Amni® Virus-Bac OF

worldfashion • 29/06/20, 15:02

A Rhodia que acabou de completar 100 anos de Brasil, e desde de setembro de 2011, faz parte do Grupo Solvay, um dos mais relevantes players internacionais em materiais avançados e especialidades químicas, e está integrada na cadeia poliamida no país, com laboratórios de desenvolvimento instalados em suas fábricas de Paulínia (SP) e Santo André (SP). A empresa é pioneira e líder sul-americana no desenvolvimento de polímeros, fios e fibras têxteis de poliamida que são funcionais e sustentáveis.

Ao longo dos últimos anos, a empresa tem investido no aumento de seu portfólio de inovações têxteis de poliamida. As mais recentes são a microfibra Emana®, que ajuda a retardar a fadiga muscular e nos sinais de celulite; Amni® Soul Eco, Amni® Soul Cycle, que são fios têxteis funcionais e biodegradáveis, e Rhodianyl® Eco, fio têxtil de poliamida sustentável aplicado em uniformes escolares e outros artigos têxteis e acessórios. Todos esses produtos atendem ao mercado interno e vários países da América Latina, Europa e Ásia.

29O último desenvolvimento no Brasil do fio têxtil de poliamida  é o - Amni® Virus-Bac OFF – fio com propriedades de contra a ação de vírus e bactérias. Esta poliamida funcional bloqueia a contaminação cruzada entre os artigos têxteis e o usuário, evitando assim que a roupa seja um veículo de transmissão de vírus e bactérias que podem estar em uma superfície têxtil.

Desenvolvido para combater com eficiência a proliferação de bactérias e a transmissão de vírus em artigos têxteis, o fio de poliamida Amni® Virus-Bac OFF oferece uma proteção contra bactérias e vírus, incluindo os vírus envelopados, como são classificados os vírus como influenza, herpesvírus, novo coronavírus e outros, pois tem afinidade eletrônica com regiões de proteínas da estrutura externa do vírus, impedindo a hospedagem em células humanas, bloqueando a contaminação.

O fio têxtil Amni® Virus-Bac OFF, com agente antiviral e antibacteriano - que inibe a ação de vírus e bactérias - incorporado em sua matriz polimérica, pode ser usado na construção de malhas, tecidos, em diversas aplicações, tais como roupas casuais, esportivas, uniformes escolares, roupas profissionais, meias, calçados e acessórios, máscaras de uso social e até vestimentas e enxovais hospitalares. O agente antiviral atua no rompimento do envelope lipídico (gordura) dos vírus envelopados, quando este rompimento acontece, o material genético do vírus é exposto e o vírus inativado, impedindo assim a sua replicação, em outras palavras o vírus perde a sua capacidade de atuação (contaminação).

A grande vantagem do fio Amni® Virus-Bac OFF e que o efeito é permanente, o que significa que a sua ação antiviral e antibacteriana permanecerá durante toda a vida útil do artigo têxtil, ou seja, uma roupa terá a mesma eficácia e de maneira uniforme mesmo após inúmeras lavagens. Além de reunir conforto e a praticidade muito valorizadas, uma vez que oferece como benefícios toque macio, conforto térmico, respirabilidade, facilidade de manutenção e secagem rápida.

renato-boaventura-ceo-da-unidade-global-de-negocios-fibras-do-grupo-solvay-jun-15-11-640x427“É uma enorme satisfação e um orgulho para todos nós da equipe Rhodia contribuir com a sociedade neste momento tão difícil. Desenvolvemos no Brasil em tempo recorde um produto eficaz no combate a propagação de vírus. É uma proteção adicional que nos ajuda a ter mais tranquilidade em transitar neste momento de reabertura das cidades, ao evitar que a nossa roupa e sapatos sejam um veículo de transmissão de vírus e bactérias, ao mesmo tempo em que bloqueia o transporte destes microorganismos dos lugares públicos para a nossa casa. Isto é, protege a todos nós, nossas famílias e a sociedade como um todo”, afirma Renato Boaventura (na foto à esuqerda) Vice-Presidente Global de Poliamida e Fibras da Rhodia, Grupo Solvay.

A eficácia do fio de poliamida Amni® Virus-Bac OFF foi comprovada por laboratório independente, seguindo os protocolos têxteis internacionais contidos na norma ISO 18184 (Determination of Antiviral Activity of Textile Products). Além de antiviral, a poliamida Amni® Virus-Bac OFF também tem ação antibacteriana comprovada, de acordo as normas têxteis internacionais AATCC100.

A Rhodia destaca que esta tecnologia é uma barreira adicional no combate à contaminação cruzada de vírus e bactérias. O uso de peças com a poliamida Amni® Virus-Bac OFF não elimina a necessidade de cuidados de higienização frequente, segundo as instruções de segurança da OMS (Organização Mundial da Saúde) perante o cenário de pandemia do novo coronavírus.

antiviral-2A Santaconstancia tradicional empresa brasileira do setor têxtil que atua há mais de 70 anos na produção e comercialização de tecidos de moda e de alta tecnologia para esporte e praia lançou neste mês de junho uma linha inédita e inovadora de tecidos elaborados com fios de poliamida 6.6 antiviral e antibacteriano, o primeiro do mercado com princípio ativo permanente, que não sai nas lavagens. O produto atende a uma demanda crescente por soluções que protejam as pessoas da contaminação pelo novo coronavírus, além de outras doenças. Com este lançamento, a empresa amplia o seu portfólio de clientes e entra pela primeira vez no nicho voltado ao mercado de saúde.

gabriella-pascolatoA diretora de Marketing da Santaconstancia, Gabriella Pascolato Costa (na foto à direita)  explica que o novo tecido, feito com a poliamida 6.6 Amni® Antiviral, poderá ser utilizado na confecção de roupas e acessórios em geral, inclusive máscaras, uniformes, aventais e roupas de proteção hospitalar: “O produto tem a vantagem de servir tanto para a fabricação de roupas do dia a dia, seja de lazer, trabalho ou esporte, como para peças de uniformes e vestimentas de profissionais do setor de saúde, que exigem alta qualidade, durabilidade e segurança. Um dos diferenciais desse tecido é que a tecnologia tem o efeito permanente, ou seja, não se perde nas lavagens, pois o princípio ativo encontra-se nas próprias moléculas do fio. É um ponto muito importante, pois existem no mercado tecidos com funcionalidade parecida, que receberam uma impregnação antiviral, mas cuja eficácia é perdida em aproximadamente 20 lavagens”.

E completa que a nova linha de tecidos antivirais e antibacterianos deverá evoluir para cerca de 35% das vendas da Santaconstancia. A estimativa é que 40% desse total represente o fornecimento à cadeia de vestuário para o setor de saúde e 60% para os demais segmentos de moda. “Já temos demandas de hospitais e clínicas, além de nossos clientes habituais, entre confeccionistas, estilistas e atacadistas. Em poucas semanas, essas roupas e acessórios produzidos por diferentes marcas estarão disponíveis para o consumidor final”, conclui a executiva.

O lançamento é resultado de uma parceria entre a Santaconstancia e a Rhodia, empresa do grupo químico internacional Solvay presente no Brasil desde 1919.  A multinacional desenvolveu a tecnologia dos fios com seus pesquisadores brasileiros, com o objetivo de eliminar e bloquear a proliferação de bactérias e a transmissão de vírus em artigos têxteis. Na fábrica da Santaconstancia, o processo de fabricação do tecido é feito com água de reuso em circuito fechado, reduzindo ao mínimo o desperdício e evitando o consumo de água potável. “A Santaconstancia carrega em seu DNA a preocupação com as pessoas e com o meio ambiente. Oferecer uma proteção adicional às pessoas neste momento de pandemia de Covid-19 é muito importante. Essa é mais uma ação que fazemos juntos com a Rhodia, nossa parceira há mais de 50 anos”, diz Gabriella Pascolato.

2993dc0b-d65c-43ea-868d-43c439d70e390“Nós da Rhodia estamos felizes em trazer ao mercado têxtil com nossos parceiros como a Santaconstancia uma solução antiviral neste momento de reabertura das cidades. E ainda maior orgulho por ser uma tecnologia desenvolvida 100% no Brasil”, afirma Renato Boaventura, Vice-Presidente Global de Poliamida e Fibras da Rhodia, Grupo Solvay.

Como funciona a proteção do tecido contra vírus e bactérias

Segundo pesquisadores do mundo todo, o novo coronavírus pode permanecer em superfícies inanimadas por no mínimo 2 dias em temperatura ambiente, inclusive em roupas com tecidos comuns. Os testes feitos com a poliamida 6.6 Amni® Antiviral mostram que o fio tem a capacidade de inativar (OFF) 99% dos micro-organismos (vírus) e eliminar bactérias presentes na superfície têxtil, reduzindo a probabilidade de contaminação e aumentando a segurança do usuário. A tecnologia evita a contaminação cruzada de vírus envelopados (coronavírus, influenza, herpesvírus) e não envelopados (rotavírus, adenovírus, papilomavírus) – rompendo o envelope lipídico e bloqueando as regiões proteicas – e elimina as bactérias causadoras de doenças como pneumonia e meningite.

4432435-santa-1“Além de proteger, outros benefícios do novo tecido são a maciez oferecida pelo material da poliamida 6.6 e o conforto térmico, permitindo o uso de uma roupa confortável em várias ocasiões e fácil de lavar. Essa é uma tecnologia que veio para ficar, mesmo quando a pandemia de Covid-19 passar. É um tecido que se tornará universal para o dia a dia”, prevê a Gabriela Pascolato Costa (na foto ao lado com o Alessandro Pascolato e Costanza Pascolato)  diretora de Marketing da Santaconstancia.

A nova linha terá opções de cores variadas (lisa e estampada) e conta com cinco tipos de tecidos de malha: Light ® Vírus Bac OFF Permanente, Flux? ® Vírus Bac OFF Permanente, Link ® Vírus Bac OFF Permanente, Evolution Plus ® Vírus Bac OFF Permanente e Up Soft ® Vírus Bac OFF Permanente. O custo dos tecidos antivirais e antibacterianos será em torno de 15% maior em relação às linhas tradicionais de malhas similares em poliamida já comercializadas pela tecelagem.

Sobre o Grupo Solvay

114A Solvay é uma empresa de ciências cujas tecnologias oferecem benefícios em muitos aspectos da nossa vida cotidiana. Com 24.100 empregados em 64 países, a Solvay une pessoas, ideias e elementos para reinventar o progresso. O Grupo busca criar valor compartilhado sustentável para todos, principalmente por meio do programa Solvay One Planet, elaborado em torno de três pilares: proteger o clima, preservar recursos e promover uma vida melhor. As soluções inovadoras do Grupo contribuem para produtos mais seguros, limpos e sustentáveis, que podem ser encontrados em residências, alimentos e bens de consumo, aviões, carros, baterias, dispositivos inteligentes, equipamentos de saúde, sistemas de purificação de água e ar. Fundada em 1863, a Solvay está hoje entre as três principais empresas do mundo na maioria de suas atividades e obteve vendas líquidas de € 10,2 bilhões em 2019. A Solvay está listada na Euronext Brussels (SOLB) e Paris e nos Estados Unidos, onde ações (SOLVY) são negociadas através de um programa de ADR Nível I. No Brasil, a Solvay também atua com a marca Rhodia.

Sobre a Santaconstancia

antiviral-1A Santaconstancia é uma das líderes do mercado têxtil em inovação de tecidos e no desenvolvimento de produtos pioneiros, de alta qualidade, sustentáveis e com moderna tecnologia fabril própria. Instalada em São Paulo, a tecelagem atua há mais de 70 anos na produção e comercialização de tecidos para diversos segmentos de vestuário. Seus clientes B2B da cadeia varejista são confeccionistas, estilistas e atacadistas de todos os portes, presentes majoritariamente no Brasil, mas também no exterior. Fundada em 1948, a Santaconstancia sempre esteve na vanguarda da moda, lançando estilos e tendências, com um DNA criativo e inovador mantido através de três gerações da família Pascolato. Hoje, a empresa é comandada pelo sócio e presidente Alessandro Pascolato, filho da fundadora Gabriella Pascolato. Site: www.santaconstancia.com.br.

da redação com informações do Grupo Solvey/Rhodia no Brasil pela Pexpress, Fibras/Rhodia pela Index e da Santaconstancia pela assessora Marina Segre imagens: fotos/divulgação

AMNI BIOTECH®

worldfashion • 23/04/20, 15:22

A Rhodia, empresa do Grupo Solvay, em parceira com a Lupo,  produziu um total de 20.000 máscaras de uso social para proteção contra a COVID-19, que estão sendo distribuídas aos seus funcionários e familiares.

Desenvolvidas em tecnologia seamless pela Lupo, as máscaras foram produzidas nas instalações da empresa, em Araraquara por uma equipe de empregados voluntários.

vinicius-morbeck-rhodia“Estamos todos unidos no combate à pandemia. As máscaras ajudam na proteção dos nossos colaboradores e seus familiares”, diz Vinícius Morbeck, Diretor Comercial da área de Poliamida e Fibras do Grupo Solvay.

1As máscaras desenvolvidas a partir do fio de poliamida funcional, Amni Biotech®, reduz o odor durante o uso da máscara, graças à sua ação antimicrobiana que controla a proliferação das bactérias causadoras do odor indesejado, oferecendo maior sensação de conforto e bem-estar aos usuários. Além da tecnologia antimicrobial, a poliamida da Rhodia oferece outras vantagens. O fio Amni Biotech® é super amigo da pele, tem toque macio, é extremamente confortável e oferece conforto térmico. Possui rápida absorção de umidade, é fácil de lavar e seca rapidamente, para serem reutilizadas (a ação antimicrobiana é permanente, permanecendo até o final da vida útil da peça) as máscaras não devem ser compartilhadas.

Sobre a empresa:

Sob as marcas do pioneirismo e da inovação, a Rhodia, empresa do Grupo Solvay, completou 100 anos de atividades no Brasil em 2019. A empresa iniciou sua trajetória de sucesso em Santo André - SP, com a instalação de uma unidade industrial de produtos químicos, que representou o primeiro passo da industrialização da região do ABC paulista. Sempre à frente do seu tempo, a Rhodia tem dado ao longo desse período uma contribuição decisiva para o fortalecimento do setor químico/têxtil e da indústria do Brasil em geral, com o desenvolvimento de tecnologias, processos e produtos para diversos mercados, e com um profundo relacionamento com a sociedade brasileira. logo1Desde setembro de 2011, a Rhodia faz parte do Grupo Solvay, uma empresa de ciências um dos mais relevantes players internacionais, cujas tecnologias oferecem benefícios em muitos aspectos da nossa vida cotidiana. Com 24.100 empregados em 64 países, a Solvay une pessoas, ideias e elementos para reinventar o progresso. O Grupo busca criar valor compartilhado sustentável para todos, principalmente por meio do programa Solvay One Planet, elaborado em torno de três pilares: proteger o clima, preservar recursos e promover uma vida melhor. As soluções inovadoras do Grupo contribuem para produtos mais seguros, limpos e sustentáveis, que podem ser encontrados em residências, alimentos e bens de consumo, aviões, carros, baterias, dispositivos inteligentes, equipamentos de saúde, sistemas de purificação de água e ar. Fundada em 1863, a Solvay está hoje entre as três principais empresas do mundo na maioria de suas atividades e obteve vendas líquidas de € 10,2 bilhões em 2019. A Solvay está listada na Euronext Brussels (SOLB) e Paris e nos Estados Unidos, onde ações (SOLVY) são negociadas através de um programa de ADR Nível I.

da redação com informações da Prexpress  e  Index  com  imagens: foto/divulgação

mudança na presidência da Rhodia

worldfashion • 17/06/15, 18:49

renato-boaventura-ceo-da-unidade-global-de-negocios-fibras-do-grupo-solvay-jun-15-11-640x427Hoje 17 de junho no almoço para imprensa, no restaurante  Dalva e Dito em São Paulo, foi anunciado que a partir de 1º de julho, o executivo Renato Boaventura, 44 anos, assume a presidência da Unidade Global de Negócios Fibras, do Grupo Solvay, em substituição a Francisco Ferraroli, que se aposentou da empresa. Formado em Engenharia Mecânica e Têxtil pela FEI (Faculdade de Engenharia Industrial), com MBA Executivo Internacional pela FIA – Fundação Instituto de Administração - e Especialização em Marketing Estratégico pelo INSEAD, da França, Renato Boaventura tem ampla experiência no setor industrial têxtil.

rhodia-investe-em-tecnologia-para-produzir-fibras-texteis-inovadoras-jun-15-1-640x427Ingressou na Rhodia em 1992 como estagiário, em 1994 foi efetivado como trainee e no período de 1997 a 2000 ocupou o posto de gerente de produção na unidade têxtil da empresa em Santo André (SP). Entre 2000 a 2003 foi expatriado para a Itália, onde trabalhou como gerente de Pesquisa e Desenvolvimento e, posteriormente, assumiu a Gerência Geral da então Rhodia Technical Fibers naquele país. De volta ao Brasil, foi nomeado diretor industrial da unidade têxtil de Santo André, posição que ocupou entre julho de 2003 e setembro de 2005. A partir desta data, tornou-se diretor da área da Unidade de Negócios Fios Industriais da empresa, posição em que foi confirmado depois que o Grupo Solvay adquiriu a Rhodia, em setembro de 2011. No período de janeiro de 2012 a dezembro de 2013 assumiu a presidência do Conselho da ABRAFAS - Associação Brasileira de Produtores de Fibras Artificiais e Sintéticas. Ainda em 2013, assumiu a direção da unidade de negócios de Fios Têxteis do grupo.

rhodia-investe-em-tecnologia-para-produzir-fibras-texteis-inovadoras-jun-15-5-640x427A GBU (Global Business Unit) Fibras é uma das unidades de negócios do Grupo Solvay, de um total de 15 no mundo, que são dirigidas a partir do Brasil, e entre as missões de Renato Boaventura, como principal executivo da Unidade Global de Negócios Fibras está a de alavancar o crescimento das operações ligadas ao setor têxtil no Brasil e no Exterior, principalmente com foco no desenvolvimento de inovações em fios e fibras têxteis de poliamida, segmento em que a empresa é líder na América Latina e reconhecida internacionalmente através das marcas Emana®, Amni® e Rhodianyl®.

rhodia-investe-em-tecnologia-para-produzir-fibras-texteis-inovadoras-jun-15-7-640x427A Rhodia, empresa do grupo Solvay, foi pioneira no lançamento de todas as fibras e fios sintéticos no Brasil, e tem sido também a primeira a desenvolver microfibras de poliamida e os chamados fios têxteis inteligentes, para atender as necessidades de bem estar e funções causadas pelos problemas mundiais como mudanças climáticas e escassez de recursos, saude, urbanização e conectividade.  As mais recentes inovações têxteis criadas a partir do Brasil são o Emana®, fio têxtil que atua na redução dos sinais da celulite e no retardamento da fadiga muscular, e o Amni® Soul Eco, primeiro fio têxtil de poliamida do mundo que é biodegradável e foi formulado para permitir que roupas feitas com este fio se decomponham rapidamente pós-consumo, desde que descartadas em aterro sanitário

renato-boaventura-ceo-da-unidade-global-de-negocios-fibras-do-grupo-solvay-457x640Parabenizamos e desejamos muito sucesso nos desafios e missões do novo presidente !

Por Yuko Suzuki

Informações à imprensa: do Grupo Solvay e a Rhodia no Brasil  - Press Express Comunicação

da GBU Fibras: Mktmix Assessoria de Comunicação

Fotos: divulgação

Inspirações do inverno 2016 da Rhodia

worldfashion • 25/05/15, 10:21

253465_503015_dem_9240_bxresol-640x427

A Rhodia, empresa do Grupo Solvay, em parceria com a consultora de moda Renata Abranchs promoveu mais um Encontro de Moda no último dia 21 de maio, em São Paulo.

253465_503012_zuelika__patricia_covolan_e_vanessa_covolan__jeanseria__e_mayra_montel-640x427Zuleica Ferreira da Rhodia, Patrícia Covolan da Jeanseria, Mayra Montel da Rhodia e Vanessa Covolan da Jeanseria

O evento, voltado para as marcas e confecções homologadas,  mostrou tendências e inspirações para o inverno 2016, além do objetivo maior de incentivo à moda nacional para o desenvolvimento de criações genuínas.

253465_503010_renata_abranchs-640x4271“Desde 2010 recebo o abraço incentivador da Rhodia e da Amni, entusiasta mor do movimento feito no Brasil, desde sempre. A Rhodia fez e faz história incentivando o fazer autêntico e sustentável da moda brasileira. Nossa jóia rara”, afirma Renata Abranchs.

253465_503013_dem_9031_bxresol-427x6402Gabriella Pascolato da Santa Constância Tecelagem

253465_503007_helena_shargel___berlan-427x6401Helena Shargel da Berlan

As empresas Berlan, Canatiba,, Doutex, Doptex, Jetfio, Kalimo, Marles, Rosset, Santaconstancia e Savyon são indústrias têxteis homologadas e comprometidas com a moda nacional. Nos eventos promovidos pela Rhodia já estiveram presentes cerca de 200 marcas formadoras de opinião e mais de 2500 profissionais do setor, entre estilistas, gerentes de produto e marketing que levaram conhecimento para o desenvolvimento de coleções em suas empresas.

253465_503011_thamy_vosgueritchian___track_field-640x427

Thamy Vosgueritchian - gerente de estilo da Track&Field

Em 2014, a Rhodia lançou o movimento #feitonobrasil em parceria com Renata,  conta com a participação de um time de profissionais que praticam e inspiram o fazer no Brasil. A campanha busca resgatar o orgulho e incentivo à produção nacional e promover o que é feito dentro do nosso país. Participe !

Por Yuko Suzuki        Informações à imprensa: MktMix Assessoria de Comunicação       Fotos: divulgação