Qualidade Total: janela para um mundo sustentável

worldfashion • 16/04/20, 14:55

Por Eleni Kronka

photo-2020-04-15-19-24-27-640x162A performance de um produto, de um serviço e de uma empresa, independentemente do segmento de atuação, pode estar diretamente relacionada ao grau de sustentabilidade dos processos de trabalho e produção. E hoje mais do que nunca.

Para abordar de uma forma muito mais abrangente as questões relacionadas à sustentabilidade e, por tabela, a qualidade dos processos de diversos setores da produção, a Intertek, gigante da área de Qualidade Total e Segurança de produtos, organizou um rico painel reunindo especialistas de diferentes áreas.

photo-2020-04-15-18-41-35A moda vista em panorama de 360º

O painel dedicado à moda trouxe três abordagens. Taísa Caires, da Fundação Espaço Eco, falou sobre Sustentabilidade na moda e processos para empresas eco-eficientes. Valesca Magalhães, da Riachuelo, e Renata Lúcio, da Intertek Brasil, abordaram O futuro do consumo na moda e o Varejo 4.0, com o lançamento do projeto Fab for Life. Já Marcelo Lobo, da C&A, trouxe para a discussão a questão da Gestão de Químicos na Cadeia Têxtil e suas ferramentas.

Ao tratar sobre as empresas eco-eficientes e seus processos produtivos, Taísa Caires mencionou mudanças e traços de amadurecimento no comportamento do consumidor contemporâneo. Segundo a executiva da Fundação Espaço Eco, uma pesquisa da Nielsen de 2019 ouviu mais de 21 mil pessoas em 8.240 domicílios. O estudo mostra que consumidores brasileiros estão mudando seus hábitos para reduzir o impacto sobre o meio ambiente (42%); estão atentos aos ingredientes que compõem os produtos (30%); não compram produtos de empresas que realizam testes em animais (58%), bem como não compram de empresas associadas ao trabalho escravo (65%).

tais-caires-da-fundacao-espaco-eco-e-renata-lucio-da-intertek-brasil1A Fundação Espaço Eco, vale lembrar, foi constituída pela Basf em 2005. A instituição atua como consultoria para sustentabilidade, desenvolvendo projetos customizados para organizações medirem e compreenderem impactos ambientais, sociais e econômicos de seus produtos e processos – com base no pensamento de Ciclo de Vida. Dentro dessa perspectiva, Taísa Caires ressaltou a importância de as empresas estarem atentas ao comportamento do consumidor, sobretudo o que diz e como age a geração Y.

“São pessoas que nasceram nos últimos anos da década de 1970 até o início da década de 1990”, assinala a executiva, frisando que o grupo representa um divisor de águas, uma mudança de comportamento marcante, “muito influenciada pelo contexto socioeconômico e cultural da época”.

img_2628-640x427-copiaA pesquisa da Fundação Espaço Eco destaca que a geração Y é a primeira a ter contato mais direto com a tecnologia, pois ela nasce pouco depois da criação da internet, que começou a dar os seus primeiros passos em 1969. “A geração Y compõe a maior geração viva no momento e em breve também constituirá a maior geração de gastos”, assinala a executiva, acrescentando que são pessoas muito atentas às práticas sustentáveis. Em contrapartida, “não costumam ser leais a marcas específicas, mas são ferozmente fieis a produtos que atendem à sua equação de valores”, sempre ligados à sustentabilidade, vale dizer.

Este é, aliás, um bom motivo para valorizar processos que, dentro da indústria da moda, visam à otimização do uso de insumos. Como é o caso do jeans. Nesse momento, nas consultorias que realiza, a instituição entra com a metodologia capaz de “medir” e quantificar resultados no processo de produção, indicando caminhos mais eficazes.

ai-estao-as-tres-palestrantes-boas-tais-caires-fund-espaco-eco-valesca-magalhaes-riachuelo-e-renata-lucio-intertek-brasil-640x427-640x4271“Primeiramente, lançamos o olhar sobre todo o ciclo de vida do produto, a partir do conceito dos 3P (pessoas, produtos, processos), para então iniciar uma análise mais focada”, observa. A proposta é considerar os impactos possíveis (ambiental, econômico, social). Isto é, desde a extração de recursos naturais, passando pela fabricação, armazenamento e uso, até a última destinação do produto – aterro sanitário, lixão, incineração, ou reciclagem e reuso.

A partir daí, é possível se chegar, por meio de estudos abrangentes, ao desenho de processos que contemplem: consumo de água e de energia, uso da terra e de recursos naturais, formação fotoquímica de ozônio; nível tóxico e potencial aquecimento global. Tudo visando à redução de efeitos negativos nos processos produtivos.

Moda, varejo e futuro

img_2650-1-640x427-copiaRenata Lúcio, líder de Negócios no segmento Softlines da Intertek no Brasil, apontou aspectos cruciais para marcas e empresas varejistas no atual panorama de mercado. A executiva destaca quatro pontos, para os quais a própria Intertek está focada em seu trabalho de consultoria para o têxtil.

O primeiro deles é a redução de riscos e proteção da marca. “Empresários do setor devem minimizar e evitar riscos financeiros, operacionais e ambientais envolvidos com suas atividades, protegendo-se de reclamações e recalls”, assinala.

Outra meta é atender aos requisitos de conformidade. “Regulamentações e restrições tornam-se cada vez mais rigorosas e impõem-se em negociação, tanto em mercados maduros como em mercados novos”.

marcelo-lobo-da-c-a-640x4271O terceiro desafio diz respeito à diferenciação do produto. Segundo Renata Lúcio, a Intertek esmera-se em oferecer conhecimento, visando à geração de insights e à inovação para que as empresas tenham êxito, abram novos mercados e agreguem valor extra aos produtos.

Por fim, a Intertek oferece ferramentas e orientações visando à facilitação da expansão global. “A proposta é ter resposta mais rápida a novos mercados, mantendo produtos de alta qualidade em todo o mundo, atendendo à versátil indústria da moda”.

A consultoria da Intertek Brasil às empresas do setor têxtil e da confecção, tal como nos demais países onde a empresa está presente, se dá por meio de inúmeros serviços: Assurance (Sistemas de Gestão, Benchmarking, Sustentabilidade e Meio Ambiente, entre outros), Testes (encolhimento, solidez de cor, testes regulatórios, etc.), Inspeção (durante o processo; de matérias primas; verificação de quantidades; revisão da etiqueta do produto, etc.) e Certificação (CPSIA; desenvolvimento de esquemas de certificação; programas de auto certificação; High Performance Mark para roupas esportivas).

Sustentabilidade versus consumo

img_2626-640x427Já a abordagem de Valesca Magalhães, executiva da Riachuelo, recai sobre a relação existente entre as vendas de vestuário e o número aproximado de vezes que cada peça é efetivamente usada, antes de chegar ao seu fim.

Segundo dados levantado a partir de estudos da Euromonitor e Banco Mundial, as vendas de artigos de vestuário dobraram no mundo entre 2000 e 2015. Esse crescimento supera o próprio crescimento do PIB dos países.

Enquanto a produção de roupas e as vendas vão em ritmo acelerado, cai vertiginosamente o número de vezes que as peças são de fato usadas. Isso mostra que, na dinâmica do fast fashion, as roupas são rapidamente descartadas para dar lugar a lançamentos constantes.

Nessa perspectiva, a executiva da Riachuelo destaca que a companhia tem implementado ações visando à produção e venda racionais. Dentro do plano de atuação estratégica, a empresa elegeu quatro grandes eixos de trabalho: Cadeia limpa e transparente, Eficiência de recursos e gestão de resíduos, Produtos mais sustentáveis e Investimentos Sociais.

A sustentabilidade, propriamente, se concretiza nos seguintes pontos: Economia de recursos e matéria-prima; Melhoria na reputação da marca; Parceria com fornecedores responsáveis; Durabilidade e reciclagem e Utilização de materiais com menor impacto ambiental.

photo-2020-04-15-19-24-28-180x180photo-2020-04-15-19-24-27-2Para chegar a produtos mais sustentáveis, Renata Lúcio e Valesca Magalhães mencionam a proposta da Moda que Transforma, considerando, sob o aspecto dos Atributos Sociais, a qualidade e sustentabilidade dos fornecedores, tanto de matérias-primas quanto de artigos confeccionados.

Já sob a óptica dos Atributos Ambientais, a proposta sugere atenção aos quesitos: matéria-prima sustentável, menor consumo de água e energia de fontes renováveis.

“Trata-se de uma abordagem holística sobre o ciclo de vida dos produtos, que contempla testes das fibras, dos tecido e das etapas produtivas”, afirmam as palestrantes, completando que o processo inclui a detecção de possíveis falhas químicas em estágios mais avançados, bem como a “identificação de riscos com testes de substâncias restritas no início do processo”.

Imagens: fotos/divulgação

Mega Fashion Week

worldfashion • 06/03/20, 15:35

fachada-mega-polo-moda-2-547x640O mais tradicional evento do calendário de moda atacadista chega à sua 28ª edição onde apresentará as tendências para Outono/Inverno 2020 das mais de 300 marcas do empreendimento. Será nos dias 9 e 10 de março no Mega Polo Moda no Brás em São Paulo.

A partir dessa edição, o shopping traz uma nova forma de apresentar os produtos, antes sendo através de desfiles, agora investindo em um formato mais moderno e digital inspirado em exposições. O mall, ambientado no tema invernal, recebe um iglu de 6 metros de altura no centro da Ala Polo que reunirá as principais tendências da moda da próxima estação por meio de expositores com telas multimídia, iluminação e decoração especial, além de espaços com uma temática lúdica para fotos.

mega_polo_moda_i5_10f0954ece250949b24dda27672363c8O novo formato de evento que foi idealizado pela equipe Pazetto Events, responsáveis por eventos de empresas como Adriana Degreas, Colcci, Fiera di Milano, Lacoste, Le Lis Blanc e Minas Trend Preview, teve inspiração em galerias de arte.

O evento também contará com talks de grandes nomes do cenário nacional em Gestão e Negócios como Tallis Gomes, fundador da Easy Taxi, Bruno Nardon, co-fundador da Rappi Brasil e Carlos Ferreirinha, consultor por trás de trabalhos com marcas como Louis Vuitton e do grupo LVMH da América Latina para falar de negócios, marketing, varejo e moda. Os clientes e visitantes do evento terão conteúdo qualificado e inspirador para a gestão de seus negócios.

juliana-gama-640x480“Em todos esses anos aprendemos que nossos clientes buscam tendências, mas também muita informação, interação e atualização. O Mega Polo Moda está sempre à frente no mercado e traz um novo formato, onde nossas coleções serão vistas sim, mas em um contexto de exposição e modernidade”, conta Juliana Gama, (foto à esquerda), superintendente do shopping.

Estarão expostas também, a coleção e as novidades das 30 marcas vencedoras do Startup Fashion, um projeto de inovação do Mega Polo Moda., e essa será a primeira vez que as startups serão divulgadas para o público como pertencentes ao shopping.

O Mega Polo Moda abre suas portas para um renovado Mega Fashion Week das 7h às 17h nos dois dias e a entrada é gratuita.

foto-de-campanha-mega-fashion-week-28c2aa-edicao-427x640Sobre o Mega Polo Moda

Inaugurado em 2005, o mall é o primeiro a trazer sofisticação para o bairro do Brás, com mais de 80 mil m² de conforto e segurança. Sua importância no setor da moda e vestuário é reconhecida por todo o país, reinventado no Brasil o conceito de compra em atacado.

Localizado no maior centro atacadista de moda do Brasil e da América Latina, oferece aos lojistas e revendedores, uma seleção completa e diversificada de moda, antecipando as novidades de cada temporada.

O empreendimento é mais que um shopping atacadista, é uma plataforma colaborativa de negócios da moda, pensada para dividir todo seu conhecimento e curadoria com seus clientes.

Pensando no conforto e na comodidade de seus clientes, o shopping conta com mais de 400 lojas, serviços de terminal rodoviário, praça de alimentação, além de um hotel completo e integrado ao shopping.

da redação com Informações da  MktMix   imagens: fotos/divulgação  foto da Juliana Gama do acervo da WORLD FASHION

2ª edição da campanha NOVO BRÁS

worldfashion • 26/02/20, 12:03

12As coleções de 40 fabricantes/atacadistas, serão mostradas na campanha do NOVO BRÁS, que está criando uma identidade para o pólo atacadista de moda, apresenta ao mercado looks inspiracionais, fashion e de qualidade.

Serão nos dias 17, 18 e 19 de março na Rua Xavantes 719 - Brás, na capital paulista,  evento que destacará o tema “Movimento”, para representar a moda - que não para e está sempre se reinventando.

A primeira edição do evento, foi realizada em setembro de 2019, o NOVO BRÁS - é uma mega campanha focada em criar e consolidar uma nova identidade para a região posicionada como o maior pólo de distribuição de pronta entrega de confecções do Brasil — e se consolidando. O evento agrega ainda maior valor ao pólo do Brás, que é uma grande fonte de turismo e de economia.

21Nesta segunda edição do evento já confirmaram a presença as seguintes marcas:

Black Jeans, Brunfer, Cambos Jeans, City Denim 86, Consciência Jeans, Copen/Danger Jeans, Crocker Jeans, Diálogo Jeans, Ecxo Jeans, Folky Jeans, Gangster, Jezzian Jeans, Jimy Jeans, K2B Jeans, Keams Jeans, Lemier Collection, Lemier Premium, Local Jeans & Fashion, Mark Wave, Mokkaï Jeans, Murano Jeans, Naraka Jeans, Nicoboco, Razon Jeans, Recruta QG, Resumo, Revanche Jeans, RikWil, Rock & Soda, Sawary Jeans, Shyro’s, Sol Jeans, The Style Box, Tear, Totanka, Tripé Jeans, Valente Jeans e Zune Jeans.

Uma das principais novidades da próxima edição do NOVO BRÁS são os Corners para Vendas, nos quais as marcas participantes vão oferecer aos convidados a oportunidade de uma venda programada, direcionando-os para a pronta-entrega.

O evento tem os patrocínios de  Canatiba, Cedro Têxtil, Covolan, Icla, Jolitex Denim, LYCRA®, Nicoletti Têxtil, Pag Seguro, Santana Textiles, Santanense, Santista, Tear Têxtil, Tecnoblu, Tecnojeans Lavanderia e Vicunha Têxtil, e conta com o apoio do vereador Ricardo Nunes.

31A idealização e direção do evento é de Robi Spatti e Augusto Rezende, sócios da GFT - Glam Fashion Team, dois conceituados profissionais ligados ao setor atacadista de moda. Robi Spatti afirma: “A primeira edição do evento superou as expectativas de todos. Vamos manter o objetivo principal — criar e consolidar uma nova identidade para o polo - e manter seu formato original, aprimorando tudo o que sempre pode ser melhorado — por isso o tema “Movimento” - acrescentando especialmente ações para aumentar ainda mais o contato dos fabricantes com os lojistas e convidados”.

da redação com informações da Persona Consultoria de Comunicação  imagens: foto divulgação de Spartacus Breches

SPFW faz 25 anos!

worldfashion • 17/02/20, 16:09

O evento vai ocupar São Paulo, com exposições, mostras, conferências, instalações, intervenções, shows e festas que terão a moda como conector. E os convidados: grandes mentes do mundo, profissionais das áreas criativas, corporativas e educacionais e oferecer, além dos desfiles, conteúdos que traduzem a inovação, empreendedorismo, diversidade, tecnologia e sustentabilidade.

Pela primeira vez, o São Paulo Fashion Week realizará eventos de abril a dezembro, será um grande festival que celebra a criatividade. Espere pelo inesperado e descubra mais detalhes das transformações que planejamentos contadas diretamente pelo Paulo Borges, em um vídeo no YouTube, que transcrevemos aqui:

2” O começo de uma década nova, acabou o oito, dezoito, dezenove e estamos no cinte 2020.São vinte e cinco anos de São Paulo Fashion Week, e quando começou o São Paulo Fashion Week, não tinha internet, a gente tem que lembrar isso. Não tinha internet, mal tinha celular, não tenha rede social, e as pessoas perguntavam muito: para que serve o São Paulo Fashion Week?”.  Paulo Borges: “Eu dizia que é um projeto de longo prazo. É um projeto de estruturação cultural, comportamental, que leva trinta anos. A gente sempre faz uma edição diferente da outra, a gente sempre faz uma edição já pensando no futuro” e Paulo continua “O São Paulo Fashion Week nasceu para ser uma plataforma de criatividade e dar protagonismo ao mercado brasileiro. A gente quer sim pisar em lugares que não foram pisados. O futuro é uma expansão e um resultado desses vinte e cinco anos passados. “Nesses dois últimos anos o São Paulo Fashion Week se associou a IMM, A IMM hoje é sócia do São Paulo Fashion Week e compartilha nesses dezoito meses, desse processo de transformação e de evolução que a gente está trazendo. O São Paulo Fashion Week + um festival de criatividade que vai ocupar a cidade de São Paulo durante o ano de 2020. Onde você poderá participar. Um festival do centro a periferia e vice-versa. Democrático, inclusivo, criativo, diverso. Com desfiles, com palestras, com talks, com exposições, com intervenções, celebrando a criatividade.”  completa Paulo Borges.

Ele comunica com orgulho enorme, que o curador deste ano 2020, será o Marcello Dantas 3(ele é um reconhecido designer e curador de exposições e de diretor de documentários desde 1986. Formado em Cinema e Televisão pelo New York University e pós graduado em Telecomunicação Interativas pela mesma universidade. Estudou História de Arte e Teoria de Cinema em Florença na Itália e Relações Internacionais e Diplomacia em Brasília. Com curriculum que incluem várias premiações. Atua em diversas áreas com atividades multidisciplinares.)  “Uma pessoa de pensamento profundo estratégico e contemporâneo, a gente vai falar da importância e do papel de uma semana de moda para um processo criativo, mas que não pode mais estar fixo entre duas semanas num ano. Como você faz para q eu de uma temporada a outra, esses processos fiquem interligados e fiquem comunicados, coloca Paulo Borges, e continua “O Festival São Paulo Fashion Week + começa em Abril e teremos a edição 49 com desfiles de 24 a 28 de Abril começando a temporada. E o ponto de partida de um ano de ações, intervenções e manifestações criativas, que terá uma ligação entre uma temporada e a outra temporada.

“Nesta edição, neste momento o São Paulo Fashion Week, se espalha pela cidade. A gente vai ter uma conferência internacional, dando o ponto de partida para discussão que será o ano todo. A edição 50 do São Paulo Fashion Week, vai acontecer de 16 a 20 de Outubro e a gente já está preparando e aí junto com o Marcello Dantas, cinco grandes encontros, cinco grandes manifestações e ocupações na cidade de São Paulo, que serão feitas tendo um estilista com cinco outros artistas pensadores de áreas diversas: gastronomia, arquitetura, dança, neurociência, artes visuais, música. Esse encontro entre o estilista e um artista vai ser provocado para essa discussão, para esse processo de criação, que será acompanhado por vocês em encontros criativos que acontecerão em maio, junho, julho, agosto e setembro e apresentado em outubro de 16 a 20.  Nós teremos desfiles, teremos seminários de econômica criativa com palestrantes nacionais e internacionais durante 3 dias, teremos exposições, teremos área de convivência, vários desfiles espalhados pela cidade. Entre as temporadas, o São Paulo Fashion Week, se abre enquanto festival para o projeto “MANIFESTE SUA CRIATIVIDADE” é a possibilidade efetiva da participação de todos. Você poderá inscrever uma ideia, um projeto seu e a gente vai estar trazendo todos esses protagonistas para dentro da discussão que é tão colaborativa e tão importante. Essa é a nossa agenda de 2020, que começa em abril e vai até outubro e continua em novembro e dezembro ainda com a manifestação de criatividades e projetos encerrando um ano de discussão intensa” Paulo Borges ainda propõe “Eu quero que você participe, que você se inscreva, que você traga uma ideia, um projeto, que você adquira um ingresso” “Celebre conosco esses vinte e cinco anos de criatividade com o São Paulo Fashion Week, a gente está pensando coisas, a gente está vendo coisas. Então o que a gente faz? Se paralisa ou se joga? pergunta Paulo e em seguida ele responde “Eu me jogo” “E essa conversa é pra isso é pra isso, é pra chamar você, pra se jogar comigo” conclui Paulo Borges

AGENDA
SPFW N49 - 24 a 28 de abril
SPFW N50 - 16 a 20 de outubro

da redação com informações da  MktMix Assessoria de Comunicação  imagens: fotos/divulgação

janeiro 2020 - INSPIRAMAIS E FENIN

worldfashion • 20/12/19, 01:43

INSPIRAMAIS 2020

32A 20 ª edição do Inspiramais, único salão de inovação em criação, design e tecnologia,envolvendo indústrias dos setores calçadista, moveleiro, confecção, acessórios e bijuterias, e engloba integralmente o mercado de design e de moda do Brasil, da América Latina e de países da Europa, será realizado em janeiro, nos dias 14 e 15, celebrando 10 anos de estímulo à unificação de linguagem e metodologia de construção da moda nacional. A entrada para o Inspiramais é gratuita para profissionais do setor e ocorrerá no Centro de Eventos Pró Magno, em São Paulo.

Sustentabilidade será o mote principal da temporada, que traz Sincronia como palavra-chave – tema que discute a conectividade entre os vários aspectos da moda.

10687494_742028499220318_4852198643438505856_o-640x640A grade das palestras apresenta assuntos pertinentes a todo o mercado, como por exemplo, responsabilidade e compromisso como tendência global, design sustentável e diferencial competitivo, resgate de técnicas ancestrais com apelo sustentável e novos materiais, patrimônio imaterial e a jornada das startups sustentáveis, entre outros.

Destaque também para os debates que enfocam a legislação como aliada ao posicionamento empresarial de empresas inovadoras, como as tecnologias imersivas impactam o custo da sustentabilidade nas indústrias têxtil e calçadista e a gestão da escassez co m novas tecnologias e co-criação.Para encerrar, haverá uma conferência com o americano Phil Pallen, abordando a ética dos negócios nas redes sociais.

61

Confira a programação parcial já confirmada:

Terça-feira,14/01

9h30min

Encontro Conexão Inspiramais 2021_I

Walter Rodrigues - Coordenador do Núcleo de Design do Inspiramais

13h - 13h45min

Encontro Conexão Inspiramais 2021_I

Marnei Carminatti, Consultor do Núcleo de Design do Inspiramais

5313h15min - 13h45min

Diálogos sustentáveis: ativismo digital e o papel dos influencers - Palestrantes Carol Garcia Fundadora da Shopping Nomads e Jorge Grimberg ( Jornalista e Consultor Criativo ): escritor e consultor estratégico de negócios para as indústrias de moda, beleza e lifestyle. Com 15 anos de carreira, atuou como diretor para a América Latina do portal de pesquisa de tendências WGSN. É correspondente no Brasil das publicações internacionais Business of Fashion , Vogue Runway e CNN Style . Como consultor, desenvolveu uma metodologia de trabalho baseada em estratégia e planejamento de inovação para marcas.

14h45min - 15h15min

Materiais sustentáveis e design “one of a kind” - Palestrante Waldick Jatobá (Empresa MADE): Antes de comandar a feira Made – Mercado, Arte, Design, a qual fundou, foi diretor-geral do escritório de um banco português em São Paulo. Quando a instituição fechou as portas, o economista baiano resolveu abraçar uma paixão antiga: o design. Da convivência com os amigos designers Humberto e Fernando, os célebres irmãos Campana, e da observação do cenário brasileiro veio a ideia do salão Design São Paulo, realizado em 2011 e que dois anos mais tarde se desdobrou na primeira edição da Made.

1215h30 às 15h50

Ancestralidade e tingimento natural: índigo brasileiro - Palestrante Kiri Miyazaki (Empresa Miyazaki Índigo): A extração do azul do índigo japonês é um longo caminho a percorrer. Da germinação à extração do pigmento azul são necessários 365 dias. Primeiro, as sementes são semeadas e colocadas em uma estufa, por 30 dias. São transplantadas para o solo e lá ficam por mais quatro meses. São colhidas secas e entram em um processo de fermentação por mais 120 dias. O preparo da tinta de tingimento pode levar mais 30 dias. E só depois desse longo processo que o azul surge. Kiri Miyazaki resgatou esse processo e deu início à plantação de índigo brasileiro, consagrando-se como expert em tingimento natural.

15h50 às 16h40

Debate Legislação como aliada ao posicionamento empresarial de empresas inovadoras:Propriedade intelectual e certificação com Thays Leite Toschi, Presidente da Comissão de Direito da Moda da OAB SP e Eloisa Artuso, Diretora Educacional do Movimento Fashion Revolution Brasil.

4116h40 às 17h50

Conferência Gestão, inovação e sustentabilidade - Palestrante Rafael Weber (Empresa W/Africa – StartSe): Empreendedor.

Quarta, 15/01

9h30min

Encontro Conexão Inspiramais 2020_II

Walter Rodrigues, Coordenador do Núcleo de Design do Inspiramais

14h - 14h45min

Debate: Como as Tecnologias Imersivas Impactam o Custo da Sustentabilidade na Indústria Têxtil e Calçadista com Leticia Acciarito, 3D Fashion designer na SENSE Immaterial Reality, Aline Rocha, Head de Marketing e Vendas na América Latina e Amanda Gouveia, Head de Estratégia e Desenvolvimento de Negócios do aplicativo AUGmentecture Inc.

2114h

Palestra Preview do Couro 2021_II com Marnei Carminatte e Ramon Soares, Consultores do Núcleo de Design do Inspiramais”

15h às 15h30

Debate Gestão da escassez com novas tecnologias e co-criação - Novos modelos de negócios com manufatura aditiva e cocriação - Palestrante Beatriz Barbosa Azevedo (Empresa WeMe3D): Fundadora da WeMe3D, uma startup de acessórios em manufatura aditiva para corpo e casa, que surgiu da preocupação socioambiental com o intuito de promover a economia compartilhada.

Experiências imersivas em storytelling de produto com tags digitais

Gustavo Balducci (Empresa IMEX Lab BA ): Designer e artista visual multimeios focado na produção e no desenvolvimento de projetos tecnológicos, produzidos para mídias como GQ Magazine, Elle e Capricho.

10697181_748260708597097_3703115899159654704_o-640x426115h45 às 16h15

Pegadas responsáveis na América Latina: Piñatex e outros efeitos da economia circular - Palestrantes Eva Medalla (Empresas: Capita Uruguay, Calmoslow): auruguaia é storyteller e brand therapist, consagrou-se como a estrategista por trás de marcas sustentáveis de moda nos âmbitos têxtil e calçadista, entre elas Capita Uruguay e Calmoslow, reforçando o país como elemento de posicionamento em mercados globais; e Fernanda Borges(Kasulo Sapatos Veganos): proprietária e fundadora da marca vegana Kasulo, a primeira a utilizar Piñatex no Brasil.

16h30min - 17h

ReFARM: Novos Modelos de Negócio para a Circularidade - Pedro Horta, Coordenador de Sustentabilidade do Grupo Soma

encontro6-696x59717h15min - 17h45min

Influenciadores Digitais e Impacto Social: A Ética dos Negócios em Rede - Palestrante Phil Pallen (Fundador da Phil Pallen Personal Branding): responsável por construir, gerenciar e posicionar influenciadores digitais e marcas líderes em setores tão distintos quanto os de moda, empreendedorismo, política e entretenimento, o americano é uma das grandes vozes mundiais quando o assunto é comunicação responsável e compromisso autêntico em plataformas 360.


FENIN

_-c2a9moisesmoraes-20130616-0056-okDe 12 a 14 de Janeiro de 2020, no Centro de Eventos Pro Magno se realiza, mais uma vez, a “5a edição da FENIN INVERNO SÃO PAULO”. E de 28 a 31 de Janeiro de 2020 no  SERRA PARK  em GramadoS, será a realização da 24ª FENIN Outono/Inverno RS, são  feiras de negócios para lojistas e compradores de várias regiões do país.

São promovida pela FENIN FEIRAS, do Grupo EXPOVEST Eventos e Participações.

Em São Paulo estão confirmados os seguintes expositores - ARROW, BALBOA, BLACKJEANS, BLUEBAY, CALIFORNIA SURF, CROCKER JEANS, DIXIE JEANS, FATAL, FITWELL, GANGSTER, GIORGIO BIANCO, GRUPO EIXO, HANSEZ, HEMINGWAY, KLA, MISS YES, MOCHINE, MOSAICO, ORACON, OVERCORE, QUEENS, PACIFIC BLUE, SAFIRA, SAIL VOYAGE, THE STYLE BOX, TROPICAL BRASIL, VLC, VICTORY EAGLE, YATCH MASTER, ZAFFERANO, entre outras.

banner-vertical-inova-fenin01Em Gramado, segundo Julio Viana, diretor da EXPOVEST: “na edição de 2020 estaremos reunindo, mais uma vez, importantes indústrias de confecção de todos os segmentos da moda nacional: moda feminina, moda masculina, infanto-juvenil. Vale destacar a forte presença de confecções de jeanswear e malharias: retilínea e circular. E preparem-se que teremos muitas novidades.”

i.nova FENIN.- será um movimento de renovação da feira trazendo o que há de mais atual no mercado em termos de tecnologia para a indústria e varejo. Plugado em serviços das principais startups que estão dando certo no mercado, esse novo conceito vem para agregar mais dinamismo aos novos eventos.

Uma ilha de inovação e tecnologia da feira faz parte do movimento i.nova FENIN, iniciativa da organização da feira que vem oferecer mais e melhores atrações na programação do evento, cobrindo todo o período da feira. A grande novidade serão as 20 startups selecionadas que estarão expondo suas soluções em produtos/serviços focados no varejo e na indústria, direcionadas para toda a cadeia têxtil produtiva, unindo todo o setor, de ponta a ponta, e com o apoio do SINDILOJAS do Rio Grande do Sul.

Além do Polo de Inovação e Tecnologia, com seu espaço exclusivo de divulgação para geração de relacionamentos e negócios, a próxima edição em Gramado também terá Palestras e um Desfile com as principais marcas expositoras.

instagram-post-fenin-68No dia 29 de Janeiro as 17 horas o palestrante será Carlos Ferreirinha um dos principaia formadores de opinião sobre negócio e gestão do luxo e premium da América Latina. Com mais de 25 anos de gerenciamento de operações, desenvolvimento de negócios, marketing, comunicação e inteligência estratégica de negócios. Ferreirinha foi CEO Brasil e Diretor para América Latina da Louis Vuitton – Grupo LVMH. Em 2001 fundou a MCF Consultoria, que traduz a inteligência da gestão do luxo, através de consultoria, orientação estratégica, treinamento e capacitação, atuando em todo o mercado brasileiro, América Latina, além de países da Europa, principalmente Portugal e África. Eneste mesmo período foi colunista especial da WORLD FASHION REVISTA. Atualmente Carlos Ferreirinha também é líder da ABRAEL – Associação Brasileira das Marcas de Luxo (internacionais e nacionais). Colunista da revista Expressions da AMEX há 10 anos e colunista convidado das principais revistas de luxo brasileiras e internacionais. Em 2013, fundou em sociedade a BENTO STORE que já foi reconhecida entre as melhores inovações de varejo do mundo pela revista americana design retail na lista anual “The Innovators”. BENTO STORE é parte da consultoria estratégica da MCF.

da redação com Informações INSPIRAMAIS  Agencia Capsula e FENIN Solange Motta Comunicações  com imagens fotos divulgação

HAVAIANAS

worldfashion • 12/12/19, 21:53

21062019_img_5784_fotopedromonteiroA Havaianas, a marca de sandálias mais querida do mundo, apresenta mais uma grande novidade será a patrocinadora global do World Surf League. Além da parceria, para oferecer uma experiência única e divertida para os amantes desse lifestyle e surfistas profissionais, as legítimas também estarão presentes em 6 etapas oficiais sendo 4 do Championship World Tour, 1 do Challenger Series e 1 do circuito de Long Board.

Para celebrar a parceria, neste final de semana, sabado 14 e domingo15 de dezembro, Havaianas estará presente na WSL Zone, espaço criado pela liga de surfe que irá transmitir as finais da temporada 2019 da WSL, que acontecem no Havaí até o dia 20 de dezembro.

6y2mwi2m0ojci5sbvnmlu9waonxymrgby92da92a1lnowezn0edo5eznxotz1gtozujywadn2mmm3qdoknwmkvtyldjy0mgoirjz0ykmlqjz0ykmlcjn4ykmlejnwmtmf1snx0yxt92yuihct1sagjtjgjtjbntjwrhdopjmO amor dos surfistas pela marca é de longa data. Você sabia que foram os surfistas que, em 1994 viravam a sola das sandálias Havaianas para ficarem de uma cor só? Pois então, as sandálias “que todo mundo usa” já estavam nos pés dos surfistas e de quem gosta do esporte desde sempre. Neste ano, em junho, a marca patrocinou a etapa brasileira do Circuito Mundial, e realizou a ativação mais comentada da praia de Itaúna: a primeira loja subaquática do mundo. Com o sucesso da parceria, Havaianas será uma das primeiras empresas brasileiras a ter contrato desse porte com a World Surf League.

21062019_img_5786_fotopedromonteiro“Temos uma relação natural e genuína com surfistas do mundo todo há muitos anos, e o surfe representa muito do estilo de vida que nossa marca celebra. Vemos a plataforma Havaianas & WSL como uma parceria de longo prazo, onde vamos criar experiências incríveis para os amantes desse lifestyle tão único” — comentou Fernanda Romano, CMO do Grupo Alpargatas.

Com o patrocínio, Havaianas espera ampliar sua relevância internacional e estar cada vez mais presente na cabeça dos amantes do universo do surfe. Para a temporada 2020 do Circuito Mundial, a marca terá presença na etapa inicial, em Gold Coast, na Austrália, em Saquarema, no Brasil, no Surf Ranch em Lemoore California e em Peniche, em Portugal. Mas não será somente na principal competição de surfe do mundo que Havaianas estará presente. Estão previstos os patrocínios à etapa do Challenger Series, qualificatória para o Circuito Mundial, na Espanha, e também à New York Longboard Classic.

havaianas-wsl-brasil-07-fotopedromonteiroCom um contrato de dois anos firmado com a gigante brasileira, a WSL se tornou um fio condutor para estratégias internacionais de marketing e espera fortalecer ainda mais os laços com o Brasil.

“Dar as boas-vindas à Havaianas como parceira da WSL no Brasil e no mundo é uma incrível indicação de quão popular é o surfe na região e de quão significativa é essa região para o esporte”, disse Ivan Martinho, GM da América Latina. “Estamos muito empolgados em fazer parceria com uma marca que é tão bem-sucedida e tão brasileira; é realmente importante trabalharmos com marcas fortes, como a Havaianas, que são líderes em seu segmento “. — diz Ivan Martinho, General Manager da WSL na América Latina.

da redação com informações da Agência Lema imagens fotos divulgação de Pedro Monteiro

3ª edição do Brasil Eco Fashion Week

worldfashion • 11/11/19, 17:38

brasil-eco-fashion-week-palestras-2018-14O Brasil Eco Fashion Week nasceu em 2017 dentro de uma discussão entre amigos sobre os novos passos da indústria da moda, repensando em como destacar e visibilizar aquelas empresas que se comprometem com a produção de roupas e acessórios dentro de uma prática sustentável. Naquela primeira edição atraiu 3.000 pessoas e em 2018 atingiu 4.500 participantes durante os três dias.

brasil_eco_fashion_week_2018_desfiles_8brasil-eco-fashion-week-palestras-2018-7É um evento importantes da moda sustentável da América Latina, e acontecerá em São Paulo no espaço da Unibes Cultural, nos dias 16, 17 e 18 de novembro.

Durante estes 3 dias, palestras com conteúdo atualizado das tendências mundiais, atividades e oportunidades de negócios do setor Eco Fashion.

brasil_eco_fashion_week_2018_desfiles_29brasil-eco-fashion-week-palestras-2018-96A programação completa é de interesse para empreendedores, profissionais, estudantes e consumidores e tem como objetivo promover reflexões reais sobre a relação da indústria de moda com o meio ambiente e gerar visibilidade para as empresas que utilizam a moda como ferramenta de transformação e aportam ao consumo consciente.

Segundo o informe da United Nations Economic Commission for Europe (UNECE) a indústria da moda tem um alto impacto no desenvolvimento do planeta, sendo o segundo setor no mundo que mais utiliza a água como recurso de fabricação, cerca de 20% do gasto da água total no planeta. O informe afirma que a produção de uma camisa de algodão precisa de 2.700 litros de água, a quantidade que uma pessoa toma em mais de 2 anos.

Além disso, 10% da emissão global de CO2 é emitida pela indústria e, por isso, o Brasil Eco Fashion Week (BEFW) busca inspirar e mudar os hábitos de consumo com tendências como o slow Fashion e a escolha ética de marcas nacionais e estrangeiras nessa eco-revolução.

brasil_eco_fashion_week_2018_desfiles_21brasil-eco-fashion-week-palestras-2018-35O evento estará organizado em diferentes espaços que poderão ser visitados nos 3 dias. O primeiro é o espaço de desfiles onde as marcas selecionadas apresentam suas criações num espaço aberto e inclusivo. O espaço CONHECER, visa educar e abrir os conhecimentos sobre processos de transformação por meio de palestras, rodas de conversa, oficinas e workshop.

O espaço FORNECER apresenta fornecedores e serviços que oferecem soluções sustentáveis para a cadeia de fabricação da moda. O espaço CIRCULAR realizado em parceria com o Sebrae Nacional está focado na transição para uma economia aberta e circular, neste cenário se destacarão cases do mercado e rodadas de negócios para micro e pequenos empresários.

Já o espaço AMAZÔNIA está dedicado ao centro e bioma brasileiro. Neste espaço os participantes terão conteúdos sobre o Mercado Eco e a importância da preservação desta parte importante no planeta. A Castanhal vai patrocinar as oficinas que serão oferecidas pela Ecomaterioteca e apresenta, no Espaço Amazônia, aplicações inovadoras da juta - uma fibra 100% sustentável - em segmentos como moda, decoração e acessórios, entre outros.

Também o espaço de BELEZA conta com parceria do Slow Market Brasil/ Slow Market Beauty, uma feira de expositores voltada à beleza natural, orgânica, vegana e Cruelty free. Finalmente o espaço MERCADO ECO é o showroom principal com roupas e acessórios sustentáveis, além de ser um ponto de networking desta indústria no Brasil.

2

SERVIÇO:

Data: 16, 17 e 18 de novembro

Horário: das 10hrs às 22hrs

LOCAL: Unibes Cultural

Entrada: Gratuita

da redação com informações da LVBA Comunicação   imagens: fotos/divulgação

Focus Fashion Summit

worldfashion • 30/10/19, 11:06

focus-fashion-summit-2019Há quase 80 anos no ramo do desenvolvimento e comercialização de tecidos, a Focus Têxtil é líder no mercado e inova ao promover a conexão entre confeccionistas, estilistas, empreendedores, designers e estudantes da cadeia têxtil e de moda em um único ambiente. Os mais de 4 mil visitantes do Focus Fashion Summit, irão conferir em primeira mão a apresentação das principais tendências de Verão 2020/21, durante mais de 30 horas de conteúdo.

Serão nos dias 05 e 06 de novembro, a Bienal do Parque Ibirapuera, em São Paulo, será o palco do Focus Fashion Summit, um encontro inédito com diversos players da indústria têxtil e da moda brasileira, idealizado pela Focus Têxtil. O evento conta com uma programação gratuita de palestras, talks, workshops e desfiles, além de um marketplace em formato original, que inclui variados artigos e serviços do segmento.

O evento também contará com um hall de peças feitas em colaboração com a Amapô, Alexandre Herchcovitch e Casa de Criadores. Além disso, os participantes terão acesso a uma praça de alimentação exclusiva e um lounge assinado pelo IED SP, com mobiliário de upcycling produzido por estudantes e algumas peças que participaram do Design Week 2019.

alexandre-herchcovitch-estilistaandre-carvalhal-diretor-cocriativo-ahlma1O público visitante poderá participar de palestras e talks com diversos experts da moda nacional, como André Carvalhal, diretor criativo da Alhma, o estilista Alexandre Herchcovitch, Paulo Borges, idealizador da SPFW e Walter Rodrigues, coordenador do Núcleo de Design e Pesquisa do Inspiramais.

A programação também inclui nomes como Luiz Antônio Secco, consultor de varejo, Chiara Gadaleta, apresentadora e especialista em moda sustentável, Anay Zaffalon, head de produto da AMARO e Leo Picon, influenciador e empreendedor, entre outros palestrantes.

Bia Aidar, consultora de formas, Leonardo Hallal, diretor de produto, e Ellen Leite, gerente de pesquisa de tendências, integram o time Focus Têxtil. O objetivo principal é a troca de ideias e conhecimento, a partir de uma programação dedicada aos principais temas da moda atual.

paulo-borges-2019-spfwparticipantes-design-vision-2019-640x427Design Vision - Entre os desfiles que fazem parte da programação do evento, um dos destaques será o da 3ª edição do Design Vision, projeto do Instituto Focus Têxtil destinado a capacitação e orientação de estudantes de moda e arte de diversas localidades do Brasil, com mentoria de Walter Rodrigues e Renato Dib. Este ano, o programa recebeu mais de 120 inscrições e teve 10 alunos selecionados (9 de moda e 1 de arte). Durante 7 meses, eles participaram de 4 encontros presenciais e criaram peças com retalhos de tecidos, trabalhando a sustentabilidade de forma criativa e única.

renato-dib-e-walter-rodrigues1Por meio do projeto Viés, eles ainda contaram com o apoio em corte e costura de ONGs que capacitam jovens e adultos em condições de vulnerabilidade social, como o Instituto Acaia e a Fundação Francisca Franco. No dia 05 de novembro, às 18h, os jovens talentos apresentam os resultados finais de sua jornada para o júri formado por Paulo Borges, Lilian Pacce, Walter Rodrigues, Renato Dib e André Hidalgo, além do público, que poderá votar em seu estilista favorito por meio do APP do evento.

Workshops: O Focus Fashion Summit realiza, em conjunto com o IED - Instituto Europeo Di Design, uma programação especial e exclusiva de workshops dados por profissionais renomados e reconhecidos em suas áreas. Cada sessão tem capacidade de aproximadamente 20 pessoas e as inscrições serão realizadas na própria Bienal ou pelo app, de forma gratuita. Os participantes terão a oportunidade de aprender técnicas e fundamentos utilizando materiais de alta qualidade, oferecidos pelos parceiros do evento.

ibirapuera_pavilhao_ciccillo_matarazzo_biennale_072-640x427Oportunidades de Negócios  - Em formato inovador, o Focus Fashion Summit promove um marketplace com foco em B2B, composto por vitrines e mais de 40 estandes, reunindo estúdios de estamparia, aviamentos, lavanderias, maquinários, tecnologias, produtores e o portfólio completo de artigos da Focus Têxtil, apresentados por segmento de mercado. O espaço é ideal para profissionais da indústria da moda do país se reunirem para compartilhar ideias, trabalhar e construir coleções em um lugar único para fazer negócios.

focus-fashion-summit_infos1

PROGRAMAÇÃO FOCUS FASHION SUMMIT

05/11 (Terça-Feira)

PLENÁRIA

09h30 | ABERTURA OFICIAL

10h | TALK ESPECIAL Alexandre Herchcovith

10h30 | DIREÇÃO CRIATIVA VERÃO 20/21 Alexandre Morita

11h10 | FORMAS DA ESTAÇÃO Bia Aidar

12h30 | PAINEL SUSTENTABILIDADE HOJE Chiara Gadaleta (Especialista em Sustentabilidade), Eloisa Artuso (Fashion Revolution), Agustina Comas (Designer Upcycling), Fernando Beltrame (Eccaplan), Paulo Cristelli (Focus Têxtil)

14h | INOVAÇÃO EM ESTAMPARIA Gerardo Gordon (EPSON)

14h30 | HOMENS E MODA NO SÉCULO XXI Mário Queiroz

15h | DIREÇÃO CRIATIVA VERÃO 20/21  Ellen Leite

15h45 | FORMAS DA ESTAÇÃO + DESFILE TÉCNICO Bia Aidar

16h30 | PAINEL NOVOS RUMOS DA MODA    Paulo Borges, Jackson Araújo, Walter Rodrigues e Patrícia Carta (Harper’s Bazaar)

17h30 | INOVAÇÃO - CASE AMARO Anay Zaffalon

18h | DESFILE DESIGN VISION  Júri: Paulo Borges, Walter Rodrigues, Renato Dib e André Hidalgo

AUDITÓRIO

10h | VERÃO 20/21: TENDÊNCIAS PARA INFANTIL Sofia Martellini (Use Fashion)

10h30 | ALL ABOUT DENIM BY FOCUS Marli Vernillo (Focus Têxtil)

11h | DISRUPÇÃO PARA AUMENTO DE PRODUTIVIDADE NO MUNDO TÊXTIL Arnaldo Goldemberg (Digifair)

11h30 | FOCUS TÊXTIL MALHARIA - LANÇAMENTOS VERÃO 20/21 Eveline Sotero (Focus Têxtil)

12h | NOVIDADES DE RFID Lorival Bublitz (Haco)

14h | VERÃO 20/21: TENDÊNCIAS PARA MODA ÍNTIMA E PRAIA Sofia Martellini (Use Fashion)

14h30 | TRENDS - PLUS SIZE Aliana Aires

15h | PERSONALIZE – SOLUÇÕES PARA PROJETOS PERSONALIZADOS Silvia Nitti (Focus Têxtil)

15h30 | HIGHLIGHTS DO MERCADO MASCULINO VERÃO 20/21 Cristina Tiaki (Focus Têxtil)

16h | TALK NOIVAS  Leonardo Hallal e Bárbara Melo

16h30 | VERÃO 20/21: TENDÊNCIAS PARA CALÇADOS E DECORAÇÃO Sofia Martellini (Use Fashion)

17h | HOME BY FOCUS TÊXTIL Rosa Guz (Focus Têxtil)

17h30 | MODA FEMININA: SIMPLICIDADE, MINIMALISMO E RUSTICIDADE  Claudia Losch (Focus Têxtil) e Tatiana Pires (Focus Têxtil)

18h | 4 MEGATENDÊNCIAS - O QUE MUDOU? Patrícia Costa (Lectra Brasil)

18h30 | MERCADO DE DECORAÇÃO Renato Orensztejn (ABCasa)

06/11 (Quarta-Feira)

PLENÁRIA

09h30 | PERSPECTIVAS PARA O VAREJO DE MODA Luiz Antonio Secco (Sócio fundador da Azov), Marcella Kanner (Riachuelo), Fabio Fadel (Pernambucanas), Felipe Sanchez (Global), Fernanda Feijó (Renner) e Andrea Sanches (Marisa)

10h30 | DIREÇÃO CRIATIVA VERÃO 20/21 Alexandre Morita

11h05 | FORMAS DA ESTAÇÃO Bia Aidar

11h20 | MODA COM PROPÓSITO André Carvalhal

14h | FORMAS DA ESTAÇÃO + DESFILE TÉCNICO Bia Aidar

14h40 | DIREÇÃO CRIATIVA VERÃO 20/21  Ellen Leite

15H30 | ZEITGEIST: AS 6 MACRO TENDÊNCIAS IMPACTANDO SUA INDÚSTRIA Vanessa Mathias (White Rabbit)

16h30 | NOVO PERFIL DE CONSUMO Leo Piccon, Ale Farah, Ana Limonge (Swarovski) e Leo Hallal

17h30 | MODA É A ROUPA QUE VENDE  Eduardo Christian

18h | TALENTOS DA MODA SUSTENTÁVEL Paulo Cristelli (Focus Têxtil)

18h20 | DESFILE COLEÇÃO TALENTOS DA MODA SUSTENTÁVEL

18h30 | DESFILE ESPECIAL - MATEUS CARDOZO

AUDITÓRIO

09h30 | VERÃO 20/21: TENDÊNCIAS PARA INFANTIL Sofia Martellini (Use Fashion)

10h | JEANS: O PROTAGONISTA DA MODA JOVEM Robi Spatti (Consultor Jeanswear)

10h30 | ALL ABOUT DENIM BY FOCUS Marli Vernillo (Focus Têxtil)

11h | ALFAIATARIA 4.0 Akihito Hira (Senai Cetiqt)

11h30 | COMO APURAR A IDENTIDADE DA SUA MARCA COM AS LENTES DO DESIGN E DA ESTAMPARIA Adriana Boulos (Consultora e Especialista em Estamparia)

12h | TIME OF PRINTED - FOCUS TÊXTIL Regina Negrão (Focus Têxtil)

14h | VERÃO 20/21: TENDÊNCIAS PARA MODA ÍNTIMA E PRAIA Sofia Martellini (Use Fashion)

14h30 | A EVOLUÇÃO DO MERCADO TÊXTIL MASCULINO Leonardo Hallal (Focus Têxtil)

15h | HIGHLIGHTS DO MERCADO MASCULINO VERÃO 20/21  Cristina Tiaki (Focus Têxtil)

15h30 | PERSONALIZE – SOLUÇÕES PARA PROJETOS PERSONALIZADOS Silvia Nitti (Focus Têxtil)

16h | INOVE, IMPRIMA, IMPRESSIONE Felipe Simeoni (Global)

16h30 | VERÃO 20/21: TENDÊNCIAS PARA CALÇADOS E ACESSÓRIOS Sofia Martellini (Use Fashion)

17h | CALÇADOS BY FOCUS TÊXTIL Rosa Guz (Focus Têxtil)

17h30 | MODA FEMININA: SIMPLICIDADE, MINIMALISMO E RUSTICIDADE  Claudia Losch (Focus Têxtil) e Tatiana Pires (Focus Têxtil)

18h | CASE FOM

18h30 | MINDFUL LUXURY Mônica Orcioli (Swarovski Professional)

mezanino_012SERVIÇO

Focus Fashion Summit

Local: Bienal de São Paulo – Parque do Ibirapuera – SP

Pavilhão Ciccillo Matarazzo

(Pavilhão da Bienal)

Parque Ibirapuera – Portão 03

Av. Pedro Álvares Cabral S/N – CEP 04094-000

São Paulo, Brasil

Data: 05 e 06 de novembro de 2019

Evento aberto a público mediante inscrição prévia no site www.summit.focustextil.com.br

projeto-design-vision-2-640x4271projeto-design-vision-640x427Sobre a Focus Têxtil - é uma empresa que desenvolve e comercializa tecidos para diversos segmentos. Atendimento, qualidade e responsabilidade social são prioridades, além de encantar os clientes. Tem como missão oferecer produtos para grande parte do mercado: feminino, masculino, infantil, moda íntima, denim, calçados, acessórios e decoração.

A busca contínua pelo melhor produto final, aliada ao amplo serviço de informação e pesquisa, reforçam a qualidade dos artigos. A coleção é desenvolvida através de um profundo estudo de tendências de moda, mercado e consumo, para a definição de cores, estampas e padronagens em cada estação.

Um vasto grupo de fibras é trabalhado nas linhas, tais como algodão, poliamida, elastano, poliéster, viscose, seda, linho, rami, lã, fios metálicos, etc. O mix de produtos é composto por diversas construções, como transparências, acetinados, tafetás, tecnológicos, bases naturais, alfaiatarias, tules, rendas, paetês, malhas, couro e pele sintéticos, jeans e estampados.

da redação com informações da INDEX Estratégias de Comunicação   imagens: fotos/divulgação

25ª edição do Minas Trend - TECENDO FUTUROS

worldfashion • 29/10/19, 16:40

logo2Com a abertura no dia 21 para convidados, o evento aconteceu de 22 a 25 de outubro e o balanço dos resultados foi positivo para os expositores. Em quatro dias, mais de 20 mil pessoas passaram pelo Salão de Negócios - o maior do segmento de moda na América Latina –que reuniu marcas de vestuário, bolsas, calçados, acessórios e têxtil das cinco regiões do Brasil. O volume de vendas, em alguns casos, superou a casa dos 60% e contribuirá de forma significativa para a sustentação dos negócios até a próxima edição, prevista para abril de 2020.

48947277137_0acafcd4b0_cDe Norte a Sul do país, não faltam exemplos de quem escolheu o Minas Trend como um ponto de conexão com o mercado nacional e internacional. A consagrada marca do joalheiro e designer Hector Albertazzi (SP), especializada em acessórios de luxo, é um exemplo disso. Comemorando 10 anos de trajetória e 10 edições do Minas Trend, o grupo tem o evento como uma importante plataforma de promoção e geração de negócios. “Esta edição foi muito importante para nós. Abrimos novos clientes e em dois dias alcançamos o resultado que esperávamos para a feira inteira. Ainda não fechamos o resultado final, mas o crescimento parcial, comparado ao ano passado, está em torno de 60%. A estimativa é de que ele possa chegar a 90%. O evento é importante tanto para a abrangência da nossa atuação em cidades brasileiras, como para a entrada em novos países, como Polônia e Israel”, afirma Carla Panelli, diretora comercial da Héctor Albertazzi.

samanta-melo_cred-sebastiao-jacinto-junior-640x426A Ryzí e a DonnaLu, pertencentes ao Grupo MCM, de Novo Hamburgo (RS), em sua segunda participação, apostaram em um novo posicionamento no Salão de Negócios do evento, apresentando suas inovações nas famílias de bolsas. “O nosso resultado foi muito positivo. O Minas Trend é um evento importante para nossas marcas, pois traz o perfil de lojista que buscamos, as boutiques. Acredito que os lançamentos colaboraram para esses números, assim como os investimentos em espaço e divulgação, em parcerias com influenciadoras digitais”, ressalta Samanta Melo, gerente comercial do Grupo.(na foto à esquerda de Sebastião Jacinto Júnior)

48946574363_44a677ee7c_w-1Para o presidente da FIEMG, Flávio Roscoe, (na foto à direita, na abertura do Congresso Internacional da ABIT) esta edição reflete o novo momento do evento e sua consolidação como uma importante plataforma de geração de negócios para a indústria nacional. “Ampliamos o fomento aos negócios, fortalecendo o Salão, e também acrescentamos ao evento o lançamento de produtos da indústria mineira em diferentes setores, como o de energia. Vamos agregar ainda mais qualidade ao que oferecemos à cadeia produtiva da moda”, pontua.

gislaine-pereira_le-jolie_cred-sebastiao-jacinto-junior-640x426A Le Jolie Lingerie, uma das marcas de moda íntima – segmento estreante no evento -, ficou satisfeita com a sua primeira experiência no Minas Trend. “Foi muito interessante ter esse contato com o público e perceber como a nossa marca é vista no mercado. Desenvolvemos uma coleção exclusiva para o Minas Trend, empregando uma pegada fashion na moda íntima, que pode compor os looks casuais. Participar do FIEMG competitiva foi muito importante, pois abriu nossos olhos para essa tendência e nos trouxe uma experiência que será fundamental para o futuro”, comenta Gislaine Pereira, gerente de marketing da marca. (na foto à esquerda de Sebastião Jacinto Júnior)

Já a Nouveau Jour, loja online de T-shirts premium, encontrou nos programas de desenvolvimento empresarial da FIEMG a oportunidade de elevar o seu patamar no mercado da moda. “Criei a marca há cinco anos e há um ano e meio trabalho com atacado. Tive a oportunidade de estrear na edição primavera/verão 2019 do Minas Trend, por meio do programa Ready-to-go, participei de outros projetos neste formato e agora volto pelo FIEMG Competitiva. Fazer parte dessas iniciativas de capacitação foi essencial para que eu estivesse aqui hoje. Nesta temporada, tive uma boa movimentação no estande e consegui ampliar minha atuação com clientes de novas praças, dentro e fora do estado”, conta Natália Carneiro, proprietária da marca, que revela seu sonho: “quero me consolidar para voltar aqui por conta própria”.

amanda-di-nardi-foto-0-640x428A designer e ourives, Amanda De Nardi,(na foto à direita) faz seu debut no Minas Trend com uma novidade para o segmento de joias. A coleção intitulada Luminar aposta em modelos criados com diamantes sintéticos, pedras que possuem as mesmas propriedades físicas e óticas de um diamante natural, mas sem o impacto ambiental causado na extração da matéria-prima por meio da mineração.

amanda-di-nardi-foto-2-de-lets-sousa-1-640x4271As gemas utilizadas foram produzidas em laboratório com a tecnologia HPHT (do inglês, high pressure high temperature), na qual partículas de carbono foram comprimidas e cristalizadas num ambiente controlado de alta temperatura e pressão, que reproduzem a força da natureza.

Segundo a diretora criativa, Amanda De Nardi, o diamante sintético ainda não foi utilizado por nenhuma empresa nacional. “Somos pioneiros na produção do mix de peças com as gemas produzidas em laboratório. Estamos fazendo parte de um avanço tecnológico da indústria joalheira que amanda-di-nardi-foto-1de-lets-sousa-427x640transforma a amanda-di-nardi-foto-3-de-frank-bitencourt-1-547x640experiência de compra”.

Em tempos em que é preciso repensar processos de produção e consumo, a empresária mostra em sua coleção como é possível valorizar o design e o conceito estético, sem deixar de lado a responsabilidade social e ambiental como critério de trabalho. “Para seduzir o olhar, cada quartzo da coleção Lumiar tem cravação de design inédito com diminutos brilhantes CVD, que cumprem o papel de elevar a joia de prata e cristal à categoria de alto-padrão. Tudo isso feito por meio de uma produção sustentável”, afirma

48949344818_0bc54d022c_wProveniente da Cidade Maravilhosa, o Atelier Chilaze faz a ponte entre a exuberância carioca e a rica cultura da Região Norte, imergindo nas águas do Rio Negro para criar sua nova coleção  Eletrozônia: Amazônia eletro. A arte plumária e a riqueza artesanal locais são ponto de partida para Claudia Chilaze (na foto à esquerda) desenvolver uma fornada de peças solar, colorida, urbana e contemporânea que nada tem de étnica, mas se nutre dessa ambiência abençoada pela 0372-chilaze-m4687diversidade da maior floresta do mundo. A inspiração vem dos povos nativos situados na extensa área que compõe o Noroeste Amazônico, que vai do Brasil à Colômbia, cujas tribos carregam nomes exóticos e tradições tão ímpares quanto Karapanã, Barasana, Wakeneka, Yuhupde e Kubeo e Makuna.

0131-chilaze-m4305Para tanto, a label não se predispõe a realizar nenhum exercício etnográfico fashion. A proposta é outra: se deixar levar pela brisa cultural desses povos, se nutrindo de sua beleza num livre exercício criativo. A partir das percepções sensoriais captadas no processo de pesquisa, a designer se solta deixando a semiótica naturalmente brotar da epiderme: usa de forma quase intuitiva o conhecimento adquirido na fase de coleta de conteúdo para elaborar peças cuja matéria-prima de base é a resina de poliéster – carro-chefe da brand –, mesclada com materiais sustentáveis que incluem cordas exclusivas à base de pet, linhas em algodão, sisal, madeira e o aproveitamento dos rolos de papel kraft proveniente do descarte do papel higiênico. O Atelier Chilaze ainda oferece linhas de bags em cestaria e palha natural desenvolvidas por cooperativas do Ceará, além de bolsas de bambu com tingimento natural.

0570-chilaze-m49080516-chilaze-m4854São maxi colares, braceletes, brincos, cintos com fivelas avantajadas, bolsas e clutches que compõem o conjunto de itens, que vai mensalmente se ampliando com novos modelos criados em pequenas cápsulas complementares. Nas formas, o impera o mix da geometria com os acabamentos manuais em peças muitas vezes simétricas, cuja tônica é o contraste de toques. O tato, em caráter sinestésico com a visão, estimula a ludicidade e reafirma o imaginário estético da marca.

Já o colorido das penas de pássaros e da flora da região, que adorna os corpos dos nativos da Amazônia, comparece na plasticidade da amplo espectro cromático que a resina permite, em texturas bilhantes ou foscas, num resultado interessante quando combinado com os materiais orgânicos. (fotos de Marcel Streicher)

arte-sacra-foto-2-adriano-ramalho-337x640arte-sacra-foto-3-adriano-ramalho-347x640Para a temporada de inverno 2020, a Arte Sacra voltou seus olhos para as debutantes e desenvolveu uma coleção cápsula especialmente para elas. Composta por 16 peças, a ‘Arte Sacra Quinze’oferece às jovens peças modernas, que brincam com o desejo de princesa, mas sem deixar de lado a proposta descontraída e confortável. Por isso, os vestidos são funcionais e as saias são removíveis.

“O objetivo é que as meninas cheguem à festa com um vestido triunfal e, logo depois da valsa, possam curtir o baile com mais conforto. As saias são facilmente retiradas e transformadas o vestido transformado em um lindo curto ou arte-sacra-foto-0-480x640arte-sacra-foto-1-vivi-martinelli-406x640em um macaquinho”, revela Carolina Malloy diretora criativa da etiqueta(na foto à direita ao lado da sua irmã Marcela Malloy).

O Minas Trend é o maior Salão de Negócios de moda da América Latina, realizado em Belo Horizonte, em duas temporadas anuais primavera/verão e outono/inverno. A iniciativa da Federação das Indústrias de Minas Gerais (FIEMG) tem o objetivo de fomentar a indústria mineira da moda, 48947081066_808e224f45_ctrazendo oportunidades para toda a cadeia produtiva e promovendo a qualidade e a versatilidade de seus segmentos. A plataforma é conhecida internacionalmente por lançar tendências e oferecer uma experiência completa ao público, unindo conteúdo de moda, geração de negócios e a oferta de entretenimento de qualidade.

48973567543_819d2d621d_cO Minas Trend conta com apoio e patrocínio do SEBRAE, CODEMGE, AngloGold Ashanti, Multiplan, SESI SENAI Nacional, ABIT, Mais Previdência, Instituto Estrada Real, CEMIG, Ministério da Cultura, Lei de Incentivo à Cultura, Krug Bier, Zuurgin, IED + Consulado da Itália, Energisa/Alsol, CEMIG SIM/Mori, Credifiemg, Caimi&Liaison e Ecomaterioteca.

AGENDA - 3a.edição do Trend Session Jeanswear

worldfashion • 14/10/19, 15:46

00052
370478_912787_shutterstock_229543792_adj_fadeout_cmyk_web_Marcado para o próximo dia 17, quinta feira, mais uma edição do Trend Session Jeanswear da marca LYCRA®, o evento de propriedade da empresa para o segmento da moda,  reunirá diversas palestras com conteúdos sobre denim para seus clientes diretos as tecelagens, e aos indiretos - confecções e marcas, imprensa e formadores de opinião, no espaço Vila São Paulo.

A programação será comandada por Silvana Eva, Gerente de Marketing para o mercado de tecidos planos da The LYCRA Company, que apresentará a “Evolução do Jeans nos últimos 10 anos”,  resultado de estudos conduzidos pela empresa com confecções e lavanderias no Brasil sobre os “Mitos, verdades e boas práticas na confecção”, e compartilhará informações sobre como desenvolver a modelagem das peças de acordo com as propriedades de cada tecido.

O evento ainda contará com exposição do case de sucesso da marca LYCRA® com a Lunender, no desenvolvimento da coleção “Jeans Escultural” com tecnologia LYCRA® BEAUTY.

370478_912786_freef_t_web_2A surpresa final ficará por conta do lançamento da tecnologia LYCRA® FREEF!T®, outra inovação da marca LYCRA® para o mercado de Jeanswear, que oferece um stretch gradual aos tecidos, com alto poder de recuperação e baixa força de compressão, que possibilitará a confecção de peças com um ajuste impecável ao corpo e  extremo conforto.

O público ainda poderá conferir uma exposição com as principais inovações tecnológicas da marca LYCRA® para o segmento, dentre elas: LYCRA® BEAUTY, que valoriza os contornos do corpo com mais conforto; LYCRA® XTRA LIFE™, que evita deformações das peças e mantém sua forma por mais tempo e LYCRA® XFIT™, que oferece um stretch 360° e menor encolhimento.

Programação:

Café de boas vindas

Evolução mercado Jeanswear últimos 10 anos

Mitos, verdades e boas práticas na confecção

Como tirar melhor proveito na modelagem

Apresentação do projeto: LUNENDER com tecnologia LYCRA® BEAUTY

Lançamento da tecnologia LYCRA® FREEF!T® para o mercado brasileiro

ambiente-rua-vila-sao-paulo-1846011Serviço:

LYCRA® Trend Session Jeanswear 2019

Data: 17 de outubro, quinta-feira

Horário: 8h às 12h

Local: Vila São Paulo

Endereço: Rua Visconde de Parnaíba, 2910 - Belenzinho - São Paulo - SP

da redação  com informações da  MktMix Assessoria de Comunicação  imagens: fotos/divulgação