VICUNHA na 43ª Casa de Criadores

worldfashion • 20/07/18, 15:21

logoA Vicunha Textil, líder mundial na produção de índigos e brins, está sempre antenada com o que há de mais inovador no setor, trazendo a mais alta qualidade e tecnologia às suas coleções. Baseados em constantes pesquisas que apontam as principais tendências de moda e comportamento no mundo, os índigos e brins Vicunha visam não apenas atender à demanda, mas surpreender um mercado em constante transformação.

casa_de_criadores_logo_20_anosA Casa de Criadores, com mais de duas décadas de história, chega a sua 43ª edição com propostas inovadoras, mas sempre mantendo seu principal objetivo: projetar novos nomes no mercado brasileiro. Presente há mais de dez anos na iniciativa, a Vicunha se destaca com apoio a estilistas do line-up, reforçando a conexão com o universo da moda por meio de sua expertise em tecidos. Nesta temporada, que acontece de 23 a 27 de julho no MAC-USP, mais de dez designers sobem à passarela do evento com looks desenvolvidos em parceria com a gigante têxtil.

O desfile do movimento Sou de Algodão, da qual a empresa faz parte, abre o evento no dia 23, com uma apresentação assinadas por criadores diversos. Lançado em 2016 pela Abrapa (Associação Brasileira dos Produtores de Algodão), o movimento conta com cerca de 30 parceiros unidos pelo desejo de aumentar a demanda pelo algodão, através da conscientização do consumidor.

alex-cazuo_croqui-copiaAlex partiu da ideia de vestidos de gala descontruídos, elaborados com tecidos pouco convencionais. O resultado é um vestido longo preto com corset, handmade, quase todo de algodão – com exceção da linha poliéster da costura e as barbatanas do corset. “O algodão é uma das fibras orgânicas mais versáteis e sustentáveis que temos, por isso é muito importante valorizarmos o seu uso. O Movimento faz isso promovendo a interlocução e unindo os principais agentes da cadeia produtiva”, conta Alex.

daura-lucas-menezes_croqui2-copiaNo mesmo dia, Vicunha segue no line-up por meio das criações de Tom Martins, para Martins, Tom, e Lucas Menezes para D-aura. Inspirado pela leitura do primeiro volume de “Mil Platôs” e por um convite à inquietação, Lucas traduz essa proposta de transformação em uma modelagem plana com tecidos encorpados, mas formas fluidas e trabalhadas. Por meio de uma paleta neutra, túnicas, casacos e kaftans se destacam em um trabalho que prioriza viscose e algodão. A leveza dos produtos da Vicunha – Bari Plus II e Maui – dá o tom dessa composição, assim como a presença do Evian, um crepe 100% viscose e supermaleável.

another-place-1-copia1Rafael Nascimento abre o dia 24 com sua Another Place. O pernambucano traz os anseios da geração Z e um retrato das transformações que a internet propõe, em uma coleção agênero, com cartela de cores estrelada por amarelo e prateado. Entre os tecidos de destaque, o Tech é a escolha que garante sofisticação na cartela de cores e visual tecnológico.

felipe-fanaia-copia1A base também é destaque do desfile de Felipe Fanaia, no mesmo dia, com sua marca homônima. A coleção inspirada no movimento emo é repleta de cores primárias. A jaqueta com fitas reflexivas e o colete tie-dye são highlights, bem como o macacão laranja desenvolvido com o produto Vicunha.

rocio-canvas_-copiaDiego Malicheski encerra o dia com sua Rócio Canvas, em temporada inspirada no escultor Henry Moore. O plissado especial convive com sua estamparia exclusiva e criações em moulage. O tecido Evian surge novamente, garantindo conforto às peças.

Na quarta-feira, 25/07, a marca Ken-gá, da paulista Lívia Barros, faz sua grande estreia, com apoio da Vicunha. Sob o nome Tundra Tântrica, a coleção se inspira na força feminina. O macaqueer jeans é highlight da passarela, que traz neutros com aplicações de cristais e muito brilho. Os denims Lucy Baby Blue – com azul que confere visual fresh e retrô – e Missy Luminous – de tonalidade que garante um visual ousado e brilhante – são os produtos da Vicunha escolhidos para esse début.

diego-favaro-detalhe-do-bordado-em-tecido-tech-laranja-da-vicunha-copiaNa mesma data, Diego Fávaro comemora os 5 anos de sua marca e sua décima coleção. Assim, a temporada é batizada de Décima, inspirada em uma viagem de férias entre amigos. Diego cria com divertidos itens em referência a coletes salva-vidas e itens com bordados irreverentes. Aqui, o tecido Tech da Vicunha surge em laranja e amarelo, compondo a cartela principal do estilista.

No dia 26 de julho, Vicunha apoia três apresentações. Neriage, de Rafella Caniello, traz a coleção Phare 003, continuação de seu trabalho que tem o elemento água como inspiração. Superleve e fluida, a sarja Creta, da Vicunha, traz frescor a esse mood, graças à sua composição sofisticada de algodão, modal e linho.

isaac-silva-croqui-copiaA marca também entra em parceria com os desfiles de Caroline Funke e Isaac Silva. Neste, o baiano expõe o resultado de sua inspiração em Xica Manicongo, escrava e primeira travesti não-índia do Brasil, símbolo de luta e resistência. A coleção alterna entre o preto e o branco, em peças confeccionadas com Color Jeans Stretch, da Vicunha – sarja que, quando estonada, revela uma proposta jovem e contemporânea.

igor-dadona_-6-copiaO evento termina no dia 27 de julho, com line-up igualmente imperdível. Igor Dadona traz tecidos da Vicunha em uma coleção que questiona: como fugir do caos sem sair da cidade grande? O lifestyle skatista entra no conceito para falar de liberdade e outros códigos de conforto. Cores primárias convivem com trabalhos handmade de diversos artistas em parkas e jaquetas. Entre as apostas, Husky confere aspecto moderno com um toque de cor em detalhes da peça e Ariana se destaca por seu alto stretch e efeito leather sofisticado. Em mix de algodão, poliéster e elastano, garante flexibilidade e elegância.

heloisa-faria_croqui-copiaJá Heloísa Faria fala sobre voz e sororidade, abordando a união entre as mulheres e o eventual cansaço gerado pela luta por igualdade - por meio do trabalho da artista Linder e das formas de Sônia Delaunay. Tecidos de camisaria se destacam, como Luca, da Vicunha - brim 100% algodão com fios nobres penteados.

AGENDA CASA DE CRIADORES

7c573a87-a455-40aa-9365-24119d983ca027d38ee7d-daf8-4aff-b1e8-8244d6c95d5b11cb09aba-2c43-4ec3-adac-bf5b177ed7dc1d32b465b-353d-46ca-ab1e-cbe72a90ed851882e6173-987c-43cf-bfc2-41fd83f0039b1

da redação WF       fonte: Press Pass     imagens:divulgação

42ª edição, Casa de Criadores

worldfashion • 06/11/17, 15:22

casa_de_criadores_logo_20_anosandrc3a9-hidalgo-2O evento, idealizado por André Hidalgo, “A Casa de Criadores”, reconhecida por fomentar novos talentos e valorizar a criação autoral e genuína na moda brasileira, começa hoje 6 de novembro e vai até o dia 10 de novembro com novidades em sua programação, à celebração de seus 20 anos de história.

Pela primeira vez, haverá um circuito de Talks durante o evento com temas contemporâneos e relevantes como “O Mercado e Modelos Plus Size, Aceitação e Inclusão” e “Moda Consciente”, sob a ótica de nomes de peso das áreas de moda, música e cultura. Igi Ayedun, Renan Serrano e Flavia Durante, além da dupla Issa Paz e Sara Donato, são alguns dos participantes que irão expor suas ideias nos bate-papos.

A iniciativa faz parte do TNT Lab, projeto da TNT Energy Drinks, que está à frente desta programação em parceria com André Hidalgo.

Os encontros acontecerão no lounge da Casa de Criadores e serão abertos ao público, mas estão sujeitos a lotação do espaço.

Confira abaixo a programação

6 de novembro – segunda

Moda Consciente

Participantes:

Igi Ayedun (Mediadora)/ Renan Serrano/ Wolfgang Menke/ Mayra Sallie

7 de novembro – terça

Mercado e Modelos Plus Size, Aceitação e Inclusão

Participantes:Flavia Durante (Mediadora)/ Lais Roberta/ Issa Paz/ Sara Donato

8 de novembro – quarta

Transgêneros e a Moda

Participantes: Jonas Maria (Mediador)/ Neon Cunha/ Isaac Silva

9 de novembro – quinta

Casa dos Criadores, 20 Anos de Resistência

Participantes: Lorenzo Merlino/ Elizabeth Magalhães/ Eduardo Costa

10 de novembro – sexta

Como o Cenário Musical do Hip Hip e Rap

Influenciam a Moda Urbana + Celebração

Participantes: Maia Reis (Mediadora)/ Nayara Reis/ Marcus Vinicius dos Santos/ Aisha Fikula/ Stephani Mauricio

imagem-destacada12-1200x800_cline-up :

6 de novembro – segunda

Också

Diego Favaro

Felipe Fanaia

Fico por Der Metropol

Renata Buzzo

virgilio-couture7 de novembro – terça

Projeto Lab: D-Aura, ACRVO e Caroline Funke

Lui Iarocheski

Ben

Rober Dognani

26248 de novembro – quarta

Projeto Lab: Diego Gama, Rocio Canvas e Senplo

Weider Silveiro

Rafael Caetano

Another Place

gabriela-braga-casa-de-criadores9 de novembro – quinta

Isaac Silva

Hangar 33 por Rafael Varandas

Heloisa Faria

Martins.Tom

Cartel 011 por Cristian Resende

ffan_i16_0047-destacada10 de novembro – sexta

Karin Feller para Di Gaspi

Fernando Cozendey

Igor Dadona

Neriage

Brechó Replay

home-2Serviço

Data: 6 a 10 de novembro

Local: Praça das Artes - Avenida São João, 281 - São Paulo / SP

Horários:

18h às 20h30 (Lounge)

20h30 às 22h (Desfiles)

22h às 23h (Lounge)

nota-aovivo-tamanho-1Sobre Casa de Criadores

Maior evento lançador de novos estilistas da moda brasileira. Seguindo o calendário de lançamento de coleções (primavera/verão e outono/inverno) o evento acontece duas vezes por ano na cidade de São Paulo. Surgiu em maio de 1997, quando um grupo de jovens estilistas decidiu, em parceria com o jornalista André Hidalgo, promover um evento para lançar suas novas coleções.

rober-dognani-casa-de-criadores-verao-2014Desde o início o foco sempre foi a criação autoral genuína e a revelação de novos talentos que, a partir do evento, tivessem a oportunidade de impulsionar suas carreiras. Dessa iniciativa surgia um evento que se transformou, no decorrer de sua história, na principal e mais visível vitrine da criação da moda brasileira.

Centrado, inicialmente, num movimento nascido na cena underground paulistana que aliava moda, comportamento e música eletrônica, a Casa de Criadores ampliou seu universo e foi incorporando estilistas e criadores de outros estados brasileiros nos mais variados estágios de carreira.

tempestadeDesde então, a Casa de Criadores já lançou e/ou projetou nomes como Marcelo Sommer, Cavalera, Emicida, Ronaldo Fraga, André Lima, Karlla Girotto, Mário Queiroz, Lorenzo Merlino, Fábia Bercsek, Priscila Darolt, Cotton Project, Giselle Nasser, Samuel Cirnansck, Rita Wainer, Juliana Jabour, Icarius, Jeziel Moraes, Walério Araújo, João Pimenta e Gustavo Silvestre, entre várias outras marcas de expressão no cenário da moda nacional.

da redação do WORLD FASHION REVISTA     fonte:Index Assessoria    fotos: divulgação