À La Garçonne Coleção 02-2019

worldfashion • 08/09/19, 17:04

Neste sábado 07 de setembro, no Centro Cultural São Paulo, desfile da coleção 02-2019 da À LA GARÇONE com Direção Criativa   de Fábio Souza, Estilo de  Alexandre Herchcovitch

Beleza - Celso Kamura

Casting - Fábio Souza

Trilha - Max Blum

Direção geral - Bill Macyntire

Fotos desfile - Zé Takahashi

Alta malharia - À La Garçonne + Hering

Alta Bijuteria - À La Garçonne + Hector Albertazzi

Apparel - À La Garçonne + Olympikus

Couro- À La Garçonne + Kalline

Sapatos - À La Garçonne +Vera Rollof

Sneakers - À La Garçonne +Olympikus

Fitness Apparel- À La Garçonne + LaBellaMafia

Apoiadores - Andrade Máquinas, Carmelo, Dalila Têxtil, Estrela, Focus, Galpão Fashion, Haco Lonati, Pelican, Salotex,  Texprima, Visionari.

Patrocinadores - Olympikus, Sensil, LabellaMafia.

da redação com informações da MKTMIX Assessoria de Comunicação e Marketing imagens: fotos/divulgação  de Zé Takahashi

UNDERTOP NA NEW YORK FASHION WEEK

worldfashion • 06/09/19, 21:44

5c369083-868b-4924-a86c-3e5a13d19bcbNa passarela do line-up oficial da New York Fashion Week, a Undertop, lançou hoje a sua coleção primavera-verão 2020 na New York Fashion Week. os looks total white, propondo produções inspiradas na leveza fresh do verão, complementadas com as  sandálias da designer brasileira Paula Torres.

57cf7ed5-2a92-40db-9018-27f727fdf605“See now buy now”, a coleção estará à venda na multimarcas Flying Solo, em Nova York e na flagship store da marca no Shopping Iguatemi São Paulo e  no e-commerce.

A marca de allwear, da Juliana Mansur, também  diretora criativa da marca, está cada vez mais engajada em criar uma moda cool, inclusiva e com propósito social

61871e4d-6c5f-41fd-937c-008590441a8879133433-c06d-4c18-b2d2-dc122d5bceddInspirada no caos da Babylonia, nasceu uma coleção com misturas coesas e geométricas em tecidos e cores, que causam choque sem perder a harmonia.

Cada vez mais democrática com shapes variados, a Undertop transitou entre cores sólidas e um leve brilho para compor os icônicos bodies e tops, e as peças complementares como vestidos e saias. A coleção éversátil com peças que se transformam em diferentes looks, como o macacão com zíper na cintura, podendo virar uma calça pantacourt. O mix and match das texturas e os traços geométricos representam o verão da marca, com a missão cumprida de trazer para o mundo uma mulher globetrotter, com vontade de ser ela mesma e empoderada.

3ef05d74-4da0-4952-bf21-8f9abeac676cPela primeira vez, coleção intitulada Babylonia traz uma grade ampliada com numeração até o GG. “Estamos sempre pensando no bem-estar da mulher e sentimos a necessidade de ampliar a nossa grade para que mais mulheres possam vestir a marca. É um work-in-progress e buscamos evoluir a cada temporada”, explicou Juliana.

c1efc42a-27db-48e6-b529-4c030c524103Nesta coleção a Undertop se uniu a Sensil®, marca de poliamidapremium da NILIT, para trazer inovação no tule utilizado que dá um altíssimo padrão de qualidade nas peças com  extrema suavidade e ao mesmo tempo mais resistencia.

Sobre a NILIT® cria, produz e comercializa globalmente fibras de nylon 6.6 de alta qualidade para tecidos de vestuário e outros produtos. A empresa foi fundada há mais de 40 anos em Israel e cresceu para ser a maior produtora de Nylon 6.6 do mundo, com presença em regiões-chave como a Europa, EUA, Turquia, América Latina, Ásia-Pacífico e China.

da redação com informações da AgTres assessoria    imagens: fotos de Andrea D’Andrea/divulgação

David Lee estreiou na 45ª edição da Casa de Criadores

worldfashion • 05/07/19, 14:56

dlee_v20_004dlee_v20_022Entre as marcas estreantes desta edição, com certeza David Lee, promissor e jovem estilista cearense, com passagens recentes pelo International Fashion Showcase, programa de mentoria promovido pela British Fashion Council, em Londres, e Dragão Fashion Brasil, realizado em Fortaleza em maio, é um brilhante construtor da moda masculina. Uma das principais características de seus trabalhos é o crochê, que está presente de maneira marcante em suas criações e é uma referência a sua cultura de origem e também é um diferencial no universo masculino, que compõem as suas peças.

dlee_v20_008dlee_v20_014David Lee desfilou a coleção “Um Lugar Seguro”, que explora sensações de conforto e hospitalidade, associadas a elementos de proteção e segurança, como a intimidade do ambiente do quarto, suas texturas e imagens, que são incorporadas a partir do imaginário deste ambiente receptivo. As sensações de proteção e segurança provêm da estética poderosa dos uniformes utilizados em serviços públicos, com seu universo de cores vivas empregadas na sinalização urbana.

dlee_v20_0161David Lee utilizou o fio Charme, que faz parte do mix de produtos da Círculo S/A, a maior fabricante de fios para dlee_v20_0361trabalhos manuais da América Latina, e é parceira do estilista, que apresentou no crochê as cores vibrantes que foram executados com uma rica variedade de pontos. Na cartela de cores entram preto, caramelo, branco, amarelo, vermelho, laranja e azul celeste misturados a listras em tonalidades da camisaria clássica masculina. A dualidade entre força e delicadeza, entre o que é íntimo e público, atravessa e sustenta a coleção. A silhueta é utilitária, potencializada por pontos de cores e modelagens, em sua maioria de linhas retas, a partir da mistura de técnicas contrastantes como o crochê e a alfaiataria. Foram usados tecidos em algodão, malha circular e sarja, com aplicações e detalhes que reforçam o aspecto de urbanidade, como cadarços resistentes e etiquetas de borracha.

da redação com informações da Oficina das Palavras  fotos: divulgação de Marcelo Soubhia/Fotosite

CASA DE CRIADORES 45ª EDIÇÃO

worldfashion • 02/07/19, 16:48

rdog_v19_048-1-640x427De amanhã 03 a 06 e no dia 08 de julho a Casa de Criadores promete muitas novidades. O line up começa com a Ahlma, que abre o primeiro dia de desfiles, com styling de Dudu Bertholini. Para esta temporada, a Casa de Criadores recebe também o Brechó Replay, os veteranos Isaac Silva e Rober Dognani, além das marcas estreantes: Estamparia Social, Silvério, Reptilia, Re-roupa, BOLDSTRAP, CISÔ, DAVID LEE, ESTILERAS, VIVÃO e o PROJETO LAB (BISPO DOS ANJOS, JAL VIEIRA, RAINHA NAGÔ e KOIA).

david-lee-collection-photographer-thais-mesquita-2-640x427Confira abaixo o line-up

03 de julho (quarta-feira)

Sala de desfile: 20h30

Ahlma

Cisô

Diego Gama

D-AURA

Igor Dadona para Blaze Supply

Brechó Replay

04 de julho (quinta-feira)

Sala de desfile: 20h30

Renata Buzzo

David Lee

Martins

Reptilia

Jorge Feitosa

Weider Silveiro

05 de julho (sexta-feira)

Sala de desfile: 20h30

Notequal

Re-roupa

Diego Fávaro

Rocio Canvas

Boldstrap

Rober Dognani

06 de julho (sábado)

Escadaria 16h:

POTE

Sala de Desfile: 18h

Projeto Lab - Bispo dos Anjos | Jal Vieira |Rainha Nagô | KOIA

Vivão

Estileras

Rafael Caetano

08 de julho (segunda-feira)

Sala de desfile: 20h30

Desafio Sou de Algodão + Casa de Criadores

Fernando Cozendey

Heloisa Faria

Silvério

Alex Kazuo

Isaac Silva

Ken-gá

Escadaria: 20h30

Vicente Perrotta

_mg_7176-cc2a6pia-640x423O evento conta também com o 1º DESAFIO SOU DE ALGODÃO, concurso que incentiva estudantes de moda de todo o Brasil a exibirem suas criações em mini-desfiles, em que o vencedor fará parte da line-up da 46ª edição do evento, em novembro de 2019, em parceria com o movimento Sou de Algodão.

Os seis finalistas, com seleção feita em abril, levarão para as passarelas suas coleções completas de 10 looks, sendo na abertura de cada desfile exibido vídeos curtos que contarão a inspiração e a identidade de cada jovem estilista. A premiação será realizada no último dia do evento, em cerimônia que premiará os três primeiros colocados, e contará com renomados especialistas da moda para julgar os trabalhos.

milton-garbugio-ampa-22-copiaPara Milton Garbugio, presidente da Abrapa - Associação Brasileira dos Produtores de Algodão, é gratificante fechar a semana de moda com o primeiro ciclo de inspiração e orientação voltado ao público que estará no mercado, daqui a pouco, construindo a moda deste país.

“Estamos muito animados em estimular a criatividade dos estudantes e sermos uma ponte para o ingresso destes ao evento. O vencedor será um dos estilistas a apresentar sua coleção na próxima edição, e estamos ansiosos para saber quem será o novo talento da moda. Agradecemos a todos que nos apoiaram nesta jornada”.

O movimento segue em constante crescimento e no fortalecimento da presença do algodão para a indústria da moda e seus consumidores, em que Milton ressalta que “a terceira participação neste importante evento traz para a moda autoral brasileira uma fibra com tantos significados para a economia do país e para a expressão do design”.

De acordo com a Abrapa, o Brasil é o 4º maior produtor de algodão e o 2º maior exportador da fibra nesta safra, sendo 80% da produção certificada em sustentabilidade pelo programa ABR – Algodão Brasileiro Responsável – e 70% licenciada pela BCI – Better Cotton Initiative, chancela internacional que atesta o algodão produzido de forma responsável, utilizada por diversas marcas de varejo de moda internacional e nacional.

Os finalistas serão seis estudantes de faculdades de moda de todo o Brasil, escolhidos entre mais de 400 inscritos. Esses jovens talentos terão a oportunidade de desfilar para um corpo de jurados, composto por renomados profissionais da área, que escolherá o vencedor.terão como apoiadores de seus desfiles tecelagens parceiras do Sou de Algodão e para os três primeiros colocados, além do prêmio de R$ 30 mil ao vencedor, serão oferecidos metros de tecidos e horas de orientação e mentoria por meio dos apoiadores do Movimento.

finalistas-flavia-pommianosky-andre-hidalgo-4-640x480Finalistas

•Dario Mittmann – UEM/PR

•Assumpta (Denis Mathias, Eduardo Augusto e Gabriela Camazzola) – Santa Marcelina/SP

•Era Brand (Alan da Silva Dantas, Lays Santos e Patrick Langkammer) – UVA/RJ

•Fellipe Campos e Fernando Carvalho – Santa Marcelina/SP

•Mateus Cardoso – Santa Marcelina/SP

•Rodrigo Evangelista – IED/SP

Tecelagens parceiras: Canatiba | Cedro Têxtil | Jolitex | Paranatex | Santista Jeanswear | Urbano Têxtil

Apoiadores do Movimento:  Abrapa | Abvtex | Casa de Criadores | Etiqueta Certa | Ernna Cost | Fashion Innovation Bureau | Fashion Innovation Bureau | Leandro Pires Consultoria

Sendo o maior patrocinador desta edição da Casa dos Criadores, o Sou de Algodão contará com programação cultural durante todos os dias como oficinas, talks e exposição. As oficinas serão realizadas em parceria com a Re-roupa, reconhecido laboratório de produção de roupas e ideias que preza pelo ambiente criativo e criação de cultura visando intervir na lógica do sistema produtivo da moda, com o objetivo de promover a reflexão sobre o ciclo de vida da roupa e a criação de novos significados para a peça ou retalho em desuso.

As oficinas também contarão com o apoio de grandes marcas: Cataguases, Farm, G. Vallone, HC Brasil, Vicunha e Zune. Serão 40 vagas abertas, por dia, e os participantes poderão levar para a casa a peça que confeccionarem. Já os talks serão temáticos e interativos, com 80 vagas por dia. As inscrições podem ser feitas a partir deste link: bit.ly/soudealgodao

Sou de AlgodãoE ainda, como reconhecimento aos ricos trabalhos dos semifinalistas do 1º Desafio Sou de Algodão + Casa de Criadores, será realizada exposição no átrio da Praça das Artes, com os looks de 19 estudantes selecionados, aberto ao público durante os dias do evento à partir das 16h.

Confira aqui a agenda da programação das ações e ativações do Sou de Algodão, durante o evento.

Serviço:

- exposições: dias 03, 04, 05, 06 e 08 de julho, das 16h às 20h (aberta em todo o período do evento)

- oficinas: dias 03, 04, 05, 06 e 08 de julho, das 16h30 às 18h30

- talks: dias 03, 04, 05, 06 e 08 de julho, das 18h30 às 19h30

- desfile Desafio Sou de Algodão + Casa de Criadores: 08 de julho, 20h.

Sou de Algodão - É um movimento criado para incentivar o uso da fibra natural na moda e na indústria têxtil, que tem como propósito unir a cadeia do algodão, em torno da sustentabilidade e da atuação responsável de todos os agentes.

A 45º edição da Casa de Criadores acontece na Praça da Artes, numa parceria entre a Secretaria Municipal de Cultura. O secretário Alê Youssef está otimista com o evento e complementa afirmando que “a Casa de Criadores mantém-se há mais de duas décadas como um celeiro de novos estilistas e artistas da moda. A Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo apoia esta iniciativa e incorpora o evento ao Agendão, calendário cultural integrado do programa São Paulo Capital da Cultura.”

__________________________________________________________________________________________

Há mais de duas décadas lançando grandes nomes da moda no Brasil, a Casa de Criadores chega à sua 45ª edição como hub da  nova moda brasileira.

vicunha-kingpins-4A parceira da Vicunha - maior produtora mundial de índigos e brins – com o evento é de longa data, e a empresa fortalece sua conexão com o universo criativo da moda, tecnologia e sustentabilidade por meio do apoio a 24 talentos criativos nesta temporada. A atual edição do evento conta com estreias promissoras como Vivão Project, Igor Dadona para Blaze Supply, Rainha Amagô e Boldstrapp, que também recebem o suporte da gigante têxtil em seu début na casa.

Entre os artigos Vicunha presentes, o Tech Rippel segue como o grande highlight da semana de moda, por seu acabamento em coating que confere visual esportivo, tecnológico e moderno aos looks. Sarjas com toque de elegância, como Kidman, que traz visual refinado e brilho especial, e Vic Max, com aspecto diferenciado e nobre proporcionado pelo acabamento special touch, também figuram entre as apostas dos estilistas para a temporada. No denim, o destaque fica por conta da linha Athletic, composta por artigos que trazem o visual de denim por fora e o toque e o conforto do moletom por dentro; além do índigo 100% algodão Iago Royal, com diagonal bem marcada e visual authentic, ideal para interpretar looks mais vintage.

da redação  com informações: da Agencia Lema (Casa de Criadores e Sou de Algodão). da PressPass (Vicunha)     fotos: divulgação

24A. EDIÇÃO DO MINAS TREND “EM DIAS DE SOL”

worldfashion • 10/04/19, 10:59

46657284445_66db198722_zCom a presença de Flavio Rosner presidente da FIEMG, Fernando Valente Pimentel presidente da ABIT e Ronaldo Fraga estilista e diretor cirativo do evento, aconteceu a coletiva do evento.

46657285775_98e8af77ee_z-1Flávio Roscoe colocou que as mudanças foram feitas à partir de sua gestão para equilibrar receitas X despesas e tornar o evento auto sustentável financeiramente. O esforço já conseguiu alcançar uma redução de 40% nos custos sem perder a qualidade e ampliou a receita apesar de ter diminuindo os custos em até 20% para os expositores. Os aportes vieram das parcerias e patrocínios proporcionando o ingresso de novos players.

Entendendo que a indústria da beleza também está próximo à moda, iniciou a aproximação deste setor e trouxe para este evento os farmacos, com a presença em um estande institucional do SINDUSFARQSindicato das Indústrias de Produtos Farmacêuticos e Químicos para fins Industriais no Estado de Minas. Também fazem parte das mudanças a inclusão do Festival de Gastronomia.

O evento trouxe um recorde de compradores e conseguiu ampliar em mais 19 expositores no Salão de Negócios.

46657285135_bd95964b3f_z2Fernando Pimentel da ABIT - Associação Brasileira da Indústria Textil e Confecção, declarou ser parceiros de longa data do melhor evento de moda e o estado de Minas Gerais está em terceiro lugar na Economia Criativa do País, sendo que as indústrias brasileiras estão em quinto lugar internacionalmente. Disse ser muito otimista e que a tendência é a evolução do mercado ainda neste segundo trimestre.

Anunciou também a realização do próximo Cogresso Internacional da ABIT 2019, nos dias 22 e 23 de Outubro simultâneo ao próximo Minas Trend. O tema será FIM DAS FRONTEIRAS: DA CRIAÇÃO AO CONSUMO e as inscrições já estão abertas no site do evento: www.congressoabit.com.br para maiores informações e-mail fernanda.tamburus@abit.org.br

47572806571_a4e82e674c_zO diretor criativa e estilista Ronaldo Fraga, concluiu a coletiva dizendo: “Apostar mais uma vez  neste setor, que  como o Flavio bem diz, vende mais do que produto, vende pensamento, gera autoestima, e é neste lugar que esta indústria anda. E chegamos naquele ponto que aquela euforia que a moda viveu nas duas ultimas décadas, onde tinha esmalte em tudo, irreal, europeu, e depois de sucessivas crises, o setor da moda é o mais suscetível e a isso soma-se  o fato de que estamos diante de um  mundo real, de uma historia real , e tentando entender o que da moda tem que mudar. Este setor que muda o tempo inteiro, na forma de pensar, de comercializar e é por isto que ela morre o tempo inteiro. O setor que tem na sua espinha dorsal, o espírito antropofágico, de autonegação, reflete muito na parte conceitual, e principalmente na parte comercial”, completou Fraga

sjj_8662_32628268427_osjj_8724_33693938748_oHoje, o Minas Trend, se faz importante, não só para a indústria mineira, mas como elo ligação com os consumidores. O que parecia uam loucura há 10 anos atrás, hoje se faz necessirio abrir as portas para a cidade vir, ver e participar, seguindo a ordem mundial de democratização para a sobrevivencia da moda. É importante estabelecer diálogos com as frentes, que a moda sempre negou, enxergar e entender os consumidores. Se já era difícil fazer roupa, agora o desafio é maior. Porque roupas os chineses estão fazendo e muito bem, temos que fazer moda com valor agregado. Nos momentos conturbados como a que vivemos, só a arte e a cultura dão sinais: “Solarizar”, “Oxigenar”, “Diversificar”, “Viajar” e “Sensualizar” são as palavras-chaves. Alénm da democratização também de expositores, importante processo para o evento, trazendo mais qualidade em ambito nacional.

Para a abertura do evento foi convidado o violoncelista Jacques Morelenbaum, um dos maiores violoncelista, de todos os tempos, braço direito de figuras como Tom Jobim, que junto com o grande nome da nossa música, a cantora Zélia Duncan ecoou as pérolas do mestre maior Milton Nascimento para o deleite dos convidados.

da redação do WORLD FASHION    fotos: divulgação

23ª MINAS TREND

worldfashion • 29/10/18, 15:56

1cc37cd1-44fb-4eae-b06e-74c931c88a7bA 23a edição do Minas Trend, que promove os lançamentos oficiais para a temporada outono-inverno/2019, é norteada pelo tema “Agora e para Sempre”, representado na imagem central de um coração que evidencia a energia do órgão como elemento propagador de alimentação da vida, numa analogia poética com o objetivo do evento de fomentar a cadeia produtiva de moda.

Recentemente empossado, o presidente da FIEMG, Flávio Roscoe, chamou para a direção criativa Ronaldo Fraga, que trouxe um novo frescor e dinamismo ao evento, evidenciando seu poder de renovação e de alinhamento com as demandas do setor. “Ronaldo é um profissional antenado com o presente e com o futuro, e este poder visionário será refletido em novas ideias e inspirações para que possam, através da criatividade, incrementar os negócios e os processos produtivos”, analisa Roscoe.

c801231f-fd7c-437e-883d-bfacedc7934aSegundo Roscoe, alterações estruturais e organizacionais também fazem parte das mudanças previstas para o evento durante sua gestão na Fiemg. “A começar pela renovação no layout do salão de negócios, com a qual devemos aumentar a área ocupada em 30%, e o aumento e qualificação dos expositores, com ênfase na inclusão de empresas dos principais polos produtivos do estado, como Monte Sião e Jacutinga, regiões reconhecidas pela alta qualidade e conceito de moda de sua malharia retilínea”, destaca o executivo. Em relação aos compradores vip ́s - aqueles considerados com alto poder de decisão e compra -, tradicionalmente convidados com despesas pagas pelo evento, Roscoe afirma que, apesar de serem submetidos a uma análise mais rigorosa e detalhada, terão sua participação ampliada, podendo atingir 800 lojistas de todo o país, número 60% superior ao apontado nas edições anteriores.

A ideia é torná-la auto sustentável para que o evento dependa cada vez menos do sistema FIEMG e tenha vida própria. O movimento para esta readequação não perde em qualidade, mas um benefício para todos tanto expositores como para os compradores.

42ff850f-9bb8-4c3c-83eb-b37977f6113cA proposta de um evento mais inclusivo, que dialoga com outras vertentes da indústria criativa, e também mais democrático, ao propiciar o acesso da população às suas atividades, Fraga aposta na subversão dos parâmetros convencionais da indústria de moda para apontar novos caminhos para seu crescimento e renovação dos processos criativos. “O Minas Trend não é um evento da moda mineira, mas sim a grande plataforma da indústria brasileira de vestuário e, dessa forma, temos que dialogar com outras correntes produtivas, incluindo e agregando para transformar”. “Em tempos mais generosos e diversos, a moda tem que atrair, provocar e estimular as pessoas”, conclui

da redação do WORLDFASHION  fotos:acervo da revista

SPFWN46 / TRAN[SP]OSIÇÃO

worldfashion • 15/10/18, 11:48

O São Paulo Fashion Week evento realizado pela IMM MODA e pelo Instituto Nacional de Moda e Design – INMOD. SPFW N46 será apresentado nesta edição por Banco Santander e Jeep. Além de patrocínios de Iguatemi, Braskem, Chilli Beans e parceria institucional do Sebrae e Prefeitura de São Paulo. Inaugurando um novo ciclo na história de 23 anos, o SPFW se prepara para ocupar dois territórios criativos na cidade de São Paulo: o Farol Santander, no centro - R. João Brícola, 24, e o espaço ARCA, na zona oeste - Av. Manuel Bandeira, 360 - Vila Leopoldina.

hallO Farol é o ponto de partida dessa edição que trabalha com o conceito de Transposição e chega até o outro lado da cidade num antigo galpão industrial na Vila Leopoldina. “É a vontade de expandir fronteiras e ir além, ressignificar espaços a partir da criatividade alinhado à vocação de São Paulo para as novas economias, integrando e conectando a cidade com os grandes centros de inovação do mundo,” diz Paulo Borges, idealizador e diretor criativo do SPFW.

348195_832745_marcos_madureira__1__web_“Estamos num prédio ícone da década de 40, que carrega o legado de empreendedorismo da época e se mantém um marco da cidade,” comentou Marcos Madureira (foto à direita)  vice-presidenteexecutivo de comunicação, marketing, relações institucionais e sustentabilidade do Banco Santander. “O que nos levou a firmar esta parceria com o São Paulo Fashion Week foi justamente a crença que temos em comum no empreendedorismo e na criatividade, tão presentes na moda e fundamentais para o momento de transformação que estamos vivendo. Precisamos de pessoas que pensem diferente porque dessa diferença e do conflito vem a criatividade. A gente acredita no empreendedorismo criativo”, completou.

348195_832754_antonio_filosa_web_Já Antonio Filosa (foto à esquerda) presidente do Grupo FCA -  Fiat Chrysler Automobiles, também comentou a parceria de Jeep que, pela primeira vez, se associa ao São Paulo Fashion Week e falou sobre a sinergia entre a cultura da marca e as reflexões que o São Paulo Fashion Week vem propondo. “Todos trabalhamos no exercício de ir além e queremos construir a história do futuro com nossos parceiros” afirmou.

Com relação a criação de moda, o Banco Santander com patrocínio de Jeep, C&A, Sou de Algodão e parceria institucional do Sebrae, apresentam a segunda edição do Projeto Estufa uma iniciativa do SPFW para conectar movimentos que pensam, criam e testam modelos e processos de futuro.

A cineasta e cenógrafa Daniela Thomas é a inspiradora do SPFWN46 e co-curadora, junto com a artista Mari Nagem, da exposição do Projeto Estufa, que reúne 17 artistas contemporâneos. Alguns trabalhos são desenvolvidos durante o período da mostra que conta com a participação de Aleta Valente; Anais Karenin; Cal Kielmanowick; Fernando Velazquez; Fred Pinto; Lina Lopes; Mari Nagem; Marina Kosovski; Renato Custódio; Álvaro + Oda; Mau Maker; Pedro Gallego; Renata Melo; Rochelle Costi; Rodrigo Moreira; Sara Não Tem Nome; e Simone Barros.  Além da exposição e desfiles de novas marcas, o Projeto traz uma agenda que inclui, masterclasses, talks e feira de startups distribuídos nos dois espaços.  É possível participar da programação adquirindo ingresso pelo site tudus.com.br

342387_810204_novo_local_do_spfw_web_1O novo momento do São Paulo Fashion Week concentra sua essência na força da mudança, convidando todos a sair da zona de conforto e experimentar novos tempos e espaços.

O calendário de desfiles apresenta quatro estreias e sete novos designers integram este lineup dentro da programação do Projeto Estufa. A semana começa com desfile da marca Lilly Sarti no domingo, 21 às 19h30 no Farol Santander.

O line-up

SEGUNDA-FEIRA dia 22

15h00   Osklen

16h30  Patricia Viera

17h30  Torinno

19h00  Modem

20h30  João Pimenta (fem)

TERÇA-FEIRA dia 23

13h00   Reinaldo Lourenço

14h30  Aluf : Projeto Estufa

14h45  Lucas Leão : Projeto Estufa

16h00  PatBo

17h30   Top 5

19h00  Amir Slama

20h30  Ronaldo Fraga

QUARTA-FEIRA dia 24

12h30  Gloria Coelho

14h30  Helena Pontes : Projeto Estufa

14h45  Ão : Projeto Estufa

15h00  Korshi 01 : Projeto Estufa

16h30  Beira

18h00  Lino Villaventura

20h00  Bobstore

QUINTA-FEIRA dia 25

14h30  Victor Hugo Mattos : Projeto Estufa

14h45  MiPinta : Projeto Estufa

16h30  Two Denim

18h00  Cotton Project

19h00  Apartamento 03

20h00 Handred

SEXTA-FEIRA dia 26

15h30  Cacete Company

16h30  João Pimenta (masc)

18h00 Piet

19h00  Ratier

20h30  Água de Coco por Liana Thomaz

redação WORDL FASHION  fonte: MktMix Assessoria de Comunicação  fotos divulgação dos espaços

fotos: dos executivos Marcos Madureira e Antonio Filosa de Gabriel Capelleti/Agência Fotosite

PROGRAMAÇÃO DO ID FASHION 2018

worldfashion • 21/09/18, 14:22

logo-horizontal

O ID Fashion, diferentemente de outras iniciativas do gênero, de acesso restrito a convidados, profissionais do ramo e formadores de opinião, é aberto ao público e gratuito.   Propõe ainda novos olhares sobre o consumo contemporâneo e inova com a criação de espaços para experimentações e instalações artísticas. O ID Fashion é também pioneiro na realização de pesquisas qualitativas junto aos seus visitantes se adequando ao feedback dado pelo público e buscando oportunidades para aumentar a competitividade da indústria de moda paranaense.

Tem novidade no acesso ao ID Fashion 2018!

Este ano o cadastramento é exclusivamente on-line. Para acessar a ficha de inscrição, é só entrar no site ou acessar pelas redes sociais, preencher corretamente e, ao finalizar o cadastro, você vai receber um e-mail com o “ingresso” para o evento – um QR code que você deve imprimir ou salvar no celular e ter acesso a todas as atrações do ID Fashion. Vale lembrar, aos paranaenses, que o evento é gratuito, mas não haverá cadastro no local, para evitar filas. Portanto, faça a inscrição on-line o quanto antes e garanta sua participação !

25 e 26 de Setembro  - das 15h00 às 22h00 -

id_livinglab_store-640x427Living Lab & Store

Espaço de exposição interativa e comercialização das coleções das marcas participantes. Uma ação que proporciona aos empresários a oportunidade de relacionamento e feedback de consumidores, formadores de opinião e de especialistas do setor.

user_experience-antonio-more-19-640x427 User Experience

Uma mostra para o grande público dos bastidores e dos processos por trás da indústria da moda, por meio de espaços de vivências e experimentações durante o evento. Alinhado ao tema, e por meio de parcerias, o User Experience desta 4ª edição traz um hackathon de moda, com o intuito de integrar novas tecnologias ao universo do vestuário (wearables) e do varejo de moda.

id_talk-01-antonio-more-21-640x427ID Talk

espaço para um bate-papo interativo, mediado por especialistas, com a presença de personalidades e profissionais renomados da indústria da moda nacional. O objetivo é provocar reflexões sobre temas pertinentes ao setor e ao consumo contemporâneo.

Programado para o dia 25 de setembro

Luiz Arruda de Araujo Pinheiro | WGSN e Cris Guerra

Programado para o dia 26 de setembro

Bate papo MENTE, MÃOS e MÁQUINAS EM CONJUNÇÃO com Akihito e Ronaldo Silvestre com mediação Daniela Nogueira e  Moda Holística: um caminho para 2020 com Daniela Nogueira

id_catwalk-640x427Catwalk

Desfiles intimistas, com apresentações das coleções das marcas mais representativas e originais do mercado de moda paranaense, realizados em um ambiente lúdico e inspirador.

no dia 25 de setembro

17h00 - NEW ID Transmuta / YSKI / Empatize Clothing

19h30 - Vale da Seda

20h30 - Elyane Fiuza

21h30 - Six One

no dia 26 de setembro

17h00 - TOP SEBRAE Milho Guerreiro /  FZO / Carlina Brugnera /Carla Bergamask

19h30 - Soraya da Piedade

20h30 - Leveza do Ser

21h30 - Recco

sebrae15592_2-467x640O ID Fashion é realizado pela Fiep – Federação das Indústrias do Estado do Paraná, por meio do Conselho Setorial da Indústria do Vestuário e Têxtil, em correalização com o Sebrae-PR.

Local  Campus da Indústria Sistema FIEP   Centro de Convenções Horácio Coimbra

Av. Comendador Franco, 1341    Jardim Botânico - Curitiba - PR

da redação do WF   assessoria de imprensa: Página 1 Comunicação     fotos:divulgação

À la Garçonne coleção 2 - 2018, ao Masp

worldfashion • 13/08/18, 17:25

img_7041-640x480O sonho antigo de Alexandre Herchcovitch realizou-se na manhã fria dessa segunda-feira: transformar dependências do Masp em passarela para sua coleção 02 - 2018. Por conta da agenda da instituição, o fashion designer ainda não tinha podido fazer ali o seu desfile. Mas finalmente aconteceu: o primeiro subsolo do museu recebeu mais de 400 convidados para celebrar um inverno austero nas cores, leve nos materiais, pródigo nos volumes e recursos de modelagem e absolutamente livre para fazer o resgate de referências e dar vida à coleção. Porque assim é a cabeça e o processo criativo Herchcovitch.

img_7047-480x640img_7054-480x640Trouxe na sua criação tecidos e malhas com o nylon 6.6 premium Sensil®, o ingrediente perfeito, em aparência e toque excepcionalmente suave, resistente e durável, conservando sempre a aparência de novas às peças, mesmo após muito uso e muitas lavagens. Desta forma, as características de performance e qualidade de fios de Sensil® aliadas à expertise da Berlan e da Vicunha sob a batuta de Herchcovitch, possibilitaram a criação de uma coleção que, certamente oferecerá ao consumidor peças que unem design e tecnologia em tecidos para o novo estilo de vida que busca durabilidade, qualidade  e experiências superiores. Para Alexandre, “Moda e tecnologia caminham juntas para promover conforto, qualidade e outros atributos aos consumidores que estão cada vez mais atentos ao que vestem. Sensil e À La Garçonne se unem para que tudo isso aconteça.“

img_7096-480x640img_7084-480x640O bloco dos looks pretos tem o ar “pesado” da cor, mas joga com uma incrível habilidade com a leveza de rendas e tules, para compor saias, casacos, vestidos, bodies e macacões que são quase um leotard. O contraponto da transparência é dado por tecidos compactos – da malha ao tecido plano. O tule e a renda ganham ares quase românticos na série das saias e vestidos longos e volumosos.

img_7057-480x6401img_7069-480x640O inverno de À la Garçonne é feito de estampas também – mas com uma pegada muito digital que beira efeitos ópticos, numa inusitada combinação de cores.

Herchcovitch tem uma antiga relação com clássicos do terror… Assim, Frankenstein dá o ar da graça ao lado da Múmia, estampando com semblantes aterrorizantes camisetas em diferentes versões.

img_7070-480x640img_7056-480x640O masculino tem alfaiataria com atitude: o jogo de volumes, sobreposições e comprimentos prevalece e tem como cúmplice a etiqueta nada discreta da marca que vai de ombro a ombro às costas, ou detalha cós das das peças, como um “selo de qualidade” À la Garçonne.

Alexandre Herchcovitch sugere capas em brim ou sintético com aspecto verniz, porque o underground do criador não existe se não for com um toque de glamour.

Ficha Técnica:

Beleza Celso Kamura, Edição e Styling de Maurício Ianês Trilha:Max Blum e Direção Geral e Casting: Bill Macyntire

Os patrocinadores foram: MELISSA, SENSIL, SIMPLE Organic e TROLLS.

Apoios de Andrade Máquinas, Berlan, Dalila Têxtil, Farbe, Gol, Haco, Lulitex,Texprima e Vicunha.

peças, como um “selo de qualidade” À la Garçonne.

A NILIT é fabricante global fibras de alta qualidade em nylon 6.6 para vestuário e outros produtos. A empresa foi fundada há mais de 40 anos em Israel e cresceu para ser o maior produtor de nylon 6.6 têxtil no mundo, detem a marca registrada Sensil®, para o nylon 6.6 premium, com um novo padrão de qualidade para o pret-à-porter, a moda íntima, esportiva, meias e peças que exijam estilo, desempenhoe tecnologia superior. Possuem fábricas e escritórios em regiões-chave, incluindo Europa, América do Norte, América Latina, China, Ásia-Pacífico e Turquia.

A VicunhaTêxtil está sempre antenada com o que há de mais inovador no setor, trazendo a mais alta qualidade e tecnologia às suas coleções. Baseados em constantes pesquisas que apontam as principais tendências de moda e comportamento no mundo, os índigos e brins visam não apenas atender à demanda, mas surpreender um mercado em constante transformação. Os tecidos Vicunha estão presentes nas passarelas nacionais e internacionais das principais semanas de moda do mundo. Sua versatilidade também pode ser conferida nas mais variadas peças de coleções de marcas renomadas, de grifes famosas a grandes redes varejistas.

CONHEÇAM OS TECIDOS QUE ESTÃO NA COLEÇÃO:

343777_815335__tak3128_web_Berlan com Sensil®: Blackout Shine é uma malha construída com filamentos de Sensil®, o nylon 6.6 premium da NILIT, opacos e brilhantes, que possibilitam a criação de diferentes jacquards. O nylon 6.6 confere um toque fresco, de rápida secagem e a presença do elastano de alta qualidade confere excelente compressão e “memória” ao tecido, não deformando após uso contínuo.A construção deste artigo é feita para deixá-lo compacto, com gramatura que elimina qualquer transparência, mesmo em cores claras.

343777_815360__tak2765_web_Vicunha com Sensil®:Ice powered by Sensil® Breeze – Sarja com tecnologia inovadora que confere toque fresco, reduzindo a temperatura do corpo em até 1oC. O efeito refrescante é resultado de uma combinação de secção transversal especialmente projetada, com inserção de um aditivo inorgânico no polímero, além de um processo de texturização exclusivo. Perfeito para dias intensos, a tecnologia ainda confere capacidade de ventilação eficiente.

Sense powered by  Sensil® BodyFresh – Com efeito bacteriostático, a tecnologia presente na construção dessa sarja impede a proliferação de bactérias que causam odor. A propriedade confere um toque sustentável às roupas, já que a distância entre as lavagens pode ser maior, evitando o uso excessivo de água. O resultado é uma sensação de conforto por mais tempo, sendo ideal para criação de looks versáteis, que acompanham os cotidianos mais agitados.

Comfort powered by  Sensil® Aquarius – Sarja com fio de alta performance na composição, desenvolvida com uma propriedade que transporta a umidade e o suor da pele para o tecido. A secção transversal triplo T aumenta a área de superfície e cria micro canais, carregando a transpiração para longe do corpo. As propriedades hidrofílicas do fio estão em seu DNA e não se modificam mesmo depois de muitas lavagens. A novidade é perfeita para dias longos e movimentados e para a prática de esportes urbanos.

da redação do WF por Eleni Kronka    fotos do desfile: WF  fotos: divulgação/Zé Takahashi  Assessoria de Imprensa Nilit: CANAL A COMUNICAÇÃO Assessoria de Imprensa VIcunha: Press Pass  Assessoria de imnprensa Á La Garçonne: Mkt Mix Assessoria de Comunicação

IMM MODA / SPFW

worldfashion • 25/07/18, 07:26

img_4372-640x480 Foto da edição SPFWN45 (acervo da editora)

A edição SPFWN46 acontecerá de 22 a 26 de outubro, em um novo local: ARCA - antigo galpão industrial de nove mil metros quadrados, onde funcionava uma metalúrgica, na Vila Leopoldina. O evento de moda mais famoso do Brasil foi comprado por um grupo de Abu Dhabi, a IMM Esporte e Entretenimento  tornando-se sócia da Inbrands no São Paulo Fashion Week, maior evento de moda da América Latina.

342387_810204_novo_local_do_spfw_web_ Imagem ilustrativa do novo local

Para a IMM, o objetivo dessa nova aquisição é diversificar ainda mais o portfólio, passando a dispor também de uma poderosa marca do universo da moda.   “Não existe outro evento de moda no Brasil que possa ser comparado ao SPFW do ponto de vista de impacto e relevância para o mercado” diz Alan Adler, presidente da IMM, que já tem marcas fortes do esporte e do entretenimento como Cirque du Soleil, Rio Open e UFC.

Fundador do SPFW, Paulo Borges continua na direção do SPFW. Um anúncio oficial foi dado ontem (24/07), na coluna de Paulo Borges (idealizador do SPFW) pro “FFW“.

No artigo abaixo, Paulo Borges, criador e diretor criativo do SPFW, anuncia a mudança e fala sobre conceitos envolvidos neste movimento.

Paulo Borges *, artigo 001

Somos criativos, “no made”, “no mad”, nômades.  Quem carrega a criatividade como parte de sua essência, sabe muito bem assumir a impermanência das coisas. O ofício de transpor para o real e o material algo que germina no mundo das ideias requer desprendimento, coragem.  Ser criativo, não criado. Assumir-se inacabado é também estar consciente de uma contínua transformação. Criativos, não loucos. Vanguardistas na capacidade de projetar o que vem depois. Nômades capazes de viajar rumo ao desconhecido para buscar no horizonte o novo terreno fértil.

342387_810205_spfw_acontece_em_novo_local_web_É esta Alma criativa que sempre dá vida ao SPFW. Já não somos mais Luminosidade (empresa que criou e realiza o SPFW, e outros projetos como o FFW ), mas somos muito luminosos, estamos ainda mais iluminados.

Agora somos IMM Moda, e fazemos parte de uma estrutura com vários projetos importantes e únicos, como o SPFW.

Somos inquietos, imperfeitos, por isso sempre em movimento.

Antes mesmo de criarmos o SPFW, ainda em meados dos anos 80, optei por uma trajetória sempre através da Moda. Incentivando a criatividade, o novo, formamos carreiras, geramos empregos, movimentamos negócios, compartilhamos conhecimentos. Sistematizamos processos e novas profissões.

Um fenômeno único que teve a cidade de São Paulo como ponto de partida, mas que imediatamente se irradiou para todo Brasil.

Evoluir, apontar caminhos.

Nos desafiamos, nos arriscamos, e sempre nos colocamos em terrenos desconhecidos, por isso sempre Novos.

Fazemos e vivemos a nossa transposição.

pbCom Alma para se reinventar constantemente em direção ao futuro que queremos, o SPFW se lança a partir desta edição ao desafio de ocupar novos territórios em São Paulo, Vila Leopoldina - espaço ARCA, novo eixo de fomento à inovação, tecnologia, transformação e economia criativa, ressignificando o espaço principal do evento.

Este é o momento de somar ainda mais com um movimento de transformação de uma cidade que, assim como o SPFW, não para de se reinventar. Juntos promoveremos novas formas de conexões, novas centralidades. Novas relações, novas economias, mais humanas, mais afetivas.

Estar aberto à mudança liberta medos, rompe bloqueios e ilumina o desejo. Uma edição para atender a um chamado da Alma.

Paulo Borges

da redação do WF  fontes: MktMix   / IMM esporte e entretenimentos  fotos e imagens: divulgação