“Fazendo Moda e (Re) Criando Direitos”

worldfashion • 04/09/19, 09:53

20180327_foto_pedro_vannucchi_sesc_avpaulista_034O estilista Ronaldo Fraga e o grupo de bordadeiras “Meninas da Barra” estarão no Sesc Avenida Paulista para o bate-papo “Fazendo Moda e (Re) Criando Direitos”. O encontro, conta também com a presença do designer-artesão Gustavo Silvestre e a doutora em história Maria Claudia Bonadio. São experiências bem-sucedidas de projetos que unem moda e projetos sociais, bem como sua relação com os direitos humanos.

A conversa abordará iniciativas vinda de estilistas e designers que atuam em projetos sociais diversos e sua relação com a temática dos direitos humanos. Mediada por uma especialista em moda brasileira, a discussão tratará resultados positivos trazidos a partir da união entre o fazer criativo do universo da moda e o resgate de cidadania e dignidade humana das pessoas envolvidas (membros da população carcerária e atingidas por barragens). Com Ronaldo Fraga, Gustavo Silvestre e membros do Meninas da Barra.

barra-longa_foto-ana-colla-4O grupo de bordadeiras “Meninas da Barra” tem sede na cidade de Barra Longa (MG), elas preservam os conhecimentos e a tradição do bordado que chegou na região no século XVIII através dos colonizadores portugueses e hoje gera renda e destaque para o trabalho feminino, porém estão na região que foi atingida pelos rejeitos tóxicos provenientes do rompimento da barragem de Mariana. Em 2018, o grupo colaborou com a coleção desenhada pelo estilista Ronaldo Fraga, que ganhou as passarelas da São Paulo Fashion Week e mostrou o trabalho das artesãs para o mundo.

barra-longa_foto-ana-colla-3Ronaldo Fraga é formado pelo curso de estilismo da UFMG - Belo Horizonte, pós-graduado na Parson’s School de Nova York e Millenery pela San Martins School de Londres. Vencedor do Prêmio “Estilista Revelação”, em 1997, promovido pelo Phytoervas Fashion, concorreu como a “Melhor Coleção Feminina” pelo Prêmio Abit em 2002 com Quem matou Zuzu Angel? Ronaldo Fraga foi o primeiro representante da moda brasileira a receber a medalha da Ordem do Mérito Cultural em 2007, concedida pelo ministro da cultura Gilberto Gil.

gustavosilvestre_1-427x640Gustavo Silvestre, designer-artesão teve suas coleções desfiladas na Casa de Criadores. Produziu a SP Ecoera, maior plataforma de sustentabilidade da moda brasileira, e descobriu no crochê uma forma de ter poder e história nas próprias mãos. Divide seu tempo em aulas de crochê no Presídio Adriano Marrey, em Guarulhos.

400703_10151570383818400_84528462_n-300x225Maria Claudia Bonadio possui Bacharelado (1996), mestrado (2000) e doutorado em História pela Universidade Estadual de Campinas (2005). Realizou estágio pós-doutoral no Museu Paulista da Universidade de São Paulo (2014). É professora adjunta da Universidade Federal de Juiz de Fora atuando no Bacharelado Interdisciplinar em Arte e Design, no curso de Moda e no Programa de Pós-Graduação em Artes, Cultura e Linguagens, do qual é coordenadora desde agosto de 2018. É autora dos livros “Moda e Sociabilidade” (2007) e “Moda e Publicidade” (2014).

barra-longa_foto-ana-colla-2Será realizado também uma “Ação Artística de Bordado Livre”, com as “Meninas da Barra” que convidam o público a conhecer e reproduzir seu trabalho, ensinando noções básicas de bordado livre e sua relação com a cultura da região. Os participantes poderão trazer seus materiais para bordar, também serão disponibilizados linhas, agulhas e panos aos visitantes. As atividades são gratuitas e para participar é necessário retirar ingressos com uma hora de antecedência.

Programação MODA E DIREITOS HUMANOS

“Ação Artística de Bordado Livre”

Quando: dia 11 de setembro

Horário: das 14h às 17h, quarta

Onde: Praça (Térreo)

Quanto: Grátis – retirada de ingressos uma hora antes na Central de Relacionamento (2º andar)

Classificação: 14 anos

FAZENDO MODA E (RE) CRIANDO DIREITOS (Bate-papo)

Quando: dia 11 de setembro

Horário: às 19h30, quarta

Onde: Praça (Térreo)

Quanto: Grátis – retirada de ingressos uma hora antes no local

Classificação: Livre

SESC AVENIDA PAULISTA

Avenida Paulista, 119, São Paulo

Transporte Público: Estação Brigadeiro do Metrô – 350m

Horário de funcionamento da unidade:

Terça a sábado, das 10h às 22h.

Domingos e feriados, das 10h às 19h.

Horário de funcionamento da bilheteria:

Terça a sábado, das 10h às 21h30.

Domingos e feriados, das 10h às 18h30.

da redação com informações do SESC Avenida Paulista  imagens divulgação: de Barra Longa/fotos de Ana Colla,  dos desfiles Ronaldo Fraga/fotos Agencia Fotosite  do Gustavo Silvestre/foto divulgação

sem comentários

Atenção: o sistema de comentários foi concebido para promover debates construtivos sobre os assuntos publicados. A Link Editora reserva-se o direito de excluir conteúdos (textos, fotos, urls ou qualquer outro) que julgar preconceituosos, ofensivos, difamatórios, caluniosos, prejudicial a terceiros ou que infrinjam qualquer legislação atual. Conteúdos de caráter promocional ou comentários anônimos também serão removidos.
Ressaltamos que os conceitos e opiniões emitidos nesse espaço serão de única e exclusiva responsabilidade de quem os formular.

ainda não há comentários.

deixe seu comentário