessidades dos clientes em um só lugar, ajudando a aumentar sua competitividade com soluções integradas. Celebrando a multiplicidade de um mundo em constante evolução, a Vicunha tem como propósito estimular a cultura do jeanswear, para que cada pessoa no mundo encontre seu jeansidentity.

tecnobluPensando nisso, a Vicunha, multinacional brasileira, juntamente com a Tecnoblu, fabricante de etiquetas para a moda, encomendou ao IEMI Inteligência de Mercado, um estudo exclusivo, que ouviu 800 consumidores de moda, de todos os perfis (idade, gênero, poder de compra, amantes ou não de moda) e regiões do país, para descobrir o que pensam os brasileiros sobre o jeanswear.

Dentre o público ouvido na pesquisa, estão dois grupos: os “amantes da moda”, que atuam como os grandes propagadores de tendências de consumo desse produto; e os jovens da Geração Z, acima de 16 anos, que irão compor a grande massa de consumidores nos próximos 10 anos

O Brasil detém umas das principais cadeias produtivas do jeanswear no mundo: ampla, integrada e diversificada, englobando desde a produção das fibras até a confecção das roupas. Não é à toa que somos um dos mercados mais modernos e competitivos do planeta neste segmento.

Quem são os consumidores de jeanswear no Brasil?

O perfil médio dos consumidores de jeanswear é formado por mulheres, que representam 2/3 dos consumidores no Brasil (68% do total), de todas as camadas sociais. Além disso, são jovens: quase 90% delas têm até 45 anos de idade.

Por outro lado, quando questionados sobre quem são os usuários de jeanswear, 87% dos consumidores acreditam que esse produto pertença a todas as idades e somente um pequeno grupo vê esse produto apenas para jovens.

Onde usar o jeans?

Para o consumidor brasileiro de jeans, de forma geral, o tecido é um dos mais versáteis do guarda-roupa pois pode ser usado em diversos ambientes e ocasiões: desde momentos de lazer (42%), como em reuniões de família e encontro com os amigos, até em eventos esportivos (15%), passando, também, por ambientes profissionais (33%).

Além disso, o que torna o jeans uma peça tão popular entre os brasileiros é o conforto que proporciona para o uso diário (56%), a versatilidade que possibilita o uso em diversos ambientes (45%) e o estilo múltiplo das peças (40%).

Quem deverá usá-lo nos próximos anos?

Um dos resultados da pesquisa mais importantes para o futuro do jeanswear no Brasil é que 99% dos consumidores afirmaram que irão continuar a usar e a consumir jeanswear nos próximos anos. Além disso, não menos que 80% dos consumidores brasileiros afirmaram que o jeans é um produto fundamental no seu modo de vestir e que não se veem sem esse produto em seu guarda-roupa.

Quanto o brasileiro gastou com o jeans em 2020?

O consumo de jeanswear, em 2020, sob os efeitos da pandemia, acabou registrando uma queda de 13% em vendas nominais (sem descontar a inflação) em comparação ao ano anterior. Ainda assim, foi um bom resultado se comparado ao vestuário em geral, que encerrou o período com um resultado de vendas 17% menor do que o registrado em 2019.

Em 2020, o valor total das vendas de jeanswear no varejo apontou um consumo médio de R$ 103 por habitante para essa linha de produtos, com cada comprador adquirindo, em média, 1,3 peças jeans por ano. Isso significa que o preço médio por peça jeans adquirida foi de R$ 78.

marcelo-prado“A pandemia teve impacto direto na forma como os brasileiros consomem, inclusive no vestuário. Por ficarem mais tempo em casa e terem que controlar mais os gastos por conta das incertezas econômicas trazidas pela crise, os brasileiros tiveram que adaptar costumes externos a uma rotina mais caseira. Neste cenário, o jeans aparece como uma solução versátil para todas as ocasiões do dia do consumidor. Por isso, acreditamos que o jeans vai ser uma peça-chave na retomada do varejo de vestuário este ano”, completa Marcelo Prado, sócio-diretor do IEMI.

O jeanswear não costuma ser um produto para se dar de presente, e sim, um produto adquirido quase sempre para uso do próprio consumidor (92% dos casos), que o compra motivado, muitas vezes, apenas pela “vontade de se sentir bonito/a”, como afirmam 32% dos consumidores pesquisados, ou para se dar um presente (16%), sem estar vinculado necessariamente a alguma data do varejo. Ainda assim, 73% dos consumidores de vestuário, pretendem comprar ao menos uma peça de jeanswear na atual estação outono-inverno.

germam“O mercado jeanswear é um importante impulsionador da economia, gerando milhares de empregos e produzindo novas tecnologias que se aplicam a diversos segmentos. Além disso, o jeans, no guarda-roupas do brasileiro, se tornou a peça mais democrática, atendendo desde os consumidores mais jovens e descolados, até os mais maduros e tradicionais”, completa German Silva, diretor de Marketing e Vendas da Vicunha.

As principais macrotendências comportamentais que vão influenciar a moda em 2022

A Vicunha antecipou duas grandes tendências de comportamento pautadas pelas novas necessidades do consumidor jeanswear no Brasil. Tais tendências têm influência direta da pandemia de Covid-19, que fez o mundo mudar comportamentos e prioridades.

A primeira macrotrend, chamada de Modo Híbrido, baseia-se no modelo híbrido de vida moderna das pessoas, em que as vidas profissionais e pessoais convivem em um mesmo ambiente e em um mesmo tempo. “Esse estilo de vida ascendeu, especialmente, com o início da pandemia, em que as pessoas foram obrigadas a fazer de suas casas, não somente o ambiente de conforto e relaxamento de suas vidas pessoais, mas também seu espaço de trabalho”, explica Lorena Botti, cool hunter da Vicunha.

No modo híbrido de vida, “as roupas tradicionais são repaginadas nos detalhes, com novos shapes, fundindo diferentes estilos, lorenacomo o activewear ao loungewear, criando um guarda-roupas extremamente versátil para ser utilizado em diferentes ocasiões”, acrescenta Lorena.

Outra macrotendência observada pela Vicunha vem do sentimento de otimismo que cresce à medida que a vida volta ao normal ao redor do mundo. Chamada de Otimismo Radical, esse comportamento evidencia estratégias de combate ao esgotamento emocional e valoriza ações de impacto positivo.

“As peças de roupas trarão um clima de nostalgia, especialmente da estética dos anos 2000, com um mood sexy, bem humorado, colorido e acolhedor. Além disso, a estética Novo Vintage é muito importante: a popularização do comércio de segunda mão e uma maior conscientização ambiental potencializa o desejo do consumidor por denim com cara de desgastado pelo tempo”, completa Botti.

da redação com informações da CEDRO-22 Graus Comunicação e Marketing; COATS-RPMA Comunicação; ALTENBURG-Apoio Comunicação+Marketing; CAPRICORNIO-Ativa Assessoria de Comunicação; VICUNHA TÊXTIL-InPress  imagens: fotos/divulgação